sábado, 4 de abril de 2015

[Crítica] Young & Hungry - 2x01/02: Young & Too Late / Young & Cooking (Season Premiere)


Uma série de desencontros.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Surprise, bitch! Bet you thought you'd seen the last of me. E é com essa frase épica da Madison de American Horror Story: Coven que começo as reviews do segundo ano de Young & Hungry, afinal todos achávamos que o sonho da Gabi iria queimar no décimo episódio. Mas eis que a ABC Family nos surpreendeu e renovou a série, mandando somente Mystery Girls para o limbo. Queria saber onde estava a misericórdia da emissora quando não renovou The Lying Game, The Nine Lives of Chloe King e Ravenswood, mas isso são águas passadas. Vamos ao que interessa.

Verdade seja dita, esse segundo ano começou com o pé direito, com dois ótimos episódios, com novas histórias, tudo em um conjunto maravilhoso que super deu certo, e só mostrou o quanto a ABC foi feliz na decisão de dar uma chance para o seriado. Segundo o Emily Osment Brasil, a emissora ordenou a produção de 20 episódios para esse ano. Mas a audiência apresentou uma queda em relação ao primeiro ano, então esses americanos idiotas têm que começar a ver a série para que ela realmente dure todos esses episódios, pois todos estamos felizes atualmente.

Bom, nem todos, pois o Josh foi até o apê da Gabi todo trabalhado na declaração e ficou com a cara na poeira ao vê-la com o Cooper, apelando para a Laura Lauren para curar sua fossa. Young & Too Late foi todo em torno dos desencontros que os dois sofrem desde a primeira temporada e eu fiquei em tempo de arrancar os cabelos porque coisas bobas faziam com que isso acontecesse, como a Gabi desligar o celular no momento que o Josh estava ligando. Além do que ele não ajudou, pois quando ela para falar que ela não podia viajar com o Cooper, fez exatamente o contrário.

Eu sabia que isso aconteceria pois conhecemos o Josh, mas é impossível não querer estapeá-lo para que ele acorde pra vida. Se não fosse a Sofia, ele estaria até agora na boate gay contando seus problemas para o peguete do Elliot e todos os outros da rodinha - aliás, foi a melhor parte do episódio, os roteiristas aproveitaram muito bem o Elliot nesse episódio ao criarem esse plot e toda sua indignação pelo Josh ter virado o centro das atenções da noite. Mas no final a ajuda da Sofia foi mesmo que nada, pois o Josh teve a brilhante ideia de apagar a mensagem do celular da Gabi.



E para piorar as coisas, ele ainda arruma uma nova namorada em Young & Cooking, que quis bancar a cozinheira com medo de perdê-lo para a Caroline - sabe de nada, inocente. Ainda bem que ela se tocou que "Caroline rainha, ela nadinha", e vazou da vida do Josh após descobrir que ele gosta da Gabi. E a quem ele foi pedir colo após esse término? Por favor, quem não consegue shippar esses dois, pessoal?! É muito amor envolvido, shippo sem medo, sem dó. E para me fazer sofrer mais, o Josh ainda falou todas aquelas coisas que o fazem descobrir quando a Gabi prepara alguma comida. #ShippandoHorrores.

Mas Yolanda e Elliot também reinaram essa semana com aquela famosa relação de cortadas e fofocas entre os dois que a gente ama. E a mamasita arrumou até um namorado para chamar de seu depois do amigo se dar bem no episódio anterior, só que ele era surdo. Mas como todos aqui somos livres de preconceitos, o que culminou o fim do romance foi o fato do cara ser pão-duro ao ver que a Yo come muito. Como ele acha que ela mantém aquele corpo único? Bota a cara no sol, amigo!

Enfim, vocês viram que eu realmente amei esses dois episódios, que essa série já faz parte do meu ser e não quero que esse seja o último ano dela, então vamos torcer para que os americanos acordem pra vida e vejam que não é só The Big Bang Theory que conseguem ser engraçada. Para fechar com chave de ouro, quero dizer que já A-M-O aquela abertura, essa produção é destruidora mesmo, viu!

Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário