terça-feira, 21 de abril de 2015

[Crítica] Game of Thrones - 5x02: The House Of Black And White


I not Afraid

Review:
(Spoilers Abaixo)

Olá pessoas, ao contrário da Arya, eu estou morrendo de medo. Ainda é pela ameaça de que personagens que não morrem morrerão. Não estou preparado para isso, não quero lidar com uma morte assim do nada, além disso, o destino dos personagens está mudando drasticamente, não tenho nada contra isso, desde que a essência do personagem se mantenha a mesma. Só que isso não parece possível, enfim, terei mais tempo para discutir sobre essas mudanças nos destinos dos personagens mais a frente.

Pois bem, já que citei a Arya irei começar por ela, de longe ela é a minha personagem favorita. Estou assumindo isso pela primeira vez, (Tyrion não fique com ciúmes) quando ela aparece eu fico arrepiado, principalmente agora que ela está onde sempre deveria na House Of Black And White, sinceramente, pensei que o episódio exploraria mais o núcleo dela, mas nos forneceram apenas o essencial, fazer o que né? Acho que a maior surpresa do roteiro e que faz todo sentido dentro do universo da série, foi o fato de Jaqen ser o Homem Gentil, achei uma puta sacada e economiza tempo, só espero que a personalidade do Homem Gentil seja mantida e que ele não seja tão protetor com a Arya pelo fato de que eles já se conhecem. No mais:

                                          Não teve forninho que se segurou nessa hora.

A segunda surpresa, especialmente para mim que desejei a morte da Donzela de Tarth na última review, foi à mudança significativa em seu plot. Para quem esperava que o "encontro" dela com a Sansa não passasse daquilo, um quase encontro, ficou de queixo no chão ao ver que elas, não só se encontraram, como a Sansa, (que deveria está sendo chamada de Alayne, já que assim como o Tyrion, a Cersei colocou meio mundo de gente atrás dela). Rejeitou a proteção da Donzela com direito a um sambinha da parte do Mindinho, que fez questão de jogar na cara da Brienne todos os seus fracassos.  De novo, é compreensível a mudança e ao contrário de todos os comentários que li dizendo que o episódio foi um saco, que a Brienne não deveria ter encontrado a Alayne, etc. eu discordo, achei o episódio legal, serviu para apresentar os dramas dos personagens, construir melhor a história.

Porém, o principal arco da Brieene não vai ser desenvolvido - aceita que dói menos - isso porque a personagem responsável por isso não existe mais. O que ela passa todo o livro quatro - o único que ela aparece efetivamente - procurando ela achou por acaso em menos de dois episódios; diante disso não vejo porque a personagem continuar a existir. É uma pena, mas a Brieene não tem qualquer serventia lógica na série. Por isso aposto muito que ela seja uma das mortes programadas, assim como o seu fiel escudeiro. Há quem defenda que os produtores estão pegando outro caminho para contar a mesma história, com relação a Brienne eu discordo, a história dela não pode ser contada com os mesmos pormenores, ou eles dão outra motivação, ou matem a personagem, simples assim.


Outra parte que tem provocado a irá dos fãs, um pouco da minha também confesso, é a introdução do núcleo de Dorne. Achei valido eles colocarem o Jaime para ir lá junto com o Bronn. É uma forma de introduzir um núcleo desconhecido com pessoas conhecidas. Mas essa Ellaria vingativa não faz sentido, nem só porque destoa para caramba dos livros, mas porque eles querem transformá-la em uma Arianne - que deveria sim está na série - sendo que até a Arianne era repreendida pelo Doran e olha que ela era a futura rainha. A Ellaria não é ninguém para ir com tanta agressividade para cima do príncipe. Enfim, espero que o núcleo seja salvo pelas serpentes. Amo Dorne e não quero vê meu sonho estragado assim.

Agora vamos falar daquele que não sabe nada, mas que mesmo assim foi eleito senhor comandante da patrulha da noite. No geral gostei da forma que foi feito, tanto a proposta do Staniss - de transformar o Snow em um Stark - quanto a votação, o Jon não remoeu a proposta como ele faz nos livros, levando bastante tempo para se decidir, nem a votação demorou, como demoraria normalmente, o ruim foi ter  "tirado" grande parte do mérito do Sam, a eleição do Jon é mérito dele que conquistou voto a voto e fez o jogo virar, também retiraram o corvo do Mormont, ele dava um ar místico a coisa toda. Por falar em Sam, acho que os rumos dele já deveriam começar a ser traçado, apesar de que o plot dele deverá sofrer bastante com a morte do Mance, não vejo porque ele ser eliminado, é um dos meus favoritos, gostaria de ver isso acontecer.

E por último, gostaria de pedir, primeiramente, calma. Pois vamos falar da última Targaryen viva, pelo menos na série - não estou contando com o meistre Aemon - vou logo começar pelo fim, não achei que a personagem tenha sido burra na sua decisão ao contrário de 90% dos comentários que eu li - sim  podem me julgar a vontade - na verdade acho a Daenerys burra em alguns momentos, mas isso não tem nada a ver com esse -  tem mais com prender os filhos, etc. - voltando. Ela deveria sim garantir um julgamento justo ao filho da Harpia capturado, afinal de contas se ela está tentando derrubar uma dinastia de crueldade isso é o mínimo que ela pode fazer, garantir que suas decisões serão pautadas pela legalidade.

Assim como ela fez a coisa certa ao matar o imaculado, espera ai, o cara é membro do meu conselho, é uma voz que eu ouço, aproveita-se disso, quebra  a minha confiança e mata um prisioneiro a quem eu concederia um julgamento justo? Não dava para ela simplesmente perdoar, se a pena para assassinato é a morte ele fez por merecer, ao fazer isso a Dany deixou claro que está lá para governar para todos e que ninguém pode passar por cima da autoridade dela achando que tem mais regalias, se ela tivesse perdoado teria aberto pressuposto para qualquer liberto matar quem entendesse sob o prisma do perdão real. Agiu certo sim - aceitem que dói menos² - só queria dizer mais uma coisa, estou morrendo de pena da personagem, ela está bem fodida com tudo o que está acontecendo, prevejo dias escuros e não vejo maturidade para ela superar. Poor Dany. A boa notícia é que mesmo estando no seu pior momento o Drogon não a abandonou. Ah! Os filhos.

Você não pode sair sem saber:

- Cersei fez a pêssega no pequeno conselho e de cara se livrou do tio e do genro do filho, se isso foi algo inteligente a se fazer já é outros quinhentos, digamos que a Rainha Mãe pensa, mas ela não é tão inteligente quanto acredita.
- Tyrion e Varys continuam com sua viagem solitária, com muito vinho e poucas putas, vamos vê até quando o Anão suportará isso.


Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário