sexta-feira, 8 de abril de 2016

[Crítica] Shadowhunters - 1x13: Morning Star (Season Finale)


Pegue dois litros de água, um pacotinho de Tang e misture bem. Pronto, você já tem seu exército de Shadowhunters!

Review:
(Spoilers Abaixo)

Aqui estou para comentarmos a Season Finale da primeira temporada de Shadowhunters. Foram quase quatro meses acompanhando a série e mesmo não sendo a melhor adaptação seja em roteiro, efeitos especiais ou atuações, me apeguei a história pois adoro os livros.

Como eu disse na crítica anterior, estava com altas expectativas para este episódio, por isso quem o assistiu também deve imaginar o quão foi minha decepção com ele. Houveram outros episódios melhores do que este, onde tudo foi muito corrido e a sensação de que faltou algo ficou no ar. O final dos dois primeiros livros são muito bons, mas o roteiro além de não investir no do primeiro, utilizou o do segundo de forma rasa. Juntando à isso, ainda tivemos a péssima atuação de Dominic Sherwood em um dos episódios - se não o episódio - que mais exigia dele. As ações de Jace não passaram verdade e emoção, e quem assiste a série sem ler os livros dificilmente deve estar se importando com o destino do personagem. E para completar o desastre da cena ainda tivemos aquela água amarelada que os produtores ousaram chamar de sangue de anjo. Eu no lugar deles teria vergonha, de verdade!

Outro ponto importante no episódio foi a volta de Jocelyn do limbo. Foi uma volta bem rápida, se considerarmos que isso só acontece no terceiro livro, mas entendo a necessidade de trazê-la mais cedo, afinal seria maçante ver a mulher feito uma múmia por vários episódios. Entretanto, além de nos privar de uma das melhores cenas entre Clary e Jace, quando eles estão procurando o Livro Branco, essa volta mais cedo deverá afetar profundamente o plot dos dois serem irmãos, o que me leva a pensar que a série mostrará essa trama de outro modo. Só espero (e torço) que essa mudança não destrua ainda mais os dois, pois os dois são os personagens mais rasos da série - apesar de que Clary consegue ser boa em alguns momentos.

E ainda tivemos Izzy, que foi jogada totalmente de lado nessa finale. Não sei se comentei nas reviews anteriores mas mesmo com todo o plot da Clary de achar uma cura para a mãe, a série sempre investiu mais pesado nas tramas de Izzy. Ela precisou mudar seu jeito de se vestir, precisou terminar com Meliorn, quase foi expulsa do mundo dos Shadowhunters etc. E apesar de todo esse enfoque sobre a personagem durante a temporada ter sido um ponto positivo para a série - afinal, no filme ela é quase uma figurante -, nada justifica esquecerem da mesma aqui. Imagina se a série tivesse sido cancelada? Izzy teria terminado seu ciclo com várias mudanças que não a levariam à nada.

Mas vamos falar de coisa boa, vulgo Malec? Esse episódio também cedeu uns minutos para o mais novo OTP de Idris e teve até uma cena de ciúmes de Alec depois de ver Magnus e Camille se beijando - ela que roubou o beijo, caso alguém esteja lendo a review sem ver o episódio, ok? Ok! Achei muito boa a cena entre Maryse e o filho, onde ela diz que o que incomoda no relacionamento de Alec com Magnus não é o fato de ele ser um homem, mas sim, um feiticeiro. Século XXI né, pessoal?! Com isso, ficou claro que o grande impasse no namoro dos dois na segunda temporada será o fato de Magnus ser um submundano. E além desse plot, também foi confirmado que a próxima temporada focará na guerra entre os vampiros e shadowhunters, devido ao acordo entre Clary e Raphael ter sido quebrado neste episódio.

No geral, foi uma temporada que mais pecou do que acertou, mas mesmo assim, não desisti da série e espero que os criadores aproveitem esses meses para melhorá-la. No começo, o orçamento era pequeno e até era compreensível não investirem tanto devido ao flop que foi o filme em questão de bilheteria, mas agora, até a Netflix está envolvida. Merecemos uma melhora nesses cenários, efeitos e tudo o que temos direito. Não gostei mesmo desse episódio, mas é aquele ditado, né?! Agora só tenho a agradecer à todos vocês que leram as reviews durante esses meses e se você só me acompanha nas reviews de Shadowhunters, até 2017!
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário