quinta-feira, 24 de outubro de 2013

[Crítica] Hart of Dixie - 3x03: Take This Job and Shove It


E a palavra do episódio foi... resistência!

Review:
(spoilers abaixo)

- Esses são ovos brancos? Porque, você sabe... 
- Sim, ovos de galinhas caipiras, criadas no Upper East Side em Manhattan... 

Estamos no início da temporada, mas a audiência desde sempre nos preocupa. Essa semana Hart of Dixie teve uma pequena baixa nos números. Mas creio que o sinal de alerta não foi acionado. Ao contrário de outras séries da CW (Beauty and the beast diz olá). Sem mais anúncios, vamos ao que interessa.
O ócio não faz bem à Zoe Hart. Desde que voltou de Nova York, a doutora tem ficado paranóica por não atender seus pacientes. E já que Brick não a aceitou de volta no consultório de início, ela tinha um plano para domar o ranzinza. Tudo bem que o plano era idiota, mas Joel não entende o espírito de Bluebell. E atrapalhou tudo, jogou Brick contra Zoe ainda mais. Resultado: a doutora além de não conseguir emprego também não podia abrir um novo consultório, nem consultar qualquer pessoa devido ao contrato de não concorrência. Parabéns Joel. Já disse e repito: dá tempo de voltar para NY.
Bom, eu não sei vocês, mas eu estou desde o final da segunda temporada decepcionada com o rumo de Lavon e George na história. Essa intriga com o prefeito de Fillmore é extremamente desgastante. Lavon precisa de um plot mais sério, como na primeira temporada. E George... o que dizer? Ele e a Lemon na primeira temporada funcionava muito bem. Mas aí começaram a inserir recorrentes para as tramas dele. E desde então o personagem tem sido tão zzzZzZzz. 
Um time de baseball foi o motivo dessa semana para a rixa entre as cidades. Tentando atrair o investimento para Bluebell, Lavon (que deu um show de persuasão) conta com a ajuda de Brick que conhece a dona do time há muito tempo. Sabe aquele tipo de amigo que você tem no facebook e que adoraria desfazer a amizade? Eu sei. Brick também sabe. A mulher era extremamente irritante e o Brick realmente se esforçou por Bluebell, mas de nada adiantou. Desta vez foi ponto de Fillmore.
Há certas pessoas que não sabem o que é um fora. Lynly é uma delas. E apesar do George dizer de forma mais clara impossível que NADA vai acontecer entre eles, ela não entende. E a tática de uma desesperada é a sedução. Esperar o cara de lingerie na cama é uma das coisas que só pode dar certo nos filmes. Talvez não né?! Mas eu sei que em HoD não deu certo. O fato é que George acabou machucado com o dedo preso no zíper do vestido da Lynly, e se o lance entre os dois é secreto só restou Zoe para ajudar. De verdade, tudo isso foi chato. Essa é uma série leve, mas não quer dizer que seja besta. Precisa de histórias melhores, porque não está agradando. Nem essa prima do Lavon.
Desenrolando, temos Lemon e as Belles. Está aí algo que eu queria há bastante tempo: Lemon fora desse grupo ridículo. O poder subiu à cabeça de Crickett. Tivemos nossa limão pagando serviço comunitário. Pagando os pecados por ter ficado com Meatball. Zoe curtindo com ela. E no fim tivemos um tapa na cara da sociedade. Lemon Breland não precisa das Belles. Ela é mais que isso. Aprovei. Curti e compartilhei. Eu achava uma besteira esse negócio de Belles desde sempre. E como a Lemon mudou de dona de casa mimada para mulher profissional e de sucesso (exagerei?), nada mais certo a fazer. AB também saiu. Obs: a linda da Jaime King já teve o bebê, mas nesse episódio ela ainda estava grávida. É até engraçado como a câmera esconde o barrigão.

No fim, Brick só precisava de atenção. Ele ainda estava muito chateado pelo fato da Zoe ter ido embora, assim como o pai dela fez, deixando ele sozinho. E a relação entre os dois é muito linda de ver. Brick é uma espécie de pai pra Zoe, e os dois, apesar de tanta briga, se dão muito bem juntos. Alegria total porque a doutora está de volta. E Joel, está desculpado! Ele se esforçou pra ajudar a namorada e até apanhou por isso. Tá certo que zoel não é o melhor dos casais, mas não revirei os olhos nesse episódio (não muito, pelo menos). O que eu falo que é um bom sinal.
Os esclarecimentos:
- Lynly, se você não desocupar o anexo para Zoe voltar como veremos o Wade sem camisa?
- Não pensem que deixei de observar Zade. Gostei da amizade, mas é claro que o sentimento é outro.
- Foi bobo, mas o Frank estava impagável como investigador hahaha
Beijos, até a próxima semana. Deixo aí a promo do 3x04:

video



Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário