domingo, 12 de outubro de 2014

[Crítica] Revenge - 4x02: Disclosure



Review:
(Spoilers Abaixo)

Antes de começar a falar do episódio, preciso desabafar aqui uma coisa que acontece desde sempre nessa série: gente, sério mesmo que os Grayson pensam que a Emily queria apenas o “nome” ou o dinheiro deles? Pelo amor de deus, a garota já chegou no Hamptons comprando uma mansão, ela é podre de rica e nunca precisou de 1 centavo deles.

Enfim, o episódio.

David deveria continuar morto. Cara sem sal, burro, nem parece o pai da Emily/Amanda, e parece que esqueceu da “caixa da vingança”. Ele voltou anos depois, ainda apaixonado por Victória e sabe de tudo, menos do detalhe que a Emily é sua filha disfarçada. O pior de tudo é Victória usar isso para faze-lo destruir Emily. Pai contra filha. pfff

Charlotte devia ter pulado daquele prédio. Personagem irritante é assim: eles salvam pra continuar perturbando. Emily contou a verdade, pra ver se a chatinha toma um rumo na vida, e como resultado levou uma pancada na cabeça dentro de um bar em chamas para matá-la. Gostaria de ver nos próximos episódios a Emily infernizando a vida da little-bitch, mas essa parece ser a única pessoa que humaniza a Emily, então tenho certeza que ela passará a mão na cabeça da irmãzinha, porque sério, essa personagem com síndrome de coitadismo já encheu e precisa de um choque de realidade pra ver se acorda pra vida. Eu hein. rs

Aquele parceiro do Jack já começou a botar as asinhas de fora, e parece que vai ciscar no terreno da Emily. Mas pareceu ambíguo: ao mesmo tempo que parece estar “interessado” em dar uns pegas, também pareceu que ele desconfia de alguma coisa sobre Emily e vai se aproximar apenas para descobrir. Seja o que for, Jack está morrendo de ciúmes.

Sobre o Nolan, do que estragaram no cabelo da Meg, fizeram um cabelo super estiloso pra ele. adoro.

Falando da francesa bozainha-não-tão-boa-assim, ela mostrou que nunca foi uma sem sal, e armou duplamente para junto com o Daniel tirar o little brother do caminho e assumir de vez a empresa. Se ela entrasse no chat da UOL, aposto que usaria um apelido tipo “safadinha23”. hehe

E por último o Daniel, bem, ele... Sei lá. Ele foi de filho-de-magnata a um armador de treta para manter as aparências. Mas parece que agora, sem o Guideon no caminho, ele vai voltar para a direção da empresa e vai voltar a ter grana pra pagar o flat em dia.

Bem, o episódio foi muito rápido, e os 43 minutos pareceram 5! Não sei o que aconteceu. Foi como se tivesse apenas começando, e quando começou... Acabou. Alguém consegue entender? Foi bom, queria mais, vai ser uma tortura esperar o próximo. A quarta temporada está boa, estou gostando da direção que está tomando. Sobre a audiência, manteve o nível, e a julgar pela audiência de Ressurection, que está desabando rápido, e de Nashville, que está no nível de Revenge, e ainda o dia e horário dado o histórico dos 3 últimos anos, acho que está razoável para garantia pelo menos uma temporada final. Mas vamos ver o que vai acontecer, já que ainda faltam 20 episódios pela frente.

Por hora é só. Até a próxima!
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
1 Comentários

Comentário(s)

1 comentários:

  1. O mais engraçado é que a Victoria está tentando pôr o David contra a Emily, sendo que a mesma pode fazer um exame de DNA, provar que é filha dele e de quebra revelar que a Victoria é uma vagabunda mentirosa.
    Pode me crucificar por dizer isso, mas, na minha opinião, essa está sendo a temporada mais chata de Revenge. #MorreCharlotteNinguémteSuporta

    ResponderExcluir