quinta-feira, 14 de abril de 2016

[Crítica] The Vampire Diaries - 7x14-16: Moonlight on the Bayou / I Would for You / Days of Future Past


Stefan me representando após o último episódio.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Prontos para aquela recapitulação dos últimos episódios de The Vampire Diaries? Bom, não vou me desculpar desta vez pela demora na review, pois em quase toda critica isto vem acontecendo, mas as coisas estão puxadas e eu mal tenho tempo de ver os episódios! Mas antes de teorizarmos os acontecimentos, vamos falar sobre a situação da série? Não deve ser novidade para ninguém que Kat Graham anunciou que deixará a série após a oitava temporada. E, para piorar, logo em seguida foi a vez de Ian Somerhalder dizer o mesmo e acrescentar que o próximo ano será o último do show.

A CW e a Julie Plec, claro, continuam dizendo que nada foi decidido, mas vamos cair na real. Tanto a emissora quanto a produtora têm esperanças de que o show suba na audiência ou ainda continue dando os lucros que dá - pois apesar da baixa audiência, TVD ainda é uma das séries com a maior fanbase da emissora -, mas dificilmente aqueles tempos irão voltar. Junto à isso, vários sites noticiaram que Nina Dobrev voltará para os dois últimos episódios da oitava temporada, o que nos leva a crer que realmente será o fim. Particularmente, acho melhor a série sair de cena deixando saudades do que se manter com tramas rasas e pouco atrativas - como vem ocorrendo com alguns plots deste ano, vale ressaltar. Mas enquanto a CW não confirma o fim, só nos resta comentar a história em si.

Confesso que não gostei muito dessa primeira parte do crossover da série com The Originals - a segunda parte foi infinitamente melhor -, mas os episódios seguintes foram bons, principalmente o último. Vimos que Rayna não é necessariamente uma vilã, ela está mais para uma anti-heroína, afinal a macumba feita por seu pai no passado foi o que a tornou o que é hoje; e a própria chegou a assumir que sabe que Stefan é um "vampiro bom", diferente de muitos outros. Posso falar que amei esse brotp?! Achei bem interessante o lance dela só ter sete vidas e as cenas do Damon matando-a, mas o clichê se mostrou presente quando só sobrou uma vida e Bonnie e ele descobriram que, se ela morresse mais uma vez, todos os marcados por sua espada iam junto, incluindo Stefan.

E falando nele, definitivamente Stefan nasceu para sofrer. Não é novidade que 99% das vezes que ele se dá mal é por tentar ou salvar Damon de algo, que a cada episódio me irrita mais. Todos já entendemos que você sente falta da Elena, então para de repetir isso, em nome de Jesus! Amei o samba que Valerie deu nesse ingrato ao dizer que a pessoa mais importante para ele deveria ser Stefan e não a morta-viva, afinal foi culpa dele o irmão estar na situação que está e ele ainda piora tudo ao dizer que trocaria de lugar com ele, mas desistiu ao perceber que assim nunca mais veria Elena. Isso, mais uma vez, resultou em Stefan se dando mal e terminando preso na Pedra Phoenix novamente, que desta vez foi destruída. Claro, fiquei revoltado com esse final, mas como sabemos que o personagem não morrerá, estou ansioso para ver se no próximo episódio veremos Stefan em sua prisão interna.


Além disso, ainda tivemos que nos despedir de Nora e Mary Louise, que morreram no fim do episódio. Nunca gostei muito da Mary Lou, mas adorava Nora e fico triste ao ver que ela sairá enquanto outros personagens continuam na trama, como Matt e Enzo. Mas gostei de como as duas se mantiveram fiel uma à outra até na hora da morte, mesmo apesar de todas as brigas nos episódios anteriores. Repeti em várias críticas que achava que esse amor ia se transformar em ódio com o passar do tempo. Aliás, vi em várias redes sociais fãs revoltados dizendo que a CW destratava a comunidade LGBT por matar personagens lésbicas. 

Sei que essa revolta é mais por conta da morte de uma tal personagem em The 100 e como não venho acompanhando a série não posso falar sobre, mas pelo menos em TVD isso não se aplica. Mesmo que tenham sido mal desenvolvidas, Nora e Mary Lou sempre deixaram claro que eram um casal e se amavam, além de terem se beijado várias vezes. A morte delas, apesar de triste, fez sentido para a história nesse momento. E falando ainda de casais, posso dizer que Valerie e Stefan têm mais química que Steroline? Sorry not sorry, mas um episódio já pisou em todos de Steroline. Achei digno! Principalmente agora que a Caroline está bancando a mãe do ano para cima e para baixo com as filhas do Alaric. Isso mesmo Valerie, não perca tempo!

Ah, tivemos também a introdução da organização Arsenal, que quer capturar Rayna, mas enquanto não chega no prato principal, come as sobremesas, capturando Tyler (lobisomem), Mary Lou e Nora (vampiros), Bonnie (bruxa), ou qualquer outro ser sobrenatural que conseguirem. Toda temporada de TVD agora precisa ter uma gangue flopada, não é mesmo? Na 5ª tivemos fundação Whitmore (não lembro se eles tinham o mesmo nome da faculdade, mas acho que sim); na 6ª, a família de Jo; e a Arsenal nesta. Se este plot vai se mostrar interessante só o tempo dirá, mas até o momento está sento uma chatice com essa história do Enzo querer saber sobre sua família, coisa que nada acrescenta na trama e é só uma forma de manter o ator na história. Ele passou séculos e não se importou com isso, porque se importar agora? Seria mais fácil tirar o personagem, um ator a menos para a CW pagar salário.

E junto com ele, podiam se livrar do Matt. Se antes (leia "desde o Pilot") o personagem era chato, agora ele está intragável. Ninguém aguenta mais ele bancando o justiceiro depois de apanhar todas as outras temporadas de todos os figurantes que morriam dez minutos depois. A macumba ali deve ser muito grande, pois tiraram até o Jeremy, que era menos irritante e inútil enquanto ele continua na história. Bom, estou me sentindo leve depois de descarregar todo o meu ódio pelo personagem, então até o próximo episódio!
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário