sábado, 26 de outubro de 2013

[Crítica] The Tomorrow People - 1x03: Girl, Interrupted


O passado, a gente nunca esquece.

Review:
(Spoilers abaixo)

Enfim, descobrimos o passado de Cara. Eu estava esperando esse momento desde o Piloto, pois sempre me perguntava o motivo da Cara não gostar dos humanos. Então, os roteiristas nos deram um episódio dedicado ao passado dela. O Brasil agradece, CW. Nesse episódio vimos também como é o efeito da injeção para retirar os poderes dos Seres, algo que sempre foi mencionado desde o Pilot, mas nunca vimos em ação. Ao terem o líquido injetado no corpo, eles têm uma espécie de convulsão.

Mas vamos falar da Cara. Eu não imaginava que a vida dela pudesse ter sido tão sofrida. Antes de descobrir seus poderes, ela era muda e surda, e 5 anos atrás, em seu baile, ela foi seduzida por Tyler, que tentou estuprá-la. Os poderes de Cara foram ativados e ela os usou para se defender. Porém, ela não contava que Tyler morresse e ela fosse declarada culpada e presa. À caminho da cela, ela descobriu o poder de teletransportação e foi parar em sua casa. Lá, ela explicou ao pai que está falando, porém ele a mandou ir embora. O que foi aquela cena da irmã dela chorando na varanda do quarto e ela fazendo o mesmo na porta de casa? Deu um nó na garganta. Tadinha, gente!

Mas o foco desse episódio não foi só na nossa Tomorrow Girl: tivemos Steph empenhado em ajudar Emily, sua colega de escola. Durante uma festa, ele ouviu a garota dizer que em 48 horas estaria morta. Emily sofreu um acidente com a irmã mais nova, onde essa perdeu a vida. Seus pais a culpam por isso e ela o sarcasmo para se desvencilhar das pessoas. Nem preciso dizer que Stephen tentou ajudá-la a todo custo, né? Ele pediu ajuda aos Seres, porém Cara e John negaram e o mandaram colocar um pen drive no sistema da Ultra para eles poderem ter todas as informações de lá. Beleza, eles estão do mesmo lado, mas é muita sacanagem eles negarem ajuda ao garoto e depois quererem que ele faça esse favorzinho. Steph porque tu não mandou eles irem? John já trabalhou lá! Parei.

Ele fez o serviço, contando com a ajuda de Cara, mas... ás vezes, Cara tem um surto, seus poderes se elevam e ela ''revive'' a noite do quase estupro. E quando esse surto resolveu aparecer, hein hein? Cara não ajudou Steph a sair pelo lugar mais seguro e ele se virou nos 30, sendo flagrado nos 45 minutos do 2º tempo por Jed. Ele contou a história de Emily e até o Jed recusou ajudá-lo. Eu estranharia se ele ajudasse, porque né... Depois, Tim (o super computador) identificou uma Ser passando por problemas e Cara, John e Russell partiram para ajudá-la. Só que Jed sambou na cara dos Seres, descobriu o pen drive e isso não passou de uma armação para capturá-los.

Pelo que eu entendi, aquela máquina que a Darcy colocou no peito do Steph sugou um pouco do seu poder, e por isso eles conseguiram armar essa emboscada. John e Russell conseguiram fugir, mas Cara foi levada para a Ultra. Lá, Stephen implorou que Jed a deixasse viver, mas ele ordenou que o sobrinho tirasse os poderes de Cara. Para salvar a amiga, Steph foi, fez o serviço, Cara tem a convulsão e pá. Quem acreditou nisso? Ninguém? Pois é. Todo mundo sabia que Cara não perderia seus poderes. Se a série já estivesse em sua 2ª temporada, quem sabe, mas óbvio que ela não perderia no 3º episódio do 1º ano né? É que Steph usou seu poder de parar o tempo, trocou o vidro por um de um soro qualquer e Cara fez uma atuação digna de atriz.


Sensibilizada com o ato de Steph, Cara decide ajudá-lo e convence Emily a não cometer o suicídio, pois ela também perdeu a irmã. A dela não morreu, porém Cara provavelmente nunca mais a verá e isso as uniu naquele momento. Foi digno, parabéns roteiristas, produtores, todo mundo. Depois de salvá-la, Cara vai embora e Steph fica para assegurar que ela não irá fazer nada. Mas Astrid, que também estava tentando ajudar Emily, chegou na hora que Steph se teletransportou e quando o garoto chegou em casa, ela jogou na cara dele o que viu e que vai tentar descobrir o que foi aquilo. Será que ela consegue? Porém já diz o ditado: quem brinca com fogo... E eu continuo não gostando dela. Nada contra, porém até a Emily que só vimos nesse episódio, eu gostei e ela não me desce. Então se a Astrid for mandada pro saco, tchau. Vejam a promo do 1x04 e até semana que vem:

Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário