quinta-feira, 10 de outubro de 2013

[Crítica] The Client List - 2ª Temporada


Status: Cancelada
Duração: 42 minutos
Nº de episódios: 15 episódios
Exibição: 2013
Emissora: Lifetime

Simplesmente irresistível.

Crítica:


Eu sou um grande fã da primeira temporada e certamente também adoro a protagonista, Jennifer Love Hewitt, porém, nada disso conseguiu se estender para esse segundo ano. É muito triste ver uma série com tanto potencial cair no clichê. Essa segunda temporada cometeu o erro de dramatizar cada situação possível, tornando-a lenta e chata. Aqui, nada de impactante aconteceu para a história em geral, ficando muito atrás dos acontecimentos do ano anterior, onde a melhor amiga da Riley descobriu sobre sua “vida secreta”. Bem, vamos comentar mais sobre essa queda na qualidade?

O gancho principal do final da temporada do primeiro ano foi a Riley com a lista de clientes nas mãos, seu marido na sua frente e a polícia batendo na porta. Realmente foi uma última cena de tirar o fôlego. A segunda temporada começou exatamente de onde a anterior parou, Riley nessa situação e já começando a confessar os seus pecados para o seu marido. Felizmente, o polícia não estava ali por ela, mas sim por ele. Foi uma saída esperta de uma situação apertada. Pensei que, com o Kyle preso, a série voltaria aos moldes anteriores, com a Riley tendo que se virar sozinha. Lego engano.

Essa prisão do Kyle foi a coisa mais desgastante de toda a série. É impressionante como o personagem não consegue me agradar. Toda a primeira metade da temporada foi focada na sua prisão e todo o drama envolvendo dinheiro que o cercou. Vimos Riley correr de um lado para o outro para resolver os problemas que o seu próprio marido criou, enquanto ela tentava sustentar os filhos e pagar as dívidas do cara que devia apoiá-la. E tudo isso com a manjada desculpa de que Kyle era o pai dos seus filhos e, por isso, ela deveria fazer o que pudesse para vê-lo livre. Será que ninguém lembra que o cara simplesmente sumiu e os abandonou?

Essas crianças, aliás, são péssimas. Eu já não me simpatizo com crianças fácil, mas essas tornam isso impossível. Se os roteiristas gostam de drama, eles poderiam atropelar essas crianças para a Riley continuar com a vida dela. Brincadeira... ou não! Mas a verdade é que as crianças são insuportáveis. Ficam pedindo pelo pai como se ele fosse algum tipo de herói injustiçado. Mas a culpa disso é da própria Riley, que nunca teve a coragem de dizer aos filhos que tipo de homem o pai deles é. É por isso que eles cresceram insuportáveis e cegos. Teve um episódio que eu fiquei muito irritado. Foi quando a Riley iria se apresentar para um importante produtor e teve que abandonar o local para ficar com os filhos. Será que não havia ninguém mais para mandar? Ela tem tantos amigos. É disso que estou falando, dramas desnecessários.

Passado o drama com o Kyle e a constatação que ele e a Riley voltaram a ficar juntos – para o desprazer de todos –, a série pôde dar atenção ao que realmente importa, ou seja, a lista de clientes. Por isso que os últimos episódios foram bem melhores, com todo o drama positivo em torno da lista de clientes que fora roubada. E o melhor mesmo foi ver a Riley entrando no covil do inimigo vestida com uma stripper e dançando sensualmente. Tenho que confessar, Jennifer Love Hewitt só fica melhor com o passar dos anos.

E o final, foi basicamente o mesmo que o do primeiro ano. Porém, a situação ficou bem mais... complicada de se resolver. Temos um spar em chamas, um possível corpo, lista de clientes e Evan e Kyle olhando para uma ensanguentada Riley. Eu sinceramente iria parar de assistir essa série, mas depois desse final, eu vou ter que dar mais uma chance. Até porque, seja como for, esse é um dos shows mais quentes da televisão. Basta ver os clientes da lista... E, claro, a própria protagonista. Aliás, quem já viu o vídeo promocional da série – com direito a Jennifer cantando e usando todos os seus atributos? Não viu? Corre então, clique AQUI. E vocês? Irão dar mais uma chance para a série ou gostaram dessa temporada?

[UPDATE] A série foi oficialmente cancelada pelo canal Lifetime. Apesar da queda da audiência, o motivo do cancelamento foi por causa dos rumos da história. Os roteiristas não conseguiram desenvolver uma trama que agradasse a protagonista, Jennifer Love Hewitt. Achei uma total falta de respeito dela pelos fãs. Custava uma terceira e última temporada? Enfim, a qualidade da segunda temporada já havia sido duvidosa, mas esperava pelo menos por um final decente da história.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
20 Comentários

Comentário(s)

20 comentários:

  1. Eu acho que a lista de muitas séries que foram canceladas, independentemente do canal ou o nível de produção história, como HBO, para mim, pessoalmente eu gostei The Client List teve uma história convencional, mas foi divertido.

    ResponderExcluir
  2. Gostaria de ver a terceira temporada

    ResponderExcluir
  3. Gostaria de ver a terceira temporada

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Final mais TOSCO esse, fala sério, esse tempo todo eu assistindo pra acabar daquele jeito? Que merda, esperava um final decente...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fiquei com o mesmo sentimento, merecia um final melhor

      Excluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Kah Rodrigues, concordo plenamente com você. Esse final ficou no vácuo!

    ResponderExcluir
  8. Inacreditável que não tenha continuação!

    ResponderExcluir
  9. Inacreditável que não tenha continuação!

    ResponderExcluir
  10. Uau, que insensibilidade da sua parte com mães, hein? E crianças! Ja ouviu falar em alienação parental, delegação de cuidados a terceiros? Mais empatia, por favor! Com as crianças também! Elas são seres humanos em formação e merecem sim toda a atenção do mundo das pessoas que amam, em especial os pais.

    ResponderExcluir
  11. Eu gostaria sim que tivesse uma terceira temporada. A única parte da série que mais me incomodou foi o kyle voltando e todo mundo fingindo que nada aconteceu. Pra mim o Evan deveria ficar com a Riley, pois sempre esteve ao seu lado. Kyle não passa de um irresponsável. E o fim foi uó!!! Não consigo nem criar na minha mente, o final disso tudo! Uma pena

    ResponderExcluir
  12. Queria a terceira temporada um final descente que ódio perdi um tempão assistindo poderíamos fazer uma reclamação formal com Lifetime Channel.

    ResponderExcluir
  13. E ficamos ai curiosos , sem saber o final 🙄

    ResponderExcluir
  14. Absurdo. Falta de consideracao nao fazerem o ultima temporada e finalizar a historia.

    ResponderExcluir
  15. Espero um final, pois aquilo não foi um final,só deixou os telespectadores com expectativa de saber qual reação dos kile e Evan, ao saberem do segredo da riley

    ResponderExcluir
  16. Chequei, esperava um final...Isso foi terrivel, qualquer coisa, mas nada simplesmente nada!!��

    ResponderExcluir
  17. Só queria saber o que aconteceu com ela, se foi descoberta ou deu tudo certo

    ResponderExcluir