domingo, 14 de abril de 2013

[Crítica] The Following - 1x12: The Curse


Velhos hábitos são difíceis de deixar de lado.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Estamos em reta final de The Following e as coisas estão começando a esquentar novamente. Já estava mais do que na hora, não é verdade? Há vários episódios atrás, Joe encerrou sua primeira parte do plano, mas estamos até agora esperando o que acontecerá a seguir. O problema é que essa espera tem sido longa demais e, não só os espectadores estão ficando impacientes, mas os próprios seguidores. Até mesmo a Claire ficou em dúvida essa semana, porém, ninguém pode lhe responder a não ser o Joe. Para os episódios finais, espero que as revelações fiquem bombantes e o ritmo fique mais frenético.

E já que comecei falando sobre os planos futuros do Joe, nada melhor do que questionarmos o que ele realmente quer com tudo isso. Eu espero que ele tenha alguma reviravolta chocante guardada em sua manga, porque se seguir como está sendo, será muito decepcionante. Ele basicamente uniu sua família na tola esperança de poder estar com eles e está escrevendo o seu livro tranquilamente. Tenho medo que ele só tenha pensado nisso. Escrever seu livro e seguir com sua família, como se nada tivesse acontecido. Bem, eu o considero muito mais inteligente do que isso, então espero algo a altura do que vimos até agora. Só uma coisa é certa: Ele planeja a morte do Ryan ao final de sua jornada.

Joe deve mesmo amar a sua esposa. Depois de gastar vários dos seus seguidores em uma busca pela sua mulher, ele está dando tudo de si para poder recuperá-la. É claro que ele deve estar alucinando, porque ele é o mal encarnado, o que torna impossível uma reaproximação como ele deseja (bem, várias fãs que assistem a série iriam aceitá-lo). Porém, eu acredito que ele realmente ame sua esposa. Em uma cena tensa, ele tenta conversar com a Claire, mas ela está hostil e fala umas verdades envolvendo o seu livro antigo, o que deve ser o ponto fraco dele, considerando que ele perdeu o controle. Na verdade, ele QUASE perdeu o controle. Levantou a mão, mas não chegou a encostar na Claire.

E o que acontece com o Joe depois dele ter sido esnobado pela mulher? Vai correndo atrás da Emma, que é a puta oficial da casa. Fico triste em ver como o papel dela diminuiu. Agora ela é conhecida como uma vadia, bem diferente de quando ela estava envolvida em um triângulo amoroso com o Paul e o Jacob. Torço que ela morra da forma mais cruel possível, pelas mãos da Claire, o que seria mais do que digno. E eu não posso deixar de comentar o embate entre a Emma e a Claire. E se vocês pensaram que a assassina levaria a melhor, nunca subestimem o poder de uma mãe com raiva. Torço para que a Claire cumpra sua promessa e realmente a mate.

Já no núcleo FBI da série, Mike finalmente voltou, depois de ter sido espancado, humilhado e esfaqueado pelos seguidores do Carroll. Ele ainda está bem machucado, o que é ótimo, considerando que outras séries mostram seus personagens magicamente curados depois de algumas semanas. Mike voltou todo trabalhado na crueldade, mas acabou sendo pego pelo próprio Joe Carroll. Espero que o Mike volte a ser como antes, porque ele era um dos melhores personagens, não quero ver essa mudança. E nem preciso dizer que o confronto cara a cara do Joe e o Ryan foi muito bom. A série estava mesmo precisando desse momento.

Joe precisava saber das motivações do seu herói falho, mas nem sabe que ele também é um assassino. Matou o assassino do seu pai. Mais uma vez, os flashbacks se mostraram fundamentais e eficientes. Gostei dessa relação entre a Claire e o Roderick. Vejam bem, eu não estou insinuando nada entre eles, mas apreciei a conversa sincera que eles tiveram. E tenho certeza que o Roderick estava torcendo para a Claire acabar com a raça da Emma. Vocês viram o sorriso dele? Enfim, ele finalmente se apresentou aos serviços do FBI. E agora? Será que o Ryan irá reconhecê-lo do retrato falado? Roderick irá se rebelar contra o Joe? Jacob está mesmo disposto a matar tudo e todos? Vejamos nos próximos e últimos capítulos.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário