quarta-feira, 30 de julho de 2014

[Crítica] Under The Dome - 2x03/04: Force Majeure / Revelation


A redoma continua cheia de surpresas.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Depois do fiasco que foi o segundo episódio, confesso que não estava com cabeça para estes outros. Vontade enorme de abandonar a série, mas prometi ao André que tomaria conta enquanto eles estivesse fora. Esta é a minha última review sobre a série - graças a Deus -, e o próximo texto já será do André - que estava viajando e não pode assumir desde o começo da temporada. A grande questão é que, apesar de não vir aqui dar minha opinião toda semana, garanto que continuarei assistindo a série. Não que ela tenha se tornando espetacular nestas últimas semanas, mas pelo menos já entregaram algo mais promissor do que o segundo episódio.

Esperava por muitas enrolação nessas semanas que viriam, mas até que os roteiristas quebraram um pouco a cuca para nos entregar algo no mínimo intrigante - sem que tenhamos que esperar a resposta por várias semanas. O terceiro episódio começou com uma chuva de sangue. Bem, não era sangue realmente - como os próprios personagens rapidamente perceberam -, mas a cor vermelha chamou a atenção - assim como o PH ácido do líquido. Estava literalmente chovendo ácido vermelho. Se isso não é uma praga, eu não sei mais o que é. E o mais surpreendente é que toda a situação foi lidada com a maior pressa possível, como se tivessem especialistas sobre o assunto escondidos ali em algum lugar.

Ao invés da chuva ser o grande problema, o enredo apelou para outro caminho conhecido da série: explorar a psicose humana. Neste episódio, um outro personagem surtou em Cristo - literalmente! -, achando que tudo aquilo era um sinal de Deus, castigando aquelas que não eram justos. Mas ele mesmo, justíssimo, não saiu na chuva, não é mesmo? Enfim, todo esse plot foi uma verdadeira bobagem, e colocou a chuva ácida no plano de fundo - sendo o que era justamente o diferencial da história. E o pior de tudo é que tudo se resolveu sem maiores complicações.

O que aquela personagem estava fazendo durante toda a primeira temporada que sequer deu as caras? Chegou no segundo ano achando que ela a rainha da bagaça, com suas opiniões fortes e mandando nas outras pessoas. Nem preciso dizer que foi outro enorme desperdício de personagem, até porque, eles não podem sair acrescentando um novo rosto no elenco todos os dias. E provavelmente seja justamente este o propósito da série: um novo velho testamento. Um apocalipse dentro da redoma, separando os justos dos maus. Não é de hoje que os moradores dentro da redoma mostram o seu caráter duvidoso. Eta gente ruim, hein. Ou esqueceram aqueles que mataram a mulher do café e quase estupraram a finada Angie?

Por falar na Angie - ainda espero que ela retorne em algum ponto -, seu assassino foi basicamente revelado - em um episódio com um título bastante sugestivo. Fico feliz que os roteiristas não esperaram até o último momento da temporada para desenvolver esse plot. Não há história relevante para mover este começo de temporada, então a revelação do assassino deu um tempo importante para o quarto episódio. Quero dizer, eu pelo menos acho que tenha sido o tio do Junior. Não acredito que a trama irá dar uma reviravolta a partir daí - sequer faria sentido. Pelo menos fomos poupados de semanas e semanas do Junior se lamentando pelos cantos, tentando lembrar de havia sido o autor do crime - numa tentativa frustrada de fazer os espectadores se perguntarem o mesmo.

Deixei para falar por último sobre a desconhecida, que se revelou como Melanie. Foi um plot interessante, incluindo a mãe do Junior - que estava totalmente perdida nesta trama. Acredito que todos tenham visto o sangue da personagem encostando no ovo quando ela morreu, o que deve ser a resposta por ela ter sido trazida de volta. Provavelmente ela é meio Melanie e meio Redoma, sendo privilegiada com visões e outras coisas. Quem sabe ela não seja a quarta mão de um novo ovo - agora que a vaga está aberta? Enfim, estes dois episódios foram no mínimo interessantes. Não excelentes, mas pelo menos mantiveram um certo nível. Vamos ver os próximos!
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário