domingo, 6 de julho de 2014

[Crítica] Teen Wolf - 4x02: 117


17 Outra Vez ou De Volta Para o Futuro?

Review:
(Spoilers Abaixo)

A situação do Derek, neste episódio, pode ser descrita perfeitamente com o título desses dois filmes acima. Neste segundo episódio, fica ainda mais claro que o clima dark da temporada anterior não irá se repetir, e parece que teremos uma temporada mais leve, divertida e cretina. Podemos começar a falar justamente por esta situação em que o Derek se meteu. Confesso que estou decepcionado, porque esperava muito mais deste plot. Os roteiristas tinham uma oportunidade única de desenvolver o personagem em sua adolescência, e pouco fizeram.

Como já havia adiantado na crítica anterior, não esperava que essa fase adolescente do Derek durasse por muito tempo, mas pelo menos tinha esperanças que se mantivesse por umas duas ou três semanas. Infelizmente, tudo foi resolvido neste episódio mesmo, deixando uma sensação vazia, como se todo esse plot tivesse sido criado apenas para chocar o espectador no final do episódio da premiere. Eu estava na expectativa em torno da interação entre o jovem Derek e o resto do elenco, o que foi um dos pontos mais altos deste episódio, mas poderíamos ter sido muito mais. Os fãs especularam que o Derek ficaria mais próximo da Lydia - isso é verdade, em partes -, e fiquei esperando por mais cenas deles dois depois das mãos dadas. Mas essa interação foi completamente ignorada na segunda metade do episódio.

Pelo menos tivemos um pouco mais de Sterek, para o delírio da galera. Esse é mesmo o maior shippe da série, e os fãs estavam com saudades das cenas cômicas e constrangedoras entre eles dois. E, depois de mais de uma temporada separados, o casal volta a brilhar com tudo. Tivemos até direito a encoxada por trás, algo que remeteu a uma cena entre eles dois na primeira temporada. Sem contar o clássico "meu primeiro Miguel", que também já havia sido usado antes pelo próprio Stiles remetendo ao Derek. Será que ele não tem imaginação ou em sua cabeça já adotou o Derek como parte da família? Ousado.

Ainda falando sobre o mini-Derek - sim, me deixem, porque ele brilhou neste episódio -, há diversas cenas hilárias, principalmente envolvendo o pai do Scott - e o pânico do Stiles ao não saber falar espanhol e querer o Derek só para ele. Derek também teve uma cena muito engraçada com o pai do Stiles na delegacia, fazendo com que o coroa quase se internasse na rehab achando que já tinham inventado viagem no tempo. Acho que só falta o Peter agora voltar no tempo para todo o elenco fazer jus ao nome da série. Aliás, tem uma personagem que não é teen, mas adora um, e não está para brincadeira: Sim, eu estou falando dela, poderosa, destruidora de banheiros, Kate Motherfucking Argent.

Ela finalmente deu as caras na trama, e divou na maioria de suas cenas. Desde o massacre no posto de gasolina até sua cena de pedofilia safada-depravada-extrema com o Derek. E o que foi ela rindo cretinamente para o Stiles ao sair pela janela usando o ventilador da Beyoncé para causar um maior efeito dramático? Chorei com essa quenga. E o que foi aquela cena do cofre embaixo da entrada do colégio? Parece que o tio Jeff andou assistindo muito Indiana Jones. Francamente. Essa parte foi extremamente trash, inclusive os efeitos - com direito a raios de satã saindo das unhas do Derek ao entrar no buraco da "fechadura". Anos 80 mandou um abraço e pediu os seus efeitos visuais de volta!

O que mais me chocou neste episódio - além da Kate safada, é claro - foi o encontro apático entre o Peter e a Malia. Ela não é a filha dele? Pensei que ele a salvaria daqueles bichos, mas deixou a coitada para morrer enquanto foi atrás dos seus milhões perdidos. Queria ter visto a briga dele com a Kate, mas admito que estava muito cedo para isso. Aliás, o Peter foi o maior camarada, porque confidenciou para Kate como se controlar na hora da transformação. Acho que eu não contaria isso tão gratuitamente para meu inimigo - principalmente por ser a informação que ele mais quer. Mas, enfim, ninguém ganhou porque alguém chegou todo montado nas bombas do Iraque e chegou roubando dos ricos para dar para os pobres. Será ele o Benefector?

Bem, eu achei esse episódio bastante divertido, mas ainda gostei bem mais do primeiro. A decepção com o envelhecimento imediato do Derek também ajudou a deixar este episódio para trás. Não posso terminar este texto sem comentar sobre as cenas da Lydia com a Kira. É interessante ver a Lydia interagindo mais com outras pessoas, além do Stiles e da finada Allison. E suas cenas com a Kira foram bem legais... Até ela encontrar um corpo, é claro. Enfim, gente, vamos esperar pelo próximo episódio, porque eu tenho certeza que as coisas ficarão bastante loucas nas próximas semanas. É esperar para ver!
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário