segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

[Crítica] Arrow - 2x09: Three Ghosts (Mid-Season Finale)


Aqueles que se foram sempre estarão presentes na memória.

Review:
(Spoilers abaixo)

Perdoe-me pela demora. Não é costume atrasar, todos sabem. Mas por outros motivos foi necessário. A frase título da review se encaixa perfeitamente com meu sentimento atual. Mas de volta ao episódio o que dizer senão: FANTÁSTICO! Uma temporada perfeita até o momento, sem mas. E a preview de outra que será maravilhosa.

Oliver foi drogado no episódio anterior e o Team Arrow pediu ajuda ao Barry para o salvar. Ollie não é bom com agradecimentos, sabemos, mas até que eles se deram bem. Porém como efeitos colaterais ele passou a ter alucinações com os amigos que se foram. Amigos cuja as mortes ele carrega a culpa. É triste ver o quão grande é a bagagem emocional do vigilante e o quanto ele sofre sozinho. Mas nesse episódio tivemos um diferencial: Oliver nasceu como herói, uma designação nunca antes aceita por ele.

Enquanto Oliver estava vendo espíritos, Blood continuou o plano de criar um exército para dominar Starling e ganhar o coração da Laurel. Francamente, Laurel tem cada plot insignificante. Ela, praticamente, só serviu para chorar pelo pai e dizer que nada podia fazer pelo amigo do Roy e da Pecado. Sendo assim, Roy foi investigar e acabou por ser cobaia dos cientistas para experimentar o Mirakuru. Teve sorte por Oliver aparecer e o salvar. Entretanto a dose foi injetada. Fica para descobrir se Roy foi alterado.

Na ilha, Oliver teve que escolher entre Shado e Sara. Não foi realmente uma escolha, mas no fim Shado acabou morta. Dessa vez, creio eu que não vai haver ressuscitação. Uma pena já que eu esperava mais da personagem por causa das HQ's. Mas Slade está mais vivo do que eu, o Mirakuru foi compatível e ele se tornou um homem com força anormal. Porém está com sede de vingança e o alvo é o "amigo" da ilha. E seus planos com Blood não tiveram fim com a destruição das pesquisas. Certamente é o vilão principal da próxima metade da temporada.

Barry se despediu de Starling e voltou à Central City. Rolou uma xavecada na Felicity, mas vai ficar por isso mesmo. A história desse herói agora é solo. E que maravilhosa surpresa ver a transformação e o nascimento do Flash. Só me fez ficar ansiosa pela série. Gustin Grant, já disse e repito, todo o potencial do personagem.

Deixo meus beijos e minhas desculpas pela breve review. Até Janeiro.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
1 Comentários

Comentário(s)

1 comentários:

  1. A série tá perfeita! Em todos os sentidos! Os vilões estão cada vez mais interessantes, a construção do herói, os flashbacks da ilha... tudo tem nos deixado querendo sempre mais! Gosto muito de como as coisas tem andado e espero muito mais pros episódios do ano quem, pena ter que esperar :S

    ResponderExcluir