quinta-feira, 3 de abril de 2014

[Crítica] The Following - 2x10/11: Teacher's Pet / Freedom


Não há redenção sem sangue, o universo nos deve isso.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Bom, antes de tudo quero começar me desculpando por não ter postado a review passada, mas, como todo ser que respira, eu estava tendo uma crise, no caso, uma crise nos estudos. Já passou, deu tudo certo e cá estou. Nessas duas semanas muitas coisas aconteceram. Me julguem, mas eu não gostei muito do décimo episódio, achei ele disperso, foi uma encheção de linguiça, mas o décimo primeiro recuperou a leva de bons episódios o que faz com quem The Following continue no topo das minhas séries favoritas, pelo menos até domingo quando Game of Thrones volta para aquela que será a temporada mais sanguinária de todas, estou contando os dias. Enfim vamos aos episódios.


A Claire. Eu realmente fiquei chocado com o fato dela ainda estar viva, mas a essa altura do campeonato não vejo muita serventia na personagem. Destruir os sonhos da Emma em ser a rainha do Mal? Se meter no lance do Ryan? Não acho que a série esteja precisando de um triangulo entre o Ryan e quem quer que seja. Tudo bem que ela está com sede de vingança, mas não é como se ela tivesse tido um Takeda da vida e estivesse voltando pra se vingar, ela pode até ter vontade, mas não vejo ela como alguém capaz e destruir o Joe, até porque se existe alguém esse alguém é o Ryan. Enfim, ela acabou "abrindo" mão do filho e da mãe, já que a partir de agora ela não saberá mais o paradeiro deles, pra poder seguir em frente com o seu plano. Eu acho isso muito injusto com o Ryan.
(Beth de TWD sendo encontrada)

Mas, a volta dela provavelmente vai abalar as estruturas de todos, do Joe porque vai querer a amada de volta e do Ryan, que pode criar atrito com o Mick, que sempre soube de tudo, e ainda assim ignorou a dor do amigo e deixou-o sofrer. Sendo que isso realmente era o mais lógico a se fazer. Já deu pra ver que ele terá problemas em conseguir perdão do amigo, antes da Claire entrar ele já estava implorando, acho a volta dela injusta com o Mick também, nunca pensei que diria isso, mas ela estava melhor morta.

Esquecendo a Claire por um momento, o Ryan praticamente passou esses dois episódios curtindo a fase apaixonado, sério, foi legal ver o personagem rindo e com esse ar mais solar. Até parece que ele conseguirá seguir a diante. E só pra que não passe em branco, ele foi essencial no plano que fez o Joe se decepcionar com o ex professor, o que fez com que os personagens voltassem a se encontrar, mesmo que por telefone. Além de ter descoberto e quase impedido o plano da Lily pra libertar o Lukke e que plano...

Dizia eu, linhas anteriores que Lily Gray voltou, senti a falta dela, mas concordo que eles a trouxeram no momento ideal. Ela simplesmente sambou na cara do Joe e Ryan juntos. Já não era sem tempo, até porque quando ela resolveu se vingar ela só atacou o team do Ryan e esqueceu que o Joe também havia deixado ela de escanteio, tudo bem que isso não foi muita coisa, mas a Mandy escapou e está procurando um colo maternal. Esta ai as chances de Lily completar o seu ciclo e se vingar do Joe e companhia, espero que ela peça a ajuda do Ryan.

Por fim, o fim. O Joe e seu team estão cada vez mais insanos. Alan Poe já era, o que devo dizer, é uma pena, seu novo foco é Jesus e as religiões. Entendo a mudança de foco e é válida, afinal de contas o sangue pode purificar. Como não? E nada mais justo do que o Joe se apoderar disso. E é extremamente interessante ver como ele faz tudo girar ao seu favor, não basta ser psicopata, não basta matar, tu tens que ser adorado, tu tens que ser influenciador/controlador. Isso é o mais legal.

Drops:
  • - Emma não gostou nada de ser usada pra acalmar o Robert. Ou gostou?
  • - Como a Mandy, mosca morta, conseguiu fugir? Tipo, varias pessoas que estavam a muito mais tempo no acampamento não conseguiram e ela do nada consegui. Acho que o Joe permitiu.
  • - O filho da Claire não vai aparecer.
  • - Os gêmeos estão de volta.
  • - Gostei da equipe que resgatou o Lukke, principalmente da mulher, mas eles já se foram. E nem seriam necessário porque no final ele escapou sozinho.
  • - Eu ainda não vi a season finale de TWD então não sei o que aconteceu com a Beth lá, mas ela andou por aqui. Mas já morreu.

Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário