terça-feira, 12 de março de 2013

[Crítica] Grimm 2x13: Face Off

Apenas morto com a volta do hiato.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Vamos glorificar de pé, minha gente! Grimm voltou e BEM daquele jeito que a gente adora. A série é minha queridinha, todo mundo sabe, mas não tem como não admitir que Grimm realmente evoluiu muito desde seu piloto. Me sinto satisfeito em poder dizer que hoje em dia é de longe uma das melhores séries que estou assistindo. Até porque não estou assistindo muitas, porque na está fácil arranjar tempo. Admito que estava sentindo falta da série, estava ansioso pra ver como a série iria voltar e lógico, não poderia ter voltado melhor e ter me deixado mais satisfeito. Então, espero que todo mundo ainda esteja firme e forte pra continuar acompanhando essa loucurinha comigo, está valendo muito a pena. #ChupaNefferson

Sambadas na cara definiram esse episódio, parece que a série está prestes a entrar em uma nova fase, porque não vejo mais espaço pra tanto procedurais (que os roteiristas me ouçam) e agora eu quero ver é o circo pegar fogo. Por isso que eu digo que quando eles querem trabalhar, fazem um excelente trabalho. E olha que a promo já tinha entregado bastante tudo que aconteceria nesse episódio, mas não teve como não ficar chocado com algumas cenas. Por isso já vou fazer o do contra - pra variar - e começar pelo final...

O que raios a Adalind está tramando? Um bebê monstrinho, dúbio e bombado? Por isso que eu amo essa mulher, nossa loira fatal só aparece pra sambar na nossa cara, só espero que não sumam com ela por um tempo - como sempre fazem - quero ver de perto essa gravidez. Eu juro que tinha imaginado o óbvio quando ela transa com o Renard (na forma Wesen), que ela iria sugar os poderes dele ou algo assim. Quem diria que tudo era um plano pra engravidar. Amei o cliffhanger final com ela fazendo teste de gravidez como se tivesse 16 anos, a cara dela de apenas satisfeita foi demais. Só faltou fazer as vilãs da Disney e dar risada psicótica no final.


Não tem como negar que o Capitão foi a estrela desse episódio, o Sasha Roiz atua muito bem, o que dá ainda mais veracidade pro personagen e pras suas cenas dúbias. Ou melhor, suas ex-cenas dúbias, parece que finalmente o personagem saiu do armário e mostrou que está do lado do bem, ao menos foi o que eu achei. Ele faz parte de uma aliança contra as Famílias Reais e Satanistas. Gente, adorei e achei bem digno, já estava mais que na hora de darem algo mais substancial pro personagem. 

Falando nisso, O QUE FORAM AQUELAS CENAS ENTRE ELE E A JULIETTE? Que loucura, muita sambada na cara, não estava nem um pouco preparado para aquelas cenas de ódio/recalque/amor/sexo/sei lá que porra estava acontecendo. Elevaram "paixão fatal" pra um outro nível, definitivamente, mas o melhor foram as caras que a atriz da Juliette faz, tinha horas que não já não sabia se ela estava precisando tomar um Activia ou se estava se sentindo atraída sexualmente pelo Renard. Ainda bem que não enrolaram com muito drama desnecessário, depois que o Monroe explicou que ambos estavam enfeitiçados, o Nick aceitou até que bem e não ficou fazendo "mimimi", pelo menos nesse episódio ele não fez.

Óbvio que ainda vai rolar muitos atritos, socos, pancadarias e cenas dramo-violentas entre Nickuzinho - saudades de apelidar ele assim - e Renard, mas gostei de ver os dois abrindo uma trégua pra lidar com os inimigos em comum. Aliás, apenas aproveitando, cadê inimigos? Porque esse povo fica na Áustria e não faz nada de útil além de mandar uns mercenários meia boca que são derrotados com a mesma facilidade que minha mãe mataria uma barata...e isso porque ela morre de medo. Voltando ao assunto, o Nickuzinho está se tornando um verdadeiro protagonista, tenho gostado cada vez mais dela, está deixando de ser um completo mongo. Vamos apenas esperar pra ver se agora ele vai atrás das Chaves-Mapas que ainda faltam.

No mais gente, adorei esse episódio, curti bastante os flashbacks do Piloto e amando poder continuar escrevendo sobre a série pra vocês, fiz um ano de Meu Mundo Alternativo dia 20 de Janeiro, eu sei que já tem tempo, mas eu achei que nada mais justo do que comemorar meu ano de MMA, nas críticas da série que tudo começou, exatamente 25 reviews de Grimm depois.

Promo 2x14: Natural Born Wesen




Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
1 Comentários

Comentário(s)

1 comentários:

  1. Achei um episódio um tanto mediano. Talvez pelo GIGANTESCO hiato que fez eu esquecer o "estilo" da série. Slá, não consigo explicar...

    ResponderExcluir