domingo, 31 de janeiro de 2016

A Febre Está de Volta no Trailer do Remake 'Cabana do Inferno'


Quanto tempo é necessário para que um filme precise ganhar uma refilmagem? Essa pergunta é basicamente uma brincadeira, ou vocês esqueceram que o filme [REC] chegou a competir com a sua refilmagem, Quarentena, em alguns países - para vocês terem uma ideia da rapidez. Tirando esses casos isolados, eu realmente me sinto velho quando ouço notícias a respeito de remakes de filmes que foram lançados 15 anos atrás, como é o caso do Cabana do Inferno original.

Nos EUA, a refilmagem será lançada no dia 12 de fevereiro em um circuito limitado nos cinemas, ao mesmo tempo em que chegará em HD em mídias digitais. No Brasil, o filme segue sem previsão - o que não é de se espantar, considerando que a terceira parte da franquia original sequer foi lançada por aqui ainda. Curiosamente, o diretor deste remake se baseou no mesmo roteiro escrito por Eli Roth & Randy Pearlstein para o filme de 2002, algo que não parece ser muito inteligente ou empolgante para alguém que já está cansado de assistir ao original. Ainda assim, no ano passado, Roth revelou que "estava maravilhado" com a versão de 2016.


Faltando bem pouco para a estreia, estava estranhando a falta de material promocional. Não recebemos nenhum pôster e muito menos vídeos promocionais. Agora, finalmente conseguimos conferir o aguardado trailer. Se existe uma palavra que me vem em mente: familiar. Podemos reconhecer todos os momentos chaves do filme original, principalmente a icônica cena na banheira, além do confronto com o cachorro. Não fiquei nada empolgado com essa similaridade, parece uma grande perda de tempo. Para não dizer que todas as impressões são negativas, confesso que a produção deste remake para muito melhor que a do original - em especial a cena do cachorro, que está seriamente contaminado. Será que veremos o ataque desta vez?

“A história é conhecida: recém-formados, um grupo de cinco amigos fazem um retiro para uma remota cabana na floresta para uma última semana de curtição—apenas para se tornarem vítimas de um nojento vírus devorador de pele.”

Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário