domingo, 16 de junho de 2013

[Crítica] Pretty Little Liars - 4x01: A Is For A-L-I-V-E (Season Premiere)

O IBAMA não me representa.
Beijinhos, Gossip Girl...Digo, -A.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Alô, alô, Graças a Deus. Sentiram minha falta? É, eu sei que andei sumido por uns tempos - mas é que final de semestre junto com o meu computador que está com bug no sistema que eu não estou conseguindo resolver exigiu meu desaparecimento momentâneo. Mas enfim, -A está de volta, e eu também. Quem acompanha o Meu Mundo Alternativo, sabe que o Luiz se retirou das nossas atividades blogueiras e foi ser feliz sozinho. Como não poderia deixar de ser, eis que as Little Liars caem nas minhas mãos mais uma vez e dessa vez, farei como -A e não as deixarei escaparem, ou seja, preparem, porque vocês vão ter que me aguentar. Mas chega de enrolação, porque de enrolado, já basta o roteiro de Marlene King. É, eu não ia sobreviver sem fazer esse trocadilho, I will burn in Hell for that.

Olha gente, já vou avisando, uma coisa é escrever críticas e outra é escrever texto de fanboy, nada contra os fanboys da série, eles geralmente são gatinhos e legais. Mas não vou ficar fingindo que minha visão está mais embaçada que a da Jenna quando se tratar dos defeitos da série. Só achei que precisava avisar isso agora, já que querendo ou não, vou estar por aqui por um bom tempo. Mas isso é mais uma advertência mesmo, porque uma vez chato, sempre chato. É mal de Ricardo, não me julguem. Mas sabe porque digo que isso é só uma advertência? Porque essa Season Premiere, por mais avulsa que tenha sido, me agradou. Mais do que eu esperava.

Eu sou um cara de mudanças, e sei disso. Detesto rotinas, tradições, roteiros, regras...Nada que limite minha espontaneidade. Por isso detesto mesmice. E Pretty Little Liars acertou, já estava na hora de mudar e trazer alguns elementos novos. Renovar. Inovar. Ou apenas "novar", mas já era hora de vermos algo diferente. E foi justamente por causa disso que gostei dessa Season Premiere, ao contrário da temporada passada, onde tivemos um "tudo de novo", dessa vez tivemos um "tudo novo, de novo". A sensação de que voltamos para onde começamos ainda está aqui, mas de algum jeito, são tantas informações e coisas novas, que minha curiosidade foi aguçada. Parece que o próprio roteiro está mais firme, e os roteiristas sabem aonde querem chegar. E olha que não tenho essa sensação desde a primeira temporada. Eu falei que não ia enrolar, mas olha só, já foram três parágrafos e nem comecei a falar nada do episódio em si ainda. E sentem, porque lá vem história. Afinal, temos muito do que falar.

Migas? (Fiquei com dó dela nessa cena)

Vamos começar por coisa boa: Mona. Como não amar? Não sei porquê, mas me apeguei a personagem mais do que a qualquer outra. Acho que a personagem ganhou todos nós, carisma é realmente tudo que uma pessoa precisa mesmo. E isso a Mona tem. É carismática pra caramba. Ao contrário de todo mundo por aí, estou disposto a acreditar que ela está do lado das Liars agora. Lógico, ainda acredito que a personagem é a mais esperta dali, e se ela tiver a oportunidade de se dar bem e largas as outras Liars a própria mercê, aposto que ela agarrará essa oportunidade. Mas não posso julgá-la por isso, eu nessa situação faria a mesma coisa. Louco pra ver mais dela e Hanna juntas, logo depois de Mona, a Hanna é a minha outra liar favorita. E sim, já considero Mona uma Liar, posso? Obrigado. Graças a personagem, descobrimos algumas coisas que estão na nossa cabeça desde a primeira temporada. Coisa que muitos cobravam explicações, e que finalmente tiveram algumas respostas satisfatórias...err, ou não. Vamos a essas revelações?

Pra começar, lembram que Mona e Hanna estavam em outra cidade - algo do tipo - e -A apareceu pra massagear Emily? Pois bem, era Lucas, que desde a temporada passada sabemos ser um capacho de Mona. Ou seja, membro do -A Team Número 2.

Depois Mona, nos conta sobre o mais novo ~casal~ lésbico da telinha, Janna. Segundo ela, Jenna e Shana se conhecem há muito tempo, de antes de Shana vim pra Rosewood. O que deixa claro com quem Shana conversava pelo celular em Pretty Dirty Secrets, ela ainda diz que tanto Shana quanto Jenna temem Melissa. Pra mim, episódio passado, as três pareceram muito amiguinhas, não vi ninguém temendo ninguém ali. Eu vejo mais como se as três estivessem em uma aliança onde elas não se gostam, mas precisam uma das outras. Aliás, já emendando o assunto, Jenna e sua mania de fazer a misteriosa, né? Tem horas que eu não sei qual é a da personagem. Ela mandando a Emily dar recado pra Tobinha, caso "acontecesse alguma coisa com ela", foi um tanto quanto repetido. Não é a primeira vez que isso acontecesse, Jenna sempre vai atrás de Emily pra dar esses recadinhos carregados de dubiedade. E parece que ela está voltando a ficar cega, não é? Porque, a câmera nos coloca na visão da Jenna por um momento, e está tudo meio embaçado. Parece que a Ex-Cega, não é tão ex assim...E ah! Jenna estava com o braço queimado. A personagem andou mexendo com fogo, e tenho certeza que ela não estava acendendo uma vela.

Voltando as revelações de Mona, descobrimos que não tinha uma Rainha de Copas e sim duas. Porque essa série já está quase Once Upon A Time, se pararmos pra analisar. É Cisne Negro pra lá, é Alice pra cá, é Chapeleiro Maluco fazendo feat. Daqui a pouco Alison na verdade foi seguir um coelho e caiu num buraco e foi parar no País das Maravilhas. Bom, como eu ia dizendo, uma das Rainhas de Copas era Wilden. O mais novo porco, digo, corpo da cidade. E segundo Mona, a outra Rainha de Copas era Melissinha Hastings. Que mais uma vez não dá as caras no episódio, mas recebe todas as suspeitas possíveis. Se bem que isso ficou bem ambíguo, né? Achei muito conveniente, -A invadir o computador de Mona bem na hora que a gravação ia mostrar que era a Melissa mesmo. Talvez seja outra pessoa, que por algum motivo a Mona está protegendo?

Outra coisa que Mona nos conta é que ela recrutou Toby quando ele foi arranjar emprego em outra cidade. O que é uma informação bem vaga, já que uma das coisas que o personagem mais faz é procurar empregos nas outras cidades. Empregos que ninguém sabe quais são, e que só duram por cinco episódios no máximo. O fato é, Toby foi revelado como Pretty Eyes, e esse tal de Pretty Eyes já aparece há um bom tempo na série. Ou seja, acho que Toby vinha trabalhando com Mona há mais tempo do que ele e ela admitam. Ou seja, membro do -A Team Número 3.  



Entrando nesse clima gostoso de Dia das Mães, só que mais tarde, Titia KingSemKong decide trazer as mães de volta a tona. Mas quem pensa que veríamos Pam, Ella e Ashley (a não ser que vocês estejam contanto a milésima vez que vemos a gravação dela atropelando o Wilden, gravação essa que só iria provar a inocência da mesma, uma vez que Wilden apareceu vivo depois, essas Liars são mesmo burras) se enganaram. Estou falando de Mamãe Cavaunaugh e Mamãe DiLaurentis.

A primeira aparece em flashbacks, e se mostra uma empata de marca maior, atrapalhando o que poderia ser a primeira vez de Tobinha - sem ser com sua meia irmã. Mas claro, a velha tinha que decidir ser doida bem na hora H. Ver Alison e Toby quase se beijando foi algo estranho, na verdade, o Toby tem cara de estranho. Desculpem vocês que acham ele boa pinta. Achei muito filha da putagem dele, roubar o -A Lair que a Mona e a Hanna tinham escondido, pra ceder as chantagens de -A. Ele já começa errado quando mente, esse povo ainda não percebeu que as mentiras não vão levar eles a lugar nenhum? Só deixam eles ainda mais controlados por -A. Confesso que já gosto mais desse plot dele, do que o que deram pra Caleb temporada passada. Vamos ver porque Mamãe Cavaunaugh está morta, se é que ela está morta.

Outra que voltou, sabe se lá de onde, foi Mamãe DiLaurentis. Já amei a personagem. Principalmente porque acertaram no tom do mistério e da loucura que a envolve. Quer dizer, começar a montar o quarto da filha morta como se a menina fosse voltar é algo...tenso, não? E um tanto quanto estranho. E o que foi ela encarando a Spencer pela Janela - lembraram da Alison de novo, né? Gente, medo. E a personagem ainda está toda trabalhada no vermelho. Ela seria uma das minhas apostas pra ser Psycho Red Coat - porque acredito que exista uma Red Coat do bem, que toma conta das meninas. 

Acho que por hora, o mais importante do episódio foi isso. Lógico, ainda tiveram algumas tramas românticas. Mas nada que tenha muita forma por enquanto, ou seja, deixo pra comentar sobre isso mais pra frente. Destaque pra EzZzZZzzria - já entrei nesse movimento #GiveToAriaAPlot ou #GiveAPlotForAria - e pra Paimily, que já estão todas trabalhadas no casamento gay. Espero que tenha me saído bem e que vocês não estejam desejando o Luiz de volta. Aguardemos as surpresas - nem tão surpreendentes - que essa temporada nos reserva...

P.S.
Essa temporada já me ganhou por ter o gostoso do Sean Faris como o novo detetive marrento. Nem vou sentir muita falta do Wilden...

PROMO LEGENDADO - 4x02: Turn Of The Shoes


Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
11 Comentários

Comentário(s)

11 comentários:

  1. Essa temporada começou muito bem, com o mesmo tom sombrio da segunda metade da temporada passada, pra quem achou a season finale broxante(tipo, eu)o episódio foi muito bom. Não acredito em Mona como liar, e acho que a exemplo do que Spencer fez na temporada passada, se infiltrar e destruir, Mona esta fazendo o mesmo. Se as liars que fazem cosplay de mosca morta, fizeram isso, porque o -A team, que rouba sinos, mata porcos dentre outras coisas não poderia fazer?. Que trollagen foi aquela do porco no porta-malas do carro? meses esperando pra saber quem era o presunto que tinha lá dentro, e me colocam um presunto propriamente dito. Desnecessário, podiam ter posto o Wilden de uma vez que seria digno, mas tirando esse detalhe o episódio foi de um nivel tão bom quanto o Pilot, um dos meus preferidos.

    Dúvida, de acordo com a Jenna, todos que encontraram com a Ali na noite de sua morte, estão morrendo (Ian, Garret, Wilden) será que o porco encontrou com ela também? -q

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sua dúvida é bem digna, fiquei pensando nisso também. Mas também, quem não se encontrou com a Alison nessa noite a essa altura? Me pergunto se teve tempo de tudo isso acontecer em uma só noite, porque né?! Ela encontrou Toby, Ian, Melissa, Jenna, Garret, Byron, Jason, Cece, Spencer...Quer dizer, metade do elenco viu a personagem na noite em que ela supostamente morreu.

      Excluir
    2. O porco foi uma trollagem tanto para os telespectadores quanto para as liars. Se não perceberam, o ângulo da filmagem de -A não mostra o que tinha no carro, eu acho que -A tentará culpá-las. Pois ele pode alegar que ali era o Wilden propriamente dito.

      Excluir
  2. No começo eu achava que a irmã gêmea dela, que existe nos livros, a tinha matado, isso explicaria tantas aparições pós-morte dela. Mas agora acho que as duas estão vivas, e que outra pessoa foi enterrada no quintal do Dilaurents. Espero que no fim da série tudo seja esclarecido de vez, os fatos em ordem cronológica. Aquela noite teve mais de 24 horas só pode.

    Ps: alguém do blog assitiu Twisted? uma nova série da Abc, assisti ao Pilot e achei a serie demais, alguém ja assistiu? pretende assistir? vão fazer criticas da serie?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pretendo assistir, se eu gostar do Pilot, provavelmente eu criticarei...

      Excluir
  3. todos os resenheiros desse blog são gays? eu não consigo encontrar uma crítica sem que fale dos homens gostosos e tal. que putaria é essa. um homem de família não pode nem sequer mais ler algo que já vem com essas coisas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu percebi isso também amigo hehe, mas não sou preconceituoso e adoro as criticas do blog.

      Excluir
    2. eu também acho isso, caro anônimo hahahhaha mas eu também não sou preconceituoso, as críticas são até legais!

      Excluir
    3. Caro Anônimo. Dou o cu porque é meu. Se fosse seu, eu comeria.
      Volte sempre, porque aqui Marco Feliciano não representa ninguém.
      Mas se for mesmo homem de família e está assistindo Pretty Little Liars, tenho más notícias pra você, irmão. Haha.

      Excluir
    4. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk "Dou o cu porque é meu. Se fosse seu, eu comeria" kkkkkkkkkkk é por isso q eu Amo o João, o Blog e tudo oq a nele

      Excluir