domingo, 21 de fevereiro de 2016

[Crítica] Pretty Little Liars - 6x15/16: Do Not Disturb / Where Somebody Waits For Me


O mundo gira e chegou sua vez de ser suspeita novamente.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Primeiramente, desculpem o meu sumiço. Isso aconteceu porque um parafuso do meu notebook caiu e a lateral ficou um pouco aberta e, com medo de agravar a situação enquanto não conseguia uma chave de fenda do tamanho dele, resolvi nem tocar no aparelho. Explicações prestadas, vamos ao que interessa. Já alertando que essa semana já tivemos a manjada montanha russa de Pretty Little Liars, onde um episódio é bom mas o seguinte não consegue o mesmo feito.

Do Not Disturb foi, sem sombra de dúvidas, o melhor episódio desses dois. Sabe aquele episódio que as coisas vão acontecendo sem serem forçadas e quando você vê, os quarenta e dois minutos já se passaram? Foi o que aconteceu com esse. Enfim, descobrimos o segredo tão misterioso de Ezra e Byron. A verdade foi que Byron e Ella reataram e estava com medo de contar à Aria. Achei uma explicação bem porca e que não justifica o fato do Ezra aceitar ser acusado de assassinato só porque os ex-genros pediram para que ele mantivesse segredo? Com certeza, mas sempre nutri a vontade de ver Ella e Byron juntos novamente, mesmo que ele não preste, além de que era óbvio que esse segredo não seria nada demais; então pelo menos foi por algo que eu sempre quis.

Aria ainda esteve envolvida em outra parte interessante do episódio onde, junta com Spencer, invadiu o quarto de Sara no hotel. A cena lembrou muito vários momentos nas temporadas anteriores onde ficavámos com o coração quase saindo na boca com medo das Liars serem pegas no flagra. A cena ainda deixou um gancho muito bom para o próximo episódio, já que Aria desceu por uma passagem que achou no closet de Sara e sumiu. Mas como alegria de pobre dura pouco, Where Somebody Waits For Me chegou e mostrou que a passagem é apenas um túnel que Sara provavelmente usa para sair e entrar do hotel - e o quarto é o antigo de CeCe quando o espaço ainda era o Radley, mas isso não acrescenta em nada.

E além disso, mais um motivo para Aria acreditar que o pai não está envolvimento na morte de CeCe é que, de acordo com a autópsia, o que a machucou é um objeto retangular de metal e oco, diferente do taco de golfe que ela e as outras achavam que havia causado sua morte. Com isso, quem se tornou o novo suspeito foi Melissa, já que Spencer percebeu que a mala da irmã estava quebrada e que o metal do local bate com a descrição que Tanner deu da arma do crime. Já tivemos Ezra, Byron e agora Melissa. Qual será o próximo a voltar a ser suspeito depois de mil temporadas? Jason, talvez? Bom, já sabemos como isso vai terminar, mas já quero que essa nova suspeita sobre a Melissa a traga no próximo episódio porque sempre gostei da personagem.

Bom, já comentamos os fatos mais interessante do episódio, então agora vamos expor os chatos: Emily continua com plots sofríveis e só se dando mal na vida, e agora sem óvulos para doar. Mona apareceu nesse episódio mas não teve o menor impacto, afinal quem se importa com essa história da campanha de Veronica? Isso mesmo, ninguém. E se a tentativa de jogar uma doença para a personagem foi para enriquecer o plot ou causar comoção, ambos casos não surtiram efeito, pois nunca gostei da personagem e agora que ela insiste em aparecer direto na trama, quero mais é que ela morra mesmo. Sorry, not sorry.

Já na parte dos casais, estou shippando cada mais Jordan e Hanna, ele realmente gosta dela e faz tudo para vê-la bem e feliz. Spaleb é meio-termo, não morro de amores, mas pode render algo bom. E Liam, como eu já disse na review passada, é uma cópia mal feita do Ezra, então se for para a Aria ter um novo amor temporário, tragam o Jake de volta! Agora, sobre Alison e Dr. Rollins, as coisas mudam de figura. Não, eu não estou shippando, muito pelo contrário. Acho que ele pode ser Evil Emoji ou até mesmo o assassino de CeCe (vale sempre lembrar que são duas pessoas diferentes). Muita gente desconfia também que Alison possa ser o Evil Emoji, afinal ele/a quer justiça pela morte de CeCe, e também penso nessa possibilidade - e está mais do que na hora da série se arriscar, afinal a ABC Family trocou de nome e não precisa mais ser a emissora pura que o nome alegava. Já estão investindo em scenes sex, podem investir em uma protagonista usando meio não muito corretos para conseguir respostas.

E foi isso, pessoal! Vale lembrar que faltam só quatro episódios para o fim da temporada (perceberam que essa 6B passou bem mais rápido que a 6A, que pareceu levar um século para chegar ao fim? Deve ser porque ela foi um desastre), então as coisas devem esquentar. Mas vamos continuar com "é PLL" na cabeça, para não sermos decepcionados, não é mesmo? Até o próximo episódio!
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
1 Comentários

Comentário(s)

1 comentários:

  1. Pra falar a verdade eu acho que esse plot da Veronica e a campanha tá sendo o menos ruim dos já apresentados. Todos dão sono, mas pelo menos com esse eu fico me perguntando se ela vai ganhar a campanha mesmo.

    ResponderExcluir