quarta-feira, 9 de julho de 2014

[Crítica] Salem - 1x11: Cat And Mouse


Sem mais mentiras.

Review:
(Spoilers abaixo)

Não adianta chorar pelo leite derramado, assim como não adianta chorar pelo 7x1 e muito menos, pela review atrasada.

O episódio de hoje, apesar de ser uma corrida em círculos, foi muito bom. Como está no fim da temporada, é super normal enrolar algumas coisas, mas fizeram isso de uma maneira que não deixou ficar chato e cansativo. É neste episódio, também, que tivemos revelações óbvias, que com certeza serão plot na próxima temporada, mas falaremos sobre isso no final.

Aliás, vamos falar agora mesmo, pois não precisamos seguir uma linha, certo? Anne finalmente descobriu que é uma bruxa. Oh, really? Já sabíamos disso há muitos episódios! Era certo que a moça seria uma bruxa ou uma witch hunter e, ouso a dizer que talvez ela venha a ser as duas coisas. Em outras palavras, uma bruxa boa. Mas porra, quem é bom ou mau nessa joça? Pois bem... não sei como vão lidar com isso, mas provavelmente será um dos principais assuntos da segunda temporada, assim como o possível relacionamento da nova bruxa com Cotton, que passou a ser pincelado neste mesmo episódio. Sendo assim, as chances de triangulo entre ela, Alden e Mary, vão pelos ares.

Mary armou todo um plano para inocentar Alden da acusação de bruxaria, mas acabou dando tudo errado, quando Increase joga na cara dela que Sibley pode muito bem agir por conta própria. Isso porque, Mary desempataria uma votação onde metade dos votos era a favor da condenação de Alden, e a outra metade, para sua libertação. Logicamente, Sibley votou na sua condenação, o que obrigou Mary a executar um segundo e arriscado plano, onde envolveu Isaac e Mercy. O plano em questão, era matar Increse, mas como era de se esperar, ele levou a melhor, sendo Isaac, o único a sair ferido.

Mercy é um caso a parte. O que essa menina virou, gente? Fiquei tentando compreender durante o resto do episódio. Vivendo na floresta, totalmente primitiva, comendo restos de cadáver (?)... Fiquei um pouco com nojo nessa cena e nem vi direito se ela tava comendo ou não, mas pode ser que ela só tenha tirado os ossos para fazer arminha. Hahaha.

Já o Cotton... esse eu já perdi a esperança. Quando começo a achar que ele está tomando rumo, ele se perde completamente. Acho que para essa temporada ele já deu. Seth Gabel é um ótimo ator, sempre rouba a cena quando aparece, mas não é aproveitado da maneira que merece. Uma pena.

Por fim, o episódio foi bom, né? Tá tudo se encaminhando direito, acho. Melhor não tem como ficar. Que venha o season final... Ops, temos mais um ainda, rs. E ah... só mais uma coisa... já falei que adoro os sinos que tocam toda vez que um episódio termina?
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário