quarta-feira, 22 de abril de 2015

[Crítica] Grey's Anatomy - 11x19/20: Crazy Love / One Flight Down


Peguem seus lenços e se preparem para o drama, e que drama.

Review: 
(Spoilers Abaixo)

Grey's Anatomy mais uma vez não nos decepciona, com dois episódios eletrizantes ao seus estilos, mas capazes de emocionar, chocar e com certeza fazer chorar. A série nestas duas últimas semanas trabalhou com o "caso da semana" e deu continuação na trama que todos estamos ansioso para ver o desfecho, que é MerDer. Apesar de Derek não efetivamente ter traído Meredith, simplesmente não sabemos onde ele está, nem o que está fazendo e muito menos com quem, o que aumenta as expectativas e especulações, mas devo dizer que estou torcendo para que não haja realmente essa infidelidade, apesar de concordar que esta trama seria válida e muito bem vinda, mas não sei se este é o momento certo para isso e nem se realmente este casal deve passar por isso, porque vamos concordar que no caso da traição de Arizona, muito dela mesma e da Callie se perdeu.

Em um primeiro momento tivemos uma das histórias mais hilárias (mas ao mesmo tempo revoltantes) que já aconteceu com algum paciente. Este se viu em uma posição onde provavelmente ninguém gostaria de estar, principalmente alguém do sexo masculino. Pois bem, o dito cujo cometeu o pecado da infidelidade (claro que Shonda introduziria algo assim logo quando a trama geral gira em torno deste assunto) e como consequência, sua esposa maluca decepou o seu membro (espero que me entendam). Pra resolver, tivemos a volta de Catherine para novamente ser uma ladra de cena, já que sempre que ela está presente, é uma presença marcante. Como resultado tivemos mais um embate com Weber, mas que no final deu tudo bem, e depois de tanto tempo, parece que os dois podem se acertar de novo, e devemos admitir, a química em cena é magnífica.

Se não bastasse as ações loucas da esposa, "a outra" também se sentiu diminuída, quando viu que seu amado estava fazendo as pazes com a pessoa que quase o matou, com raiva, foi a vez dela se vingar, e do mesmo modo, mais um corte foi feito, e o moço (sortudo em...) acabou mais uma vez sem seu membro. Apesar de terem sido cenas engraçadas, foi algo muito difícil de se acreditar que pudesse acontecer, até uma vez quem sabe, mas duas?? Fica complicado de ser verossímil.

Do outro lado, tivemos um embate entre Callie e Amelia, esta que nestes dois últimos episódios vem se perdendo, tanto na sua relação JÁ conturbada com Owen, quanto profissionalmente, fazendo as escolhas erradas. Sinceramente se antes eu achava que Amelia e Owen poderiam ser um casal interessante, todo esse drama precoce pros dois já está enchendo o saco, tanto que, por agora prefiro que cada um siga seu rumo. Pode ser até que isso sirva de início para que Drª. Shepherd tenha algum envolvimento com algum vício, mas ver todo esse andamento de relação acabada, sendo que tudo foi muito rápido, se torna algo um pouco cansativo.

E depois de todo um episódio voltado um pouco mais para o cômico, o último foi realmente angustiante de ser acompanhado. Tivemos mais um acidente de avião, mas calma que desta vez nenhum médico perdeu sua vida, no entanto, aqueles que sobreviveram tiveram que prestar seus serviços para os acidentados, fazendo desse modo que antigos medos e lembranças e até revelações viessem a tona.

Interessante que eles relembraram bastante como tudo se sucedeu, até tivemos um momento onde alguns deles explicaram para Pierce, que estava perdida no meio daquilo tudo, os motivos pelos quais alguns de seus colegas estavam tão abalados. É incrível que vários dos que já nos deixaram foram novamente citados, mostrando assim a importância que todos tiveram dentro da série, e que jamais serão esquecidos, tanto pelo público quanto por todos que trabalham dentro do show.

O destaque ficou, claro, para Meredith e Arizona, já que foram as únicas que estiveram no acidente e ainda estão no hospital. A primeira agiu de um modo mais alterado, já que para ajudar, Derek está desaparecido, e sem nenhuma notícia, tudo é motivo para preocupação, Mer tentou e conseguiu com exito se manter firme até as 17 horas, que foi quando ela e Miranda concordaram que seria aceitável que a personagem tivesse um surto de pânico e ansiedade, antes disso, a atenção deveria ser toda dos pacientes. Muito justo, e ver Bailey novamente dando seus conselhos acertados, foi lindo de se ver.

Já Arizona se manteve mais do lado chato da trama, sendo mais uma vez, aquela personagem egoísta e meio ignorante, porque principalmente ela, como médica e esposa deveria entender o posicionamento de Callie, já que essa optou por salvar a vida da amada, e depois de tanto tempo, ainda ver a personagem com algum tipo de ressentimento é meio inconveniente. Devo dizer também que aguardo até hoje que ela dê desculpas para Alex, porque não consigo esquecer aquele diálogo que ela o culpa por tudo o que aconteceu, e apesar de entender no momento o motivo de tanta frustração, agora seria o momento certo para ela mesmo se redimir, e analisar os acontecimentos de outro modo. Infelizmente não aconteceu, ela continuou com aquele mágoa, que agora nem mais tanto sentido faz.

Outro ponto importante é que Stephanie teve muito tempo para brilhar, e finalmente ela está tendo algum destaque, mostrando um lado da personagem, dramático e cômico, que os telespectadores ainda não conheciam. Se antes ela era privada a segundo plano, nestas últimas tramas ela teve bastante oportunidade para realmente fazer parte integrante do grupo de protagonistas, e isso vem desde a segunda metade da temporada, o que é ótimo, já que sempre simpatizei com a mesma, apesar dela ser sempre diminuída. Espero que a aproveitem mais, até porque sua amizade com Jo, não me julguem, em certos aspectos lembra Cristina com Mer, o que funcionou muito bem, sem parecer algo forçado para as atrizes, espero que continue assim.

Por fim, para não alongar muito o texto, Grey's novamente nos presenteia com ótimas narrações e jogadas de roteiro. Tivemos um gancho para o que vem a seguir e ANSIEDADE é o que mais define o que os fãs de GA estão sentindo, tanto para aqueles que viram as luzes piscantes nos segundos finais, mas principalmente para aqueles que já assistiram a promo do próximo episódio, e devo dizer: peguem seus lencinhos, e se preparem.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário