domingo, 3 de abril de 2016

[Crítica] The Originals - 3x12-15: Dead Angels / Heart Shaped Box / A Streetcar Named Desire / An Old Friend Calls


"A guerra está só começando." - Marcel Vidente Gerard.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Alô, alô, vocês sabem quem sou eu? Sim, sumi totalmente das críticas de The Originals, mas foi por motivos maiores, acreditem. Mas enquanto uns fogem (oi, Klaus), eu retorno para vermos o que rolou nos últimos episódios da série. Até o momento que estou escrevendo esta review, a legenda do décimo sexto ainda não havia saído, portanto, a crítica dele ficará para outro dia e hoje vamos focar nos quatro anteriores. Agora, sem mais delongas, venham comigo!

Assisti esses episódios em sequência e só tive que quebrá-la porque o décimo quarto da sexta temporada de The Vampire Diaries era a primeira parte do crossover e precisava vê-la para entender a segunda, obviamente. Mas se não fosse preciso, não teria parado os de TO, sem dúvidas nenhuma. Diferente de TVD, que tenta à todo custo conseguir se manter no ar mesmo que a trama não empolgue, TO conseguiu respirar um ar durante esse hiatus que a revigorou consideravelmente. E estes episódios foram prova disso! O clima de guerra foi elevado ao máximo e conseguiu mostrar que a guerra está acontecendo, com várias pessoas querendo seu próprio objetivo - coisa que os primeiros episódios antes do hiatus não conseguiam e a guerra entre os Originais e Aurora, Lucian e Tristan mais parecia uma briguinha por mágoas do passado do que por sobrevivência.

Como vimos no décimo primeiro episódio, Cami roubou o cavalinho feito de carvalho branco e fez um trato com Klaus: o objeto por suas armas de família. A troca, claro, foi aceita, mas ninguém esperava que Aurora aparecesse e conseguisse o brinquedinho de Hope. Isso só colocou mais lenha na fogueira e fez a guerra explodir de vez. Mas antes de irmos para esse assunto, quero falar o quanto esse mimimi da Cami já deu! Havia adorado a personagem toda cretina no episódio do Cavalinho, mas esses só mostraram que sua fase "desligada" está igual a de Elena: apenas uma menininha mimada que quer atenção. Porém, diferente da de Elena que foi engraçada e resultou nos melhores episódios da quarta temporada de TVD, a de Cami nem diverte. Ela tenta bancar a durona mas o próprio olhar entrega que ela não passa de uma pessoa assustada e querendo registir aos sentimentos por Klaus.

E esse surto de resistir à tensão sexual está afetando Hayley também, que disse a Elijah que os dois não podem ficar juntos em respeito ao finado Jackson. Sinceramente, eu não perco de dez à quinze minutos da minha vida baixando os episódios para ver isso. Até eu que não suportava o Jackson sei que ele realmente te amava e quer te ver feliz onde estiver, então vamos melhorar, mana, porque isso você não é a Paulina de A Usurpadora! Pelo menos, diferente de Cami, a personagem nos presenteou com boas cenas exceto essa. Hayley é uma das personagens que mais cresceram na série e nessa safra de episódios só nos mostrou isso, lutando contra todos que ameaçaram machucar sua família. Ganhei meu dia com ela matando Aya e todos que a ajudaram a torturar Jackson e ela.

E seguindo a linha girl power em TO, tivemos Davina totalmente focada em trazer Kol de volta. Esforço esse que deu certo, já que, para nossa alegria, o personagem voltou e tivemos cenas shippaveis de Kolvina. Só que além de Kol, Finn apareceu vivinho da silva também, deixando todos nós com a cara na poeira. Agora não sabemos se ele irá ajudar ou ser mais um dos inimigos da família. Mas nem tudo saiu perfeito no plano de Davina, pois para trazer Kol de volta, ela precisou quebrar a ligação de Klaus com sua linhagem, ou seja, agora quem quiser pode matá-lo sem ir junto, até os transformados pelo próprio. E como o primeiro de muitos inimigos já apareceram e causou um pequeno caos, Klaus pegou Hayley e Hope, saindo numa viagem sem rumo. Katherine deve estar rindo no inferno nesse momento, não é mesmo?

Estou bastante animado para os próximos episódios, principalmente quem vai cair por amigo e quem vai cair por inimigo, afinal Rebekah caiu por Elijah sendo assim a que caiu pela família. Muitos apostaram que Klaus foi o que caiu por inimigo (quando Davina quebrou a ligação com sua linhagem), mas acredito que não; sua "queda" deverá ser por um desses tais inimigos. Espero que eles honrem o titulo de vilões dessa temporada, pois Aurora, Lucien e Tristan prometeram e não cumpriram nada nesse quesito. Ah, e vocês já devem saber mas The Originals está renovada para a quarta temporada, então esse não será o fim dos Mikaelson. E sobre o crossover com TVD: foi legal, mas a verdade é que pouco acrescentou na mitologia da série em si. Agora só nos resta esperar pelos próximos episódios e ver como toda essa loucura vai acabar.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário