sexta-feira, 5 de julho de 2013

[Crítica] True Blood - 6x03: You're No Good

You will be devastated.

Review:
(Spoilers Abaixo) 

A guerra começou, e não são apenas os vampiros que podem pagar o preço. Fadas, lobisomens e metamorfos também parecem estar com seus dias contados enquanto os políticos – tão corruptos quanto preconceituosos – definem a nova ordem mundial. Quem viverá pra ver o dia amanhecer? Eu sei, este é exatamente o problema. Mas parece que pela primeira vez em milênios, os vampiros podem ter a luz do sol a seu favor. Pelo sim e pelo não, é melhor rezar e torcer para que Lilith ouça todas as nossas preces.

No episódio passado, vimos Eric fazer uma visita ao governador e descobrir que a tecnologia deixou os humanos ficarem um passo a frente dos vampiros. Lentes de contato anti hipnose, armas contendo balas ultravioleta e um exército inteiro disposto a exterminar a raça de Lilith. Pra fazer o jogo virar novamente, Eric decidiu usar a filha do governador como refém até ter um plano melhor. Mas quem disse que ganhou o apoio de sua querida família? Pam, que está mais para Pain in the ass, repudiou a atitude de seu criador novamente. E Tara, a nova recém criada, repudiou a opinião dos dois e de qualquer um que fosse contra ela.

Como não havia mais Fangtasia, negócios ou Sookie naquela cidade, os três pegaram a filha do governador e fugiram. Sem lugar pra ir, sem plano, sem esperança e sem chegar a um consenso sobre o que deveriam fazer pra se defender dos humanos. De certa forma, Tara era a única que conseguia raciocinar. Sequestrar, matar e destruir são o tipo de coisas que fazem os humanos odiarem os vampiros. E sequestrar a filha do homem que está disposto a destruir essa raça é no mínimo uma das piores ideias que Northman já teve em sua segunda vida. Mas por outro lado, só existe uma maneira de conseguir informações e provar aos humanos que não vão desistir tão fácil: Sendo ofensivos. Era o bastante pra vontade de Eric prevalecer.

De acordo com a filha do governador, uma não tão verdadeira admiradora dos vampiros, seu pai está construindo uma espécie de base militar e científica onde vampiros são submetidos a inúmeros testes e depois sacrificados, exatamente como a visão de Bill. Além disso, ela revelou que sua mãe fugiu com seu amante vampiro e que por isso seu pai os odeia tanto, hahaha! Só podia ser, né? Por trás dessa máscara preconceituosa dos políticos há sempre um envolvimento pessoal com aquilo que repudiam. Sabe lá Deus se algum boy magia não partiu o coração do Feliciano ou se o Malafaia já perdeu uma mulher pras lésbicas de plantão. Depois dessa, tenho sérias dúvidas.
Quando o governador rastreou a ligação até a casa da antiga empregada do Fangtasia, Tara resolveu fazer as coisas por conta própria e fugir sozinha com a refém. Talvez pra entrega-la ao governador como uma oferta de paz e dizer que nem todos os vampiros querem fazer o mal, mas todos sabem o que vai acontecer caso ela se atreva. Vai ter sempre um lugar para qualquer vampiro no campo de concentração ao lado de Steve Newlin. Que aliás, já está mesmo se sentindo bastante solitário naquele lugar. Morrer do mesmo jeito que queria matar dezenas de vampiros com sua religião? Seria épico se não fosse tão trágico. Na verdade, seria épico de qualquer jeito.

Billith também está comendo o pão que Adão e Eva amassaram, mas parece que há uma esperança pra salvar os vampiros de serem carbonizados como na sua visão. Se foi possível criar o Tru Blood e alimentar os vampiros, talvez a mesma pessoa que sintetizou o sangue humano possa sintetizar o sangue das fadas e criar uma bebida que deixa todos os vampiros imunes a luz do sol. Mas é óbvio que Sookie, a besta quadrada, não aceitou fazer parte da experiência. “Salvar todos os vampiros que amo com meu sangue? MAGINA, ain’t nobody got time for that”. Avá, né Sookie. Só quero ver se essa siririca de luz vai te satisfazer quando todos os vampiros estiverem mortos.

Por sorte ela não é a única fada que está ao alcance de Bill. Andy tem quatro fadinhas recém nascidas, porém bem crescidinhas, que podem ser usadas pra fazer a experiência. É claro que Andy nunca deixaria isso acontecer, então prevejo muito drama quando Bill sequestrar as “crianças”. Ou ele poderia simplesmente tomar um banho de luz do sol e sair quase carbonizado de novo, hahaha! Sei que foi uma cena dramática, mas não pude deixar de rir. O cara pensa que é um novo deus e que está imune aos raios solares, mas pegou fogo como um vampirinho qualquer, hahaha! Billith, até mesmo os poderes celestiais têm limite.

Quanto ao sequestro da garotinha lobisomem, terminou em morte e será reprisado no cidade alerta de amanhã. Tudo porque aquele povo da sociedade dos vampiros unidos teve a brilhante ideia de provocar os lobisomens e filmar sua transformação pra colocar na internet. Estourados como eles são, era óbvio que não aceitariam isso numa boa. Três deles foram mortos, e no meio da confusão, Sam conseguiu resgatar a garotinha. Agora estão ele, ela e a única sobrevivente da organização correndo sem rumo pela floresta. Isso poderia ser evitado, né pessoal? E poderiam também ter dado um plot melhor pro Alcide. Porque como Alfa de uma matilha, ele está nos saindo um completo inútil.

Fangs On: 
 - Clima entre Sookie e o fada macho? Eu aprovo.
 - O que está acontecendo com o Jason? Não parece ser uma simples contusão. Só espero que ele não seja o próximo da família a ganhar uma bela lápide.
 - Jess seduzindo o professor. Nooooooooossa, agora as musicas do Michel Teló fizeram sentido.
 - Com quem eu tenho que transar pra ver essa mulher do Steve Newlin morta?

Promo 6x04 "Al Last"
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário