quinta-feira, 13 de novembro de 2014

[Crítica] American Horror Story - Freak Show | 4x05: Pink Cupcakes


Você deveria ter comido o cupcake.

Review:
(Spoilers abaixo)

American Horror Story está tendo a sua nova temporada dividida em duas partes. A primeira, acontece no circo de horrores, onde praticamente nada acontece e não empolga. Vemos os mesmos personagens de sempre, fazendo as mesmas coisas de sempre, com aquela mesma cantoria de sempre... por aí vai. A segunda, acontece na casa dos Mott ou onde quer que o personagem Dandy esteja. Esta sim empolga e parece caminhar a passos largos.

A trama do jovem psicopata, de longe, está se saindo a melhor de toda a temporada. A cada episódio, um turbilhão de coisas acontecem, nos fazendo até mesmo simpatia pelo personagem. É o tipo de trama que era para ser secundária e acaba se sobressaindo perante a principal.

Para vocês terem certeza do que estou falando, basta pensar se a trama dos Mott precisa da trama dos freaks para seguir em frente. A resposta, claro, é não. Desde o começo, Dandy fez o que fez, sem ter uma ligação direta com o circo, apesar de tê-lo visitado e tentado fazer parte da trupe uma vez. Seus cruzamentos com outros personagens, como por exemplo, Andy, interpretado brilhantemente por Matt Bomer, não possuem ligação alguma com os personagens do circo, a não que estes estejam ligados por alguma coincidência, como é o caso de Dell, que era amante de Andy. Agora pense se a trama dos freaks precisa da trama dos Mott para seguir em frente. A resposta, claro, é sim. Não é a toa que Elsa utilizará Dandy como arma para tirar as gêmeas siamesas do seu caminho.

Como não amar Ryan Murphy brincando de David Lynch ao tentar misturar sonhos e realidade ao longo de todo episódio? Eu quase acreditei que Stanley havia conseguido matar Bette com aquele cupcake envenenado. Já estava pensando: “Uai, mas já?”.

E sobre a história super mal contada de Desiree? Como assim ela achava que tinha um pênis, mas sofreu um aborto? Como ela ficou grávida? Se ela achava que a sua vagina era um pênis, como... como... Enfim, vou evitar explanar o meu pensamento aqui, para não ficar uma coisa muito estranha, mas... Isso faz algum sentido? Vai ver até faça, e sou eu quem não entende muito do assunto, mas fiquei horas tentando chegar numa conclusão, mas não consegui. Se alguém souber, me explique, por favor.

Por fim, apesar dos pesares, o episódio foi muito bom! História – mesmo que apenas na trama secundária – caminhando direitinho! Gostando de ver! Já quero o próximo episódio, ainda mais agora com o retorno da Gabourey Sidibe, que já estava fazendo falta.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
2 Comentários

Comentário(s)

2 comentários:

  1. a Désis achava q era hermafrodita, ou seja, ela pensava q tinha uma vagina e um pênis, só q esse pênis no caso era só um clitóris avantajado, causado por uma disfunção hormonal, q tbm acabou afetando os seios dela.. mas isso n implica q ela seja 100% mulher e q engravide.
    ps: se o jimmy já tava se sentindo culpado pelo meep e agora depois de ter provocado um aborto? #semata

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Eu concordo em partes. A história realmente não está empolgando, diferente das temporadas anteriores. Não sei, acredito que esteja faltando àquela substância mais apavorante de Asylum, ou o humor excêntrico de Coven no núcleo principal, além de uma história mais sintética, abrangendo todas as personagens. Afinal, até agora houve pouco desenvolvimento firme de alguma história, quer dizer, uma sequência de algo que fosse importante. Matar o palhaço tão cedo para tira o teor de história de horror americana. Não parecem estar conduzindo a trama para lugar nenhum. Por exceção do psicopata. Para ele acho que estão resguardando alguma coisa interessante. Talvez me surpreenda!

    P.S: Adoro as gêmeas!

    P.S 1: Por qual motivo sua review está pequena? Curiosidade mesmo... :D

    P.S 2: Quero algo mais sobrenatural em AHS. Aquele fantasma mal feito não conta. Como a direção da série deixou ir aquele trabalho grosseiro ir ao ar?

    ResponderExcluir