domingo, 21 de abril de 2013

[Crítica] Awkward. - 3x01: Cha-Cha-Cha-Changes (Season Premiere)

 
Previna-se. Use o cérebro.
 
Review:
(Spoilers Abaixo) 

É impressão minha ou a Summer Season chegou mais cedo esse ano? Além de muitas das minhas séries terem voltado cedo do Hiatus supremo, algumas delas também ganharam um número maior de episódios por temporada. Ultimamente tenho fugido de séries maiores pra me dedicar aquelas que sou realmente fã, mas se tratando de Awkward, tem como reclamar? Que venha cedo, que venha com o dobro de episódios e que venha sem hiatus, porque convenhamos, todos nós amamos muito tudo isso.

Antes de começar a falar do episódio, vamos fazer uma breve recapitulação sobre o que aconteceu na Season Finale da 2ª Temporada. Jenna escolheu Matty, como todos nós já esperávamos. Tamara começou a ficar com Jake, porque vocês sabem, os encalhados se atraem. Sadie flagrou Ricky ficando com o... Posso chamar de gay? É que eu acompanho umas vinte séries e não consigo lembrar o nome de todos, então é o jeito referir-me aos secundários de acordo com a sua personalidade. Mas sem preconceito, beleza? Tudo bem, vamos continuar. As únicas que faltam ser mencionadas são Ming e Lissa, que ainda não ganharam a notoriedade que eu implorei aos roteiristas, mas que agora têm uma temporada inteira de 20 episódios pra reverter a situação.

Agora sim podemos ir ao episódio. Como de costume, a MTV exibe o segundo episódio de suas séries um dia depois de exibir a premiere, uma ideia que mostrou ser bastante promissora, uma vez que a audiência não é prejudicada. O primeiro episódio se chama “Cha-Cha-Cha-Changes”. Sim, é o remix da mudança, que não soa como musica nos ouvidos de Jenna Hamilton. Depois de ter passado o verão inteiro se dedicando inteiramente ao namorado, ela percebeu que as coisas ao seu redor estavam mudando e que poderia até ser esquecida. Tamara havia passado o verão inteiro com Jake na Europa, Ming ficou na casa da avó incomunicável e a conselheira, que antes lhe perseguia, já havia arrumado uma nova garota dos sonhos.
Jacques, você é o par perfeito dela.
Acho que todos sabiam que isso iria acontecer. Ao final da segunda temporada Jenna havia se questionado a respeito do que queria e do que precisava, que poderiam ser coisas completamente diferentes. Ela estava com Matty, seu primeiro amor, mas quem disse que o sentimento por Jake havia desaparecido? Quem disse que o ensino médio tinha acabado? Quem disse que estar com quem ama trás felicidade? Pois é, ninguém. E ela acabou descobrindo isso da maneira difícil. Porque não existe tortura maior em saber que você teve o poder pra escolher com quem quis ficar e qual futuro queria ter, mas no final, deu tudo errado.

O que complicou mais a situação foi o alarme falso de que estava grávida e que o bebê poderia atrapalhar tanto sua vida quanto a de Matty. Ninguém merece ficar grávida aos 16 anos, né pessoal? Ainda mais quando você pode estar grávida de alguém que pode ser o que você quer, mas não o que você precisa. Aliás, a gravidez estava meio em alta no episódio. Até Sadie foi acusada de ter gerado um feto na adolescência, o que obviamente nos rendeu várias cenas engraçadíssimas com seus bordões engraçadíssimos. Só não gostei do final, quando revelou que não estava grávida e sim estressada pela família ter perdido todo o dinheiro. Se ela estivesse realmente grávida o drama seria bem maior, mas enfim, né pessoal? Quem sabe agora que ela passou de gordinha super rica só pra gordinha ela também faça algo de interessante.

Gostei bastante da interação entre mãe e filha que rolou no final e também do novo professor carrasco, aquele que desde já prometeu fazer a vida da Hamilton Destruidora de Lares um pouquinho mais difícil que o habitual. Temos também o novo personagem interpretado pelo Nolan Gerard Funk. Ele fez só uma ponta como colega de classe da Jenna, mas fala sério, quem acha que ele não vai atrapalhar o relacionamento dela com Matty precisa mesmo assistir mais séries de TV.

Quanto ao gancho deixado pro próximo episódio, é, confesso que por essa eu não esperava. Depois de ter sido tão mencionado, odiado, estuprado e inutilmente perdoado, Ricky Schwartz está morto. Sim, é horrível, é terrível, é verdade e talvez até um pouco constrangedor. Como essa morte vai afetar Jenna e seu círculo de amizade? Vamos saber daqui a pouco na próxima Review. Então fiquem por aí se quiserem ler alguns comentários divertidos sobre uma das minhas sitcons favoritas. Mas como não sou obrigado a fazer Reviews, só tenho uma coisa a dizer: You’re Welcome. E sim, é só uma brincadeira.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário