domingo, 18 de janeiro de 2015

[Crítica] Eye Candy - 1x01: K3U (Series Premiere)


''Você chegou até aqui. Mas estamos apenas começando.''

Review:
(Spoilers Abaixo)

A internet é essencial nas nossas vidas nos dias de hoje. Se não fosse por ela, provavelmente não conversaríamos com nossos amigos, não veríamos nossas séries e filmes, etc. Quem aí não gosta de fazer um check-in básico toda vez que sai com os amigos? Mas são ações simples como essa que podem desencadear grandes problemas para nós mesmos pois, como o serial killer de Eye Candy diz, ''nós damos as informações para eles, tornando tudo mais fácil''.

A série acompanha Lindy Sampson, uma garota de 21 anos que está tentando seguir sua vida após o desaparecimento da irmã, Sara - que ela testemunhou. Desde esse terrível episódio, Lindy dedica a resolver os mistérios de outras pessoas que nunca mais foram vistas, usando suas habilidades hackers e, muitas vezes, burlando as leis, o que causa sua prisão e. Quando ela enfim é liberada, sua amiga Sophia a convence a encontrar um namorado com um aplicativo chamado ''Flirtual''.

Mesmo contrariada, a garota aceita. Mas a partir daí, Lindy começa a ser perseguida por um perigoso serial killer, que a coloca em um jogo doentio de gato e rato. Quando a polícia descobre um potencial serial killer na cidade, Lindy tem certeza de que se trate do mesmo perseguidor misterioso que a atormenta, e decide se unir à unidade de crimes cibernéticos para capturar esse maníaco.

Surreal! Apenas isso que tenho a dizer sobre esse Piloto de Eye Candy. Eu estava super ansioso pela série pois acompanho a Victoria Justice desde Zoey 101 e adoro qualquer coisa que envolve psicopatas, mas sem dúvidas, K3U surpreendeu muito. Apesar de ter sido um episódio que focou mais em nós situar quem é quem na série, foi extremamente rápido. Os produtores souberam apresentar muito bem a proposta e os personagens. Mesmo com algumas mortes já na Premiere, a contagem de corpos irá aumentar e muito com os próximos episódios, como a promo da temporada mostrou.

Outro fato que fez com que a série ganhasse pontos foi que o serial killer já eliminou Ben, o ex-namorado de Lindy, que ela ainda amava, mostrando que ele realmente não está para brincadeira e que ninguém está a salvo. E falando mais a fundo da Victoria, ela foi muito bem, afinal todos seus trabalhos antigos na Nickelodeon mais leves e destinados ao público infantil. Essa é sua primeira chance de mostrar um trabalho mais adulto, interpretando uma mulher de 21 anos - que, inclusive, também é sua idade real. 

A única coisa que não me convenceu foi a interação entre ela e Daniel Lissing, o Ben (mas como ele já foi eliminado, isso não é tão preocupante). A química entre ela e Casey Deidrick, que vive o detetive Tommy é muito maior - e olha que eles só tiveram uma discussão. Mas foi perceptível nesse episódio que eles terão uma relação no futuro. Inclusive, o fandom já está shippando. E eu também, obrigado de nada. Sua relação com a melhor amiga, Sophia, também foi bem trabalhado e vimos que é uma amizade verdadeiramente forte, já que em determinado momento, Lindy não pensa duas vezes ao arriscar sua vida e ir atrás da amiga, ao descobrir que o serial killer está na casa dela.

Ah, e a série é baseada no livro homônimo de R.L. Stine, o mesmo criador de A Hora do Arrepio e Goosebumps, e ambas séries fizeram bastante sucesso aqui na década de 2000. O livro, infelizmente, não foi lançado aqui, mas creio (e espero!) que com o lançamento da série, isso possa acontecer em breve, já que é comum as editoras correrem atrás quando a série começa a ser exibida.

Infelizmente, a série estreou com uma audiência baixíssima: 0,59 milhões de espectadores e 0,2 na demo [18-49 anos], sendo a segunda pior estreia da MTV, perdendo apenas para Happyland. Só nos resta torcer para que a audiência melhore e a série não seja cancelada com o fim dessa primeira temporada, que terá 10 episódios. Confira abaixo o trailer da temporada completa:

Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
4 Comentários

Comentário(s)

4 comentários:

  1. achei o piloto bem legal, e gostei do namorado dela ter morrido porque achei o cara que faz ele bem ruim na atuação. também não curtia a Victoria na nickelodeon, a achava muito forçada, mas acho que esse papel combinou com ela.

    ResponderExcluir
  2. Simplesmente me surpreendeu e muito, gostei bastante e espero que der certo , pois vale muito a pena.

    ResponderExcluir
  3. a victoria não me convenceu no início, achei ela extremamente forçada. mas com o passar do tempo, principalmente na cena final, vi que ela está se esforçando e acho que ela vai melhorar. gostei do piloto

    ResponderExcluir
  4. oi, sou a mesma pessoa que reclamou na crítica do Nefferson que as séries da MTV são menosprezadas pelo blog. Que bom que você deu uma chance a série rsrs, gostei muito dela.

    ResponderExcluir