terça-feira, 23 de abril de 2013

[Crítica] Game of Thrones - 3x04: And Now His Watch Is Ended


Um dragão não é um escravo.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Eu não havia dito a vocês que coisas grandes estavam por vir? Nada poderia preparar para as cenas da Khaleesi essa semana. O núcleo dela foi tão épico e poderoso que deixou todos os outros no chinelo. É até difícil lembrar qualquer outra coisa que aconteceu nesse episódio sem pensar na reviravolta cretina que a Danny nos proporcionou. Enfim, já que esse é o assunto mais emocionante e o que eu mais quero comentar, vamos deixar para o final. Agora, vamos nos concentrar sobre o resto da trama, que também tiveram seus momentos.

Theon, que já passou o inferno nessa temporada - sendo torturado -, voltou a entrar em problemas. Depois de ter sido resgatado do estupro certo, o seu salvador o levou diretamente de volta para onde havia sido torturado inicialmente. Sinceramente, não sei o que esperar sobre isso. Nunca foi a intenção do cara tirá-lo de lá? Houve arrependimento? Desconfio muito que ele só esteja aterrorizando-o mentalmente. Porém, houve uma confissão muito importante nesse episódio. Theon olhou para trás e confessou que escolheu errado e que o seu pai de verdade havia sido decapitado. Ou seja, ele se arrependeu de ter invadido Winterfell e os atos terríveis que cometeu lá. Será que ele terá outra chance? Espero que sim.

Já no núcleo Lannister, Cersei buscou o reconhecimento do seu pai, mas tomou uma pisada na cara por não conseguir o reconhecimento nem do próprio filho. Enquanto isso, Joffrey estava mostrando os locais onde aconteceram as mortes mais marcantes. Margaery pareceu bastante interessada, mas tenho certeza que ela está focando em um interesse bem maior. O mais interessante de tudo isso, porém, foi a manipulação em torno da Sansa. Descobriram que o Littlefinger queria levá-la embora e logo armaram um esquema para a Sansa abandonar os seus planos. E qual a arma que a Margaery tinha nas mãos? Não era uma besta dessa vez. Ela resolveu usar o seu irmão multisexual e jogou a ideia de um casamento com ele. É claro que a Sansa ficou abalada, mas será que vai cair nessa?

A situação ficou tensa demais na casa do homem que se casa com as próprias filhas. E o mais irônico foi ver que tudo ficou sem controle por causa de comida. Havia tantos motivos para causar uma revolução, mas foi justamente a suspeita do cara estar escondendo comida que engatilhou o massacre. E no meio de mortes e confusões, o gordinho pegou na mão menina que acabou de dar a luz e saiu correndo. Não consigo nem imaginar o que acontecerá a seguir. E o que será dos Corvos daqui para frente? O importante é que o velho desprezivo que casava com as próprias filhas finalmente morreu.

Agora, o mais importante de tudo: Khaleesi. Como já suspeitava, a Daenerys não iria entregar o seu precioso dragão para aquele homem tão cruel. Porém, os acontecimentos foram muito mais ousados do que eu estava esperando. Ela não só não deu o dragão para o cara, como também ficou com todos os guerreiros do Exército dos Imaculados. Também foi ótimo quando ela começou a falar a língua do cara, deixando claro que ela sabia de todas as coisas horríveis que ele havia falado sobre ela. Não tenho como não pirar nessa cena. Foi eletrizante e quente! A vingança solta fogo, meus caros.

E vocês pensam que iria acabar só nisso? Daenerys não aceita escravos. Ela libertou todos logo que matou os responsáveis pela sua formação. E, de bom grado, perguntou quem iria acompanhá-la em sua jornada. Obviamente, todos foram atrás dela. Não mais como escravos que devem fazer tudo o que ela mandar, mas como homens livres que respeitam sua líder.  Definitivamente foi a melhor cena da temporada até agora. Estou morrendo de vontade de continuar vendo a ascensão dessa personagem, que sempre foi uma das melhores de toda a série. Danny é o poder? Sim ou claro?


PS. Jaime e Brienne continuam ótimos juntos. Eles têm que conseguir se libertar e desenvolver essa relação emocionante. Quero mais cenas deles para ontem!
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário