terça-feira, 22 de abril de 2014

[Crítica] Salem - 1x01: The Vow (Series Premiere)


Não julgueis, para que não sejais julgados.

Review:
(Spoilers abaixo)

O Morro dos Ventos Uivantes? O Exorcista? American Horror Story? Nada disso! Estamos falando de Salem, a nova série de bruxas produzida pelo WGN America. Vale avisar que a série não tem nada a ver com os programas citados acima, embora seja impossível não comparar alguns elementos ou histórias semelhantes.

Para botar lenha na fogueira, me arrisco a dizer que Salem será aquilo que American Horror Story prometeu com Coven e não conseguiu cumprir. Mas calma... sem comparações! São duas séries distintas e ainda é muito cedo para falar o que só poderá ser comprovado com o avanço da temporada.

A princípio, Salem parece ter agradado o público em geral, com ótimos índices de audiência, sendo a maior da WGN America em anos! Por parte da crítica especializada, não foi diferente, tendo conquistado de reviews mistas à positivas.

Pessoalmente, eu gostei do que foi apresentado. Surpreendi-me com a fotografia, cenário e figurino. O elenco foi muito bem escolhido. A história, apesar de não ser das mais originais, tem grandes chances de se desenvolver e surpreender a todos, pois possui todos os elementos necessários para isso.

Romance, sexo, violência, sangue, e muita bruxaria; a série tem tudo isso e muito mais e promete fisgar vários fãs famintos por uma série decente sobre bruxas. Recomendo assistir com um pé atrás, pronto para abandonar a qualquer deslize. Mas sim, é muito difícil avaliar uma série pelo seu piloto, portanto, estamos sujeitos a mudar de opinião a qualquer momento.

Um dos pontos mais positivos da série é o rápido desenvolvimento dos personagens, que se deu graças a um avanço de tempo já no começo do episódio. Sem enrolações, já ficamos sabendo quem é quem, o que quer, etc. Mas não sabemos quem é vilão ou quem é herói. Os puritanos? As bruxas? Qual lado ficar? Hahaha, como se fosse difícil escolher, não é mesmo? Mas enfim, os dois parecem ser “lados perigosos”, o que promete muita guerra e claro, muitos galões de sangue.

Se você ainda não assistiu e está esperando um empurrão para fazer isto, vá por mim: assista. Assista e veja se gosta. Eu, que sou muito chato com séries e filmes, consegui gostar... Enfim, mergulhe, mas não de cabeça, pois você pode achar que o rio é fundo, mas pode acabar batendo forte contra as pedras.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário