domingo, 25 de outubro de 2015

[Crítica] Scream Queens - 1x06: Seven Minutes in Hell


Vamos girar a garrafa enquanto todos os figurantes são assassinados.

Review: 
(Spoilers Abaixo)

Scream Queens, já renovada para sua segunda temporada, ainda apresenta aquele velho paradigma do ritmo cair de um episódio para outro. Séries com essa temática sempre sofrem desse mal onde em uma semana temos um episódio muito eletrizante enquanto na semana seguinte praticamente nada parece acontecer. É justamente o que acontece com esse Seven Minutes in Hell, mas não me entendam mal, tivemos um número considerável de mortes, mas parecia que algo estava faltando, um elemento surpresa eu diria.

A trama desta vez foi a co-presidência de Chanel e Zayday, onde o plano da primeira era justamente que a segunda vencesse para ela não estar em evidência na lista do maníaco. Enquanto isso, para achar respostas, Grace e Zayday decidem dar uma festa do pijama onde segundo elas, todos os segredos são revelados e alguém sempre experimenta o lesbianismo. Por fim, os meninos se juntam as garotas para enfrentar mais uma vez o Red Devil, mas antes disso, era óbvio que eles teriam que jogar "verdade ou consequência" e "sete minutos no paraíso", para assim, o matador ter mais oportunidades de diminuir o elenco.

Felizmente a série tem se mostrado bastante capaz de trabalhar o humor negro, mas desta vez, eles pecaram em alguns momentos. Sabemos que aquilo ali nunca aconteceria na vida real e entendemos justamente pela quantidade de situações inverossímeis que assistimos, mas sinceramente, tudo tem limite. Esse limite foi extrapolado justo na primeira morte, onde todos assistiram um amigo ser morto a machadadas, e justificaram isso relatando que o único jeito do personagem ter um fim digno era se todos o vessem morrer. Claro que naquele subtexto autocrítico, isso faz todo o sentido onde hoje em dia é mais importante uma pessoa gravar uma situação assim do que tentar ajudar, mas aquilo foi a primeira decisão que realmente me pareceu forçada dentro do roteiro desde o piloto.

Como se isso já não fosse suficiente, minutos após o assassinato (sendo que eles deixaram a janela aberta) todos entram em concordância em jogar "verdade ou consequência" e aí temos o primeiro conflito, que é da Chanel #3 e a Sam. As duas tiveram seus momentos em tela, e desempenharam muito bem seus papéis, sendo que Chanel #3 é realmente um achado, já que seu texto parece nunca fazer sentido algum, mas funciona de um modo muito bom. Era claro que dos personagens que a série possui, Sam provavelmente não teria uma grande jornada dentro do show, e ela foi a segunda e ser levada pelo diabo vermelho.

Após mais algumas situações engraçadas e momentos WTF, eles entendem que estavam sobre ataque, quando mais um figurante é morto na frente da Chanel #5. Claro que temos aquela velha jogada do roteiro de "gato e rato" onde em certo momento todos se acusam, mas nada que valha muito a pena ser levado em conta, já que os que estavam ali presentes parecem ser os menos prováveis de terem algum envolvimento com o assassino. Apesar de eu achar muito suspeito Chanel #5 não ter feito nada enquanto seu "namorado" era assassinado, e mais suspeito ainda o Red Devil não ter eliminado ela junto, para poupar tempo mesmo.

No final, a melhor cena com certeza foi a perseguição de Zayday e Chanel, onde a primeira é quase uma ninja e conseguiu facilmente se livrar não de um, mas dois machados que tentavam subitamente atravessar sua carne. Ela foi mais esperta e com inúmeras cambalhotas e uma ajudinha de sua co-presidente, as duas saíram sãs e salvas dos túneis subterrâneos mais bizarros que eu já vi.

Independente de algumas falhas, Scream Queens continua sendo um ótimo entretenimento e merecia mais reconhecimento e atenção do público em geral. Agora que não teremos um episódio novo nessa semana, espero que na sequência, alguns nomes importantes sejam verdadeiramente cortados da produção, pois está cansando assistir figurantes serem mortos. Red Devil está aí para isso, não é verdade? E por fim, mas não menos importante, tudo o que está acontecendo é culpa da Chanel #5.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário