quinta-feira, 23 de junho de 2016

[Crítica] Pretty Little Liars - 7x01: Tick Tock, Bitches (Season Premiere)


#SaveHanna

Review:
(Spoilers Abaixo)

Hello, did you miss me? Ou da série que mais enrola e que a gente reclama dessa enrolação, mas não larga de jeito nenhum? Se sim, vamos começar logo a expor os fatos dessa Season Premiere bem meia-boca de Pretty Little Liars, afinal será a última que nos teremos - até que se prove o contrário.

Começando por Hanna, qual a necessidade da emissora excluir Hanna/Ashley dos posters e premieres da temporada? Se eles não tem coragem nem de se livrarem da Emily, quem dirá da Hanna, que é uma das favoritas dos fãs! Mas vamos voltar para o drama da personagem. Ela foi sequestrada na season finale passada por -AD, que avisou aos outros que a mataria se eles não entregassem o verdadeiro assassino de Charlotte em 24 horas. Confesso que gargalhei quando o Ezra disse que se eles não conseguiram descobrir em uma temporada toda quem é -AD, eles não iriam em 24 horas. E o pior que eles não se esforçam. Sério, pessoal! Um assassino dá 24 horas para você salvar sua amiga e o que você faz? Isso, tentar consertar um relacionamento que mal começou, como Spencer fez ligando para o Caleb.

E o pior é que nem chance de se explicar a coitada teve, porque ele desligou na cara dela sem pensar duas vezes. E como quem não tem cão, caça com gato, Spencer já ensaiou uma reaproximação com Toby - mesmo que involuntariamente. Confesso que não lembro se ele ainda namora aquela Yvone e nem vou atrás para saber pois certamente Spoby será endgame, então... Mas Spencer não recebe o título de desesperada por macho da semana sozinha, pois Aria fez o mesmo ao ir atrás do Ezra e dizer que cansou de manter distância. Pelo amor de Deus, vocês ficaram cinco anos separados; o que custava mais umas horinhas para ajudar a encontrar a Hanna?! Só que Ezria têm um ponto a favor para eles pois protagonizaram uma cena bem legal na casa dos DiLaurentis, onde quase foram flagrados por Rollins.

Incrivelmente, a que fez algo essa semana foi Emily, que estava toda determinada a descobrir quem realmente assassinou CeCe. Se ela fez a coisa certa, bom, já são outros quinhentos. Mas a doida acredita que foi Alison só porque perguntou isso enquanto ela estava dormindo e Ali pediu desculpas assim que acordou. O mais interessante é que ela nem leva em conta que a ex podia estar dopada por tanto remédio ou simplesmente atordoada por ter acordado daquele jeito. Enfim, coitada da Alison pois se ela não cometeu o crime, vai sofrer mais do que já vinha sofrendo pois agora Rollins tem a certeza de que foi ela devido ao casaco vermelho - essa cor sempre nos perseguindo. Segundo Marlene, a "Alison Bitch" irá voltar nessa temporada, agora resta saber em que sentido ela falou isso - acredito que esse lado da personagem só voltará quando ela conseguir fugir e começar a preparar sua vingança contra Rollins, já que ele fez questão de confessar suas verdadeiras intenções.

E falando em fugir, depois de um sonho bem forçado com Spencer, Hanna achou um meio para fugir do cativeiro e o fez. Mas ela não conseguiu correr nem dois minutos direito, pois ao pedir ajuda ao um motorista na estrada, este se revelou Mary Drake. Coitada, parecia aquelas personagens de filmes de terror que conseguem fugir mas eventualmente caem nas mãos do assassino novamente - e sim, isso foi um ponto positivo para o episódio, pelo menos. É bem provável que Mary a mantenha presa já que no começo do episódio vemos Aria, Spencer e Emily enterrando algo. Agora o que é, ninguém sabe.

Bom, foi isso que rolou nesse retorno. Como sempre, mais perguntas e nada de respostas, uma premiere bem abaixo do nível das anteriores. Felizmente, é a última temporada (se me dissessem que eu falaria isso na época que via a primeira, eu com certeza iria rir da pessoa), então só nos resta torcer que a série se encerre de forma satisfatória. E claro, Ashley Benson merece todos os elogios do mundo pois ela simplesmente carregou o episódio nas costas. Mas me contem quais são suas teorias, expectativas e sonhos para essa temporada final. Eu estarei observando. E até o próximo episódio.

PS: Qual a necessidade de perder tempo escrevendo de quem você suspeita em um papel, se a cada nome que Mona falava, os personagens se entregavam com o olhar? E todos sabemos como eles são bons em se acusarem entre si, então como diria Nicole Bahls, eu não me prestaria a esse papel e teria falado o nome logo na cara. Economizaria mais tempo e papel!
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
2 Comentários

Comentário(s)

2 comentários:

  1. Concordo totalmente com a crítica, foi a pior premiere da série.

    ResponderExcluir
  2. Não achei o sonho que a Hanna teve com a Spencer forçado, pelo contrário, achei uma das cenas mais lindas da série (se não for a "gêmea" da Spencer, é claro). Spanna ❤

    ResponderExcluir