quinta-feira, 15 de maio de 2014

[Crítica] Once Upon A Time - 3x21/22: Snow Drifts / There's No Place Like Home (Season Finale)


Não há lugar como a nossa casa.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Fiz check-in no chão com essa Season Finale! Sambou na cara de todas as temporadas anteriores. Mas antes de falar sobre o que vimos nestes dois últimos episódios, está na hora de dar aquela olhada básica na temporada em si. Quem acompanha minhas críticas desde o começo sabe que eu fiquei um pouco decepcionado com a segunda temporada, especialmente o final. Mas, renovando minhas crenças, esta terceira temporada veio destruindo toda a negativamente, e entregando exatamente aquilo que os fãs estavam querendo.

Personagens que nós odiávamos morreram - Tamara e Greg (Who?) -, e o shippe favorito da galera se tornou um dos principais focos dessa reta final - Emma e Hook até o fim. E, apesar primeira metade da temporada não ter sido ruim, ela nem se compara com a segunda. Vale lembrar que ambas as histórias apresentam novos vilões relacionados diretamente com alguns dos personagens principais da série. Acredito que essa "tradição" será quebrada na primeira parte da quarta temporada, já que a vilã parece ter uma origem mais... aleatória. Enfim, estou doido para falar logo da chocante cena final, mas irei me conter.

Bem, o que eu mais gostei dessa Season Finale é que ela conseguiu entregar aquele sentimento de nostalgia sem soar repetitivo. Tivemos a oportunidade de acompanhar a clássica cena do primeiro encontro entre a Snow e o Charming, de um ângulo completamente novo - inclusive para eles. Diferente da proposta dos outros finais de temporada, esse não teve muita tensão. De fato, foi muito divertido. E a Emma estava mesmo precisando dar um passeio vívido pelo passado dos seus pais para aprender a dar valor as suas raízes. E tudo isso ao lado do Hook, que esteve irresistível o episódio inteiro.

E foi com essa proposta leve e divertida que fomos conduzidos por esse final duplo, com direito a tudo que uma pessoa na floresta encantada poderia esperar - confrontos, prisões, pegação com piratas e bailes reais. Os roteiristas foram ousados ao conduzir esses últimos episódios de uma maneira irreverente, mas não poderia ter dado mais certo. É claro que nada teria sido o mesmo se o foco todo não estivesse no casal que eu, você, minha mãe e os seus cachorros shippam desde o começo, Emma e Hook. É engraçado, porque ela já teve diversos pretendentes, mas eles acabaram sendo eliminados um a um, até só sobrar o pirata. Todos estão gratos por isso.

Gostei também de ter visto diversos rostos conhecidos - fazendo pequenas participações especiais. Tivemos o retorno da Red, que agora deve voltar a aparecer com frequência, já que a sua outra série foi cancelada. A princesa que o Charming deveria ter se casado também marcou presença. Sem contar outros rostos que passaram rapidamente, mas ajudou a completar aquele clima de nostalgia. Só espero que a Zelena retorne em algum flashback eventualmente, até porque, os produtores disseram que é possível que ela apareça novamente na narrativa.

Infelizmente não acredito que ela irá ressuscitar, então espero que pelo menos ela seja encaixada em novas histórias do passado. Vocês sabem o quanto eu tenho um fraco por vilões. Tentarei até não me apegar a esta nova, mas sei que será difícil, porque essa última cena da temporada foi impactante demais. Quem poderia imaginar que os roteiristas iriam introduzir a Elsa do filme da Disney, Frozen? A introdução da personagem surpreende justamente por ser um filme lançado muito recentemente. Já estou morrendo de curiosidade para saber quem interpretará a personagem. Até o momento, os produtores fizeram excelentes escolhas quanto as suas vilãs, então espero que dessa vez não seja diferente.

Por último, eu deixei a cena triste da Regina, que não será feliz tão cedo. Por causa de um erro da Emma, ela ficará sem o seu final feliz mais uma vez. Meu coração quebrou naquela momento, sinceramente. Nem conheço a mulher do Robin Hood, mas já quero que ela seja uma safada má para abrir espaço para a segunda chance da Regina. Quem sabe ela não morre novamente? Eu não sou uma pessoa ruim, mas vocês sabem como é o ditado, "quem vive de passado é museu".

Enfim, oncers, sei que passamos por uma temporada conturbada no MMA, com algumas trocas de autores e muitas reviews duplas/triplas, mas mesmo assim eu tentei fazer o meu melhor para manter a série - e o blog - no ar. E, convenhamos, essa série não merece ser retirada da grade. Espero que na próxima temporada as coisas estejam mais resolvidas e as críticas voltem a ser postadas pontualmente. Obrigado a todos vocês que me acompanharam por mais um ano, essa temporada foi incrível. Agora vamos sentar, esperar e colocar nossos casacos, porque o quarto ano vai fazer frio!

PS. Os produtores já confirmaram que a quarta temporada também terá duas linhas narrativas separadas, assim como aconteceu nesta terceira. Ótima notícia!
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
1 Comentários

Comentário(s)

1 comentários:

  1. Cara no chão com essa season finale! Bem superior a anterior, sinto que a quarta temporada promete!

    ResponderExcluir