domingo, 2 de novembro de 2014

[Crítica] The Vampire Diaries - 6x05: The World Has Turned and Left Me Here


Escrevendo essa review direto do Céu e ao som de Wait.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Gente, que episódio foi esse?! Ele foi muito bom, temos que falar até um minuto de silêncio por ele, porque o milagre foi duplo: um episódio que gostei de todos os plots e que mostra que The Vampire Diaries está criando um caminho para voltar a ser aquela TVD que nós amamos. Só falta nossa Biskath voltar e aí sim, o forninho explode de vez!

Mas vamos focar em The World Has Turned and Left Me Here porque ele foi lacrador. E pra mostrar que ele foi perfeitinho, eu adorei a Elena essa semana. Só por isso, ele já merece um dez. Não sei se é pela compulsão, mas que a Elena se mostrou uma garota madura nesse episódio é inegável. Ela ajudou a salvar vidas; se mostrou direta e divertida; e, principalmente, não chorou pela morte do Damon. Eu poderia dizer que no 6x06, a velha Elena e o drama SteDelena voltarão mas vocês já sabem disso, então vamos encerrar o plot da Eleninha positivamente essa semana?! Por quê sabe-se lá Deus quando teremos a chance de fazer isso novamente...

Outros que me agradaram foram Liv e Tyler. Não é novidade que eu gosto do Tyler, diferente de quase todos os fãs - muitos desse por causa de Klaroline, vamos admitir - que gritam aos quatro ventos que o personagem é imprestável e etc. Sinceramente, imprestáveis são Jeremy e Matt, mas isso não é novidade. Enfim, a união dos dois e principalmente o sacrifício da Liv de aguentar o peso de uma morte apenas para ajudar o Tyler foi tocante. No 5x23, era perceptível o quanto ela estava se sentindo culpada por ter que matar o Stefan ou a Elena. Não shippo porque meu corpo é brindado e sou ForWood, mas foi uma linda cena.

E se não bastasse essa, Julie Plec resolve foder meu emocional de vez com a cena Defan ao som de Wait, do M83. Foi impossível não lembrar de A Culpa é das Estrelas e ao término do episódio, eu estava à procura dos meus olhos no meio das lágrimas, porque foi igual a cena Stelena no 3x01. Aquela confissão do Stefan dizendo que sentia saudades do Damon foi destruidora, mesmo que todos nós já saibamos do amor que une os irmãos, independente das brigas e de amarem a mesma garota (me senti na 3ª temporada). Achei digno colocarem o Stefan como a primeira pessoa que o Damon viu assim que voltou, foi muito mais tocante e sincero do que se fosse a Elena - e não é birra por ser anti-Delena não, é apenas a verdade.


Também vale destacar Caroline e Alaric. Ambos deram um choque de realidade no Stefan e se não fosse por eles, não teríamos a maravilhosa cena comentada acima. Mesmo rendendo aquelas cenas engraçadíssimas entre a Ivy e a Carol, foi super injusto e irresponsável por parte do Stefan jogar a responsabilidade dela pra cima da Carol. Quando ela jogou aquelas verdades na cara dela me senti de alma lavada, foi tudo digno e verdadeiro.

Já Alaric foi responsável pelo momento intrigante da semana: porque a doutora não foi hipnotizada? Não creio que eles darão a desculpa esfarrapada dela estar usando verbena, será algo mais profundo. E Bonnie e Kai, e Liv se unem a esse plot, já que estou ansioso pra ver o destino dos três. Como BonBon e Kai reagirão juntos naquela dimensão? Será que tem outro jeito de voltar? E a Ivy será levada pro mesmo lugar que o Enzo, digo, literalmente na mesma cela? Momentos... E aproveito pra ressaltar o quanto foi altruísta a decisão da Bonnie. A troca de olhar entre ela e Damon foi linda, só sei sentir.

E assim encerramos essa cena. Espero mais episódios assim: coesos, sem tramas chatas, que continuem mostrando a mudança positiva que The Vampire Diaries vem sofrendo e que os personagens voltem a ser aqueles que aprendemos a amar e/ou odiar nos anos iniciais da série. PS: Espero que Wait entre na tracklist de vocês porque ela é lacradora, está na minha desde A Culpa é das Estrelas. E até semana que vem!
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
10 Comentários

Comentário(s)

10 comentários:

  1. ei RAFAEL LEMOS admita, esse foi um dos melhores episódios de toda série!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso ficou explicito na review, colega HAHA. Eu deixei claro que amei esse ep ;)

      Excluir
  2. Também amei esse episódio, realmente lacrador! Apesar de ainda termos mais 17 episódios para tomarem o posto dele (o que eu acho difícil), esse 6x05 já é disparado o melhor episódio da temporada. Digo isso porque tudo nele me agradou: a trama, as cenas, todas as interações dos personagens, bem, todo o desenrolar foi interessante.
    Espero que TVD continue nessa linha, mesmo sabendo que a volta de Damon à dimensão dos vivos tragam algumas storylines que, na minha opinião, não estavam dando certo, tipo Delena. A Elena está muito bem sozinha, e sempre achei que o Damon também é muito melhor sem ela. Estava gostando do desenvolvimento de Bamon, e mesmo que seja só no browmance, queria ver mais disso. Não me surpreenderia se surgisse um romance daí. Os produtores dessa série já me provaram que todos as combinações de casais são possíveis, e mesmo que dê certo ou não, acho válido tentar, pois casais que achei que nunca dariam certo se tornaram hoje shipps adorados pelo fandom (Esperança Klaroline!). Mas se ficar só na amizade, para mim já está bom, o importante é ver mais da interação desses dois.
    Espero que TVD continue no mesmo nível desse episódio e melhorando sempre, nem que seja gradativamente, como aconteceu com estes primeiros cinco episódios... Se a série declinar na qualidade, não sei mais por quantas temporadas ela aguenta. (E convenhamos, TVD é uma das minhas séries favoritas, mas sempre soubemos que o enredo dela é perecível, né? Ainda mais quando trata de seres sobrenaturais, imortais, que não envelhecem. A menos que achem a fruta da Eterna Juventude para o elenco inteiro, um dia eles vão ter que parar de gravar a série, mesmo com todos os avanços da tecnologia e maquiagem que faz milagres. A própria storyline central não se sustenta eternamente. Mas ainda acho que TVD rende até a décima temporada, se souberem levar até lá).

    Enfim, volta e meia estou por aqui porque gosto muito de suas críticas!
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Nathália ;), concordo com tudo que você disse.

      Excluir
  3. Que orgulho desse episódio! é cedo para termos esperanças de uma temporada realmente boa? (parecida com a 2ª ou a 3ª?). Porque falando sério: os episódios até agora só tem crescido em qualidade e já temos vários plots com grande potencial e que poderia retirar as lembranças de 2 temporadas um tanto desastrosas. Acho que TVD ainda tem tempo para se reerguer e voltar a ser aquela série que me surpreende a cada episódio. Cruzemos os dedos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu discordo um pouco! a primeira metade da quarta temporada é boa (até o ep. 14)! depois disso perde o rumo.

      a QUINTA sim, foi um desastre (tirando um ep. ali, outro acola).

      Excluir
    2. Concordo com o segundo anônimo, a primeira parte da temporada foi boa, depois se perdeu. Já com o primeiro anônimo, concordo que os episódios vem mostrando muita qualidade.

      Excluir
    3. OBG RAFAEL! é bom saber que pensamos igual! suas criticas são ótimas!

      Excluir
    4. eu tenho 1 dúvida RAFAEL! as reviews da nova temp. de SUPERNATURAL estão mesmo fora dos planos?

      Excluir
    5. Anônimo, obrigado pelo elogio ;). Sobre Supernatural, não sei se alguém vai criticá-la, isso com o Nefferson. Pergunta a ele nas reviews de Once Upon a Time ou The Walking Dead.

      Excluir