sábado, 4 de julho de 2015

[Crítica] Pretty Little Liars - 6x04/05: Don't Look Now / She's No Angel


"Charles tá morto ou não?" > google > pesquisar.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Quem estava com saudades das loucuras envolvendo Rosewood? Antes de tudo, desculpem o atraso mas é que semana passada realmente não deu para mim assistir o episódio, então o que tem para hoje é review dupla. Enfim, vamos começar!

Com certeza todo mundo ficou sedento pelo próximo episódio com o fim do 6x02, não é? E graças à Deus, Don't Look Now já começou nos mostrando a história de Charles. Resumindo: quando Alison nasceu, ele começou a ter inveja da irmã e tentou matá-la, o que implicou em sua internação no Radley; e em seu suícidio no local anos depois, aos 16 anos. Coitado do Charles, né? Tentar matar a Ali afogada?! Alguém avisa pra ele que sereia não morre afogada, por favor! E aproveita e avisa as meninas que ele está mais vivo do que a gente, obrigado de nada!

Mas brincadeiras à parte, vamos combinar que a série pode seguir ambos caminhos. Charles pode estar vivo e querendo se vingar das Liars, do mesmo jeito que alguém pode estar vingando a morte do garoto caso o suicídio tenha mesmo acontecido. Ambas explicações são plausíveis e aceitáveis. Eu, particularmente, acredito que ele esteja vivo mas se a história seguir a segunda opção, deverá me agradar do mesmo jeito. Que a Leslie conhecia o Charles ficou explícito, mas será que a Mona também? E pior: ela sabia que Charles é -A e todo esse papo de "nunca vi ele realmente" era mentira?

Mas mais do que essa história de Charles morto ou não, a explicação deixou muita gente sem entender. Se os DiLaurentis só vieram para Rosewood depois do nascimento de Ali, como Jason poderia ser filho do Peter se ele já era nascido? Não sei se isso foi um furo entre muitos da série, mas nada impede que o Peter e a Jessica já se conhecessem de outros carnavais e enfeitassem a cabeça do Kenneth e da Veronica antes da mudança. Foi isso que eu entendi, e vocês? Se tem uma explicação diferente, joguem aí nos comentários para discutirmos ela.


She's No Angel, além de levantar mais as possibilidades de -A ser outra pessoa (Leslie, alguém?), ainda serviu para focar nos romances das meninas e na dúvida de Spencer se ela matou ou não alguém. Se ela matou é algo que ainda não sabemos, mas que tinha um corpo naquela banheiro, isso tinha. Mas enquanto Spencer não decifra esse mistério, tivemos a chance de rever Dean que a ajudou a se livrar (novamente) do vícios com drogas. Entendem porque eu adoro esse homem e shippo eles muito mais do que Spoby? Em um episódio ele fez mais coisas do que o Toby na série inteira.

Enquanto isso, Emily continua no chove não molha com Sara e ainda fez uma tatoo para mostrar que sua vida está recomeçando. Coitada, só não é mais iludida do que quem mal começa a ver a série e já sabe quem é -A. E se a Sara não tomar cuidado vai entrar pro saco afinal 1) -A destrói tudo que é importante pra meninas; 2) beijou a Emily, morreu; e 3) ela é uma figurante. E vamos ser sinceros: ela não tem química com a Emily. Então, tragam a Maya de volta já que a Ali cansou da cota de romances lésbicos e agora quer pegar aquele policial. Nem preciso dizer que esse romance vai flopar em breve, né?

Só não é mais flopado que o novo carinha que quer pegar a Aria - afinal toda temporada, ela ganha um novo cara para segurar as pontas enquanto não volta com o Ezra. E se Gregg Sulkin e Ryan Guzman não conseguiram ficar com ela, não vai ser ele, não é? Mas não podemos dizer que ele foi desnecessário, afinal parece que esse lance de fotos vai ajudar as meninas no futuro. E a Hanna, coitada...

No geral, eu gostei desses dois episódios. Foram rápidos, tiveram cenas legais e começaram a decifrar quem é quem na fila do pão. E vocês, animados com os rumos de Pretty Litle Liars? Até o próxima dose de mentiras!
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário