sexta-feira, 3 de maio de 2013

[Crítica] Smash - 2x13: The Producers


Preparem-se para uma peça de matar.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Foi só eu começar a elogiar Smash nas minhas últimas críticas e o enredo da série volta a piorar. Essa semana, a história parece ter regredido e dois dos conflitos mais chatos da série ficaram em evidência ao mesmo tempo. Não vou uma perda de tempo total, afinal, várias coisas nesse episódio foram importantes para o desenvolvimento geral da trama, principalmente o destino de Hit List, que ainda é incerto. Porém, como já disse, a maior parte do episódio foi mesmo um saco e espero que os próximos contornem essa parte desnecessária.

Adivinhem quem voltou a se fazer de vítima, apresentar estrelismos e sair cheirando pó como se sua vida dependesse disso? Acertou quem respondeu "Jimmy". Eu já expressei minha necessidade de ver a morte desse personagem? Eu realmente necessito que ele morra. Para minha saúde mental e o que resta de audiência dessa série. Aliás, eu vejo que muitas pessoas ainda estão com fiapos de esperança que Smash possa ser renovada para uma possível terceira temporada. Mas, volto a repetir, exorcizem esses demônios. Smash já foi oficialmente cancelada, até mesmo os produtores falaram a respeito. Então vamos aceitar o final amarrado que eles prepararam e parar de chorar.

No começo dessa temporada, eu achei que era mesmo uma estupidez largar Bombshell e partir para Hit List. Quero dizer, eu ainda acho que é uma enorme estupidez, não me entendam mal. Porém, começo a reconhecer Hit List como um bom espetáculo. Até o momento, poucas músicas chamaram minha atenção, mas realmente adorei a montagem da história, principalmente a ideia do Derek de colocar a Diva atirando em alguém desconhecido logo no começo da trama. Esse é um dos maiores pontos positivos dessa subtrama, porque a série realmente vem crescendo a cada semana, ao contrário dos seus interpretes.

Infelizmente, crescer não parece ser o bastante para Hit List conseguir ir para a Broadway. Depois de uma apresentação completa, nenhum dos produtores tomou o projeto, que permanece no limbo. É estranho que todos tenham rejeitado, o que me leva a pensar que a Eileen e sua assistente devem ter feito alguma coisa para confundir a cabeça dos produtores. E o mais interessante é que no final a própria Eileen parece estar entrando em conflito. Muito provavelmente, será ela quem irá produzir Hit List e estreará dois espetáculos - que provavelmente serão sucesso - na Broadway de uma só vez. Se isso realmente acontecer, ela irá se afastar de vez da sombra do ex-marido.

Outro ponto difícil de acompanhar desse episódio foi a discussão entre a Julia e o Tom. Ele passou o projeto que ela tinha preparado para os dois e agora a chama de egoísta por ter feito exatamente o que ele mandou, ou seja, seguir em frente. Achei que ela acabaria cedendo, o que me deixaria com uma profunda raiva, mas a Julia finalmente cortou seu ex-parceiro. Tom não viu problemas em seguir solo quando estava prestes a assumir o cargo de direção em outro espetáculo, mas simplesmente não consegue ver a Julia fazendo o que ela quer. Pelo menos ela o chutou e está pronta para seguir solo.

Por último, queria comentar sobre o Kyle, que nunca recebeu atenção do roteiro e esteve sempre atrás do chato do Jimmy, protegendo-o. Depois de ser desrespeitado, ele finalmente conseguiu se impor e tirou as coisas do Jimmy de sua casa. E no final? É atropelado - e muito provavelmente morto. É sério isso, produção? Kyle morre e o Jimmy ainda está vivo? This is real life? Enfim, achei isso péssimo. E quero deixar um aviso para todos vocês: Se forem sair pelas ruas cantando e dando uma de Glee, pelo menos olhem para os dois lados quando forem atravessar.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
1 Comentários

Comentário(s)

1 comentários:

  1. Eu sei que você esta com raiva mas não desconte em GLEE não! Kkkk
    Bom, eu adorei essa sua critica. Muita engraçada. :) O problema p/ Smash é, na minha opinião, é que a trama não está original como era antes. É uma pena.

    P.S: Como Angelica Houston está velha...

    ResponderExcluir