sábado, 12 de janeiro de 2013

[EA] Noir (De Ismael Ferreira)

Chegamos a mais um final de semana, e a mais um de leitura dos textos que nossos leitores enviaram para participar do concurso. Vamos ao Noir do nosso leitor Ismael Ferreira e quem faz as honras é o João.



Ismael Da Silva Ferreira, tem 17 Anos e mora no Rio de Janeiro/RJ/Cidade Maravilhosa/Meu Sonho

João Lindley: O que lhe trouxe até aqui, no MMA?
- Inicialmente foi para ver as criticas das séries, mais depois comecei a me aprofundar mais no site e em seu conteúdo.

João Lindley: O que escrever significa pra você?
- Bom na minha opinião escrever é poder expressar seus pensamentos,seus gostos ou até mesmo sua opinião.

João Lindley: Avaliando os textos já publicados, você acha que pode se destacar?
- Eu não consegui ler todos mais pelos que eu já li acho que não kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

João Lindley: Você é bastante direto, gostei disso. Boa sorte ^^

Considerações do Autor: Pronto,valeu pela oportunidade de monstrar minha humilde história.


Sinopse: A história se passa no japão entre 1100 a 1867 tempo em que os grandes soldados aristocratas mais conhecidos como samurais ainda existiam e conta a vida de um garoto que nasceu num vilarejo pobre e humilde liderado por um governante que só si importava com os lucros junto aos seus pais,seu pai era um homem demoniaco que abusava sexualmente de sua esposa contra a vontade dela todos os dias,o garoto que não tinha nome odiava o pai por isso,depois de um ataque ao governante do vilarejo liderado pelo samurai Nobunaga Kishimoto que desejava a paz entre os povos os pais do garoto morreram,sua mãe se suicidou e num momento de raiva o garoto matou o pai,após isso maravilhado com a bravura do garoto que não tinha nome Nobunaga o adotou e lhe deu o nome de Noir na esperança do garoto se tornar um grande samurai e herdar suas ambições.

Noir (Capítulo 00: O Inferno da Família)
   Chovia lágrimas do rosto da jovem Marissa Nayami uma mulher de olhos azuis e pele branca e possuia além de beleza altos conhecimentos em literatura que foi banida de sua familia que era rica e usurfruia de grandes prazeres e tinha grande influencia na época,por ter engrávidado de um pobre homem que somente vendia pão e obtinha pouco dinheiro,seu nome era Morfeu que tinha cabelo curto enrolado de olhos pretos e moreno além disso possuia uma cicatriz no peito e na boxexa que era resultado dos maustratos que sofria pelos soldados do governate,eles se davam bem,mais a felicidade não durou muito porque após Morfeu descobrir que Marissa estava grávida ela percebeu uma leve mudança em seu comportamento,ele já não a tratava da mesma forma que tratava antes,quando ele sempre a chamava de amor,paixão,doçura,porém eles começaram a morar junto após ela ter sido banida de sua familia,ela se convenceu que Morfeu só estava passando por uma fase dificil e que estava em choque por causa da noticia de sua grávides.

  E então nasceu o garoto,sua Marissa estava feliz e quando ela iria dar um nome ao seu querido filho Morfeu aparece nervoso dizendo.-DEMONIO,DEMONIO é isso o que esse garoto é,eu deveria ser RICO!.Logo Marissa percebeu que Morfeu desde o inicio estava mesmo é preocupado em se tornar rico porém seus planos foram por água abaixo devido ao banimento de Marissa por causa de seu filho,Morfeu então proibiu Marissa de dar nome ao seu filho passando a chamar o garoto de somente demonio.

 Os anos passaram e o garoto agora tem 14 anos,é um jovem que não tem amigos porque Morfeu proibiu o garoto de conversar com as pessoas alegando que o lugar dele é no inferno por isso o garoto é mal tratado todos os dias,passando fome,apanhado porém o que mais machucava o garoto era quando a noite ele ouvia barulhos e gritos de sua mãe dizendo -de novo não...não! PARE! AHHHHH!,esses gritos impediam o garoto de dormir e o deixava pertubado,e isso só aumentava o ódio do garoto que nem ao menos sabia o que estavam sentido ele só tinha absoluta certeza que Morfeu era mal.

 O garoto e seus pais moravam isolados de um vilarejo que sofria com seu governante o Sr.Kyoshi,um homem maldoso que só se importava com os lucros e prazeres do dinheiro quee estava querendo mais dinheiro e por isso se juntou a um homem que até então era desconhecido que pretendia governar todos os territórios japoneses,e então Nobunaga Kishimoto que era um samurai muito famoso e um grande e poderoso senhor territorial que pretendia espalhar a paz pelo mundo,ao saber dos planos de Kyoshi ele parte junto com suas tropas para o vilarejo do garoto sem nome e ali derrota todos os soldados que serviam ao Sr.Kyoshi,e então Nobunaga chega a casa de Kyoshi que já estava a pegar fogo.

 Numa tentativa desesperada para fugir Kyoshi sacrifica a propria esposa tacando-a no fogo e enquanto Nobunaga tentava ajuda-la Kyoshi pega seu cavalo e foge,Nobunaga o percegue e eles chegam a um local isolado onde havia muitas rochas e tinha uma casa que pertencia ao garoto sem nome e seus pais,após assasinar o Sr.Kyoshi,Nobunaga se destrai vendo uma situação inusitada.

 Agora voltando um pouco mais na história quando o caus no vilarejo ainda estava no inicio,Marissa a mãe do garoto sem nome já estava decidida de que queria se matar,ela havia se cansado de sofrer pelas mãos de Morfeu e então ela pegou uma faca e quando estava prestes a se matar Morfeu aparece e a impede e diz - sua hora de morrer ainda não chegou,você ainda irá sofrer muito mas,e então Morfeu começa a torturar Marissa verbalmente e fisicamente e então o garoto sem nome cansado do pai o ataca seu pai se defende e consegue desarmar o filho que possuia uma faca e quando o pais estava para matar o filho,o garoto olha para sua mãe a quem era a única pessoa a qual ele realmente confiava e amava na vida e diz - me ajuda!,e ouve como resposta o som da morte,Marissa havia pego uma faca e enfiado na barriga e morreu na hora,Morfeu olha para o lado e no momento de distração o garoto sem nome o ataca com muito raiva e dizendo - FOI SUA CULPA!,SEU MONSTRO!,VOCÊ QUE È UM DEMONIO!,e nessa mesma hora Nobunaga havia matado Kyoshi e então olhou para o garoto e só viu ódio,o garoto atacava desesperadamente e então seu pai o tacou na parede ao lado da mãe e quando foi lhe dar o da morte Morfeu percebeu que o garoto pegou a faca que estava na barriga da mãe e colocou em seu peito,o garoto nem expressou nenhuma emoção,ele só disse - vai para o lugar da onde nunca deveria ter saido pai..... o inferno.

  Nobunaga facinado com o que acabou de ver pegou o menino que havia desmaiado após matar Morfeu e o levou para sua casa,o garoto acordou e aprencipio se assustou pois estava numa cama muito sofisticada e num quarto que obviamente era muito nobre ao lado de Nobunaga que estava ao lado da cama,e então Nobunaga contou ao garoto que queria ele como filho,o garoto não quis e só queria voltar para casa porém Nobunaga insistiu eo garoto acaba aceitando após Nobunaga dizer que pretendia lhe dar um nome coisa que era algo facinante para o garoto,Nobunaga então diz que quer que o garoto herde suas ambições e habilidades como samurai e lhe da o nome de Noir e então o garoto que agora se chama Noir começa a treinar todos os dias com seu novo pai Nobunaga,que já tem uma filha que se chama Arina Kishimoto que tem 14 anos eu uma mulher que se chama Taiyna Huyna e elas aprontão uma festa de boas vindas para Noir a familia,nessa festa onde foram só convidados pessoas proximas ao casal Nobunaga e Taiyna que eram pessoas de grande influência,e nesse amontoado de pessoas está o clã Cruz que tem uma filha que se chama Hana Cruz de 14 anos que Noir acaba conhecendo-a e se tornar logo de cara grandes amigos,Hana se comove com a tamanha inocência de Noir e Noir se impressiona com tamanha beleza de Hana porém é a ultima vez que eles si vem e Noir passa a se concentrar ao treinamento diário de seu novo pai e então se passa 5 anos e agora Noir tem 19 anos,quais aventurasdramas ou romances aguarda Noir agora?.

OBS: Não houve edição na postagem desse texto.



Nefferson: Sinceramente, este foi o pior texto de todos. Eu não consegui passar dos dois primeiros parágrafos. E só para não ser injusto, eu passei o corretor automático no texto - já que não o leria mesmo -, e mais da metade estava sublinhada de vermelho. Eu entendo que erros acontecem, mas acho que é muito vergonhoso o descaso do autor. Temos erros em demasia e falta de pontuação. É raro ter uma vírgula ou ponto, e quando tem, estão mal colocados. Enfim, foi realmente uma tragédia. Não deu nem para se divertir, como nos textos do Renan Pacheco, o que é uma pena, pois você abordou um tema curioso e diferente do habitual. Definitivamente NÃO.

Luiz: Querido, cadê as vírgulas do seu conto? Tentei terminar de ler tudo, mas sinceramente não consegui. O texto contem erros dos mais diversos, desde falta de vírgulas à narrativa. Hoje é NÃO.

Ricardo: Desculpa, mas não tem como levar adiante uma pessoa que comete erros GRITANTES logo na sinopse. Falta de acentuação, falta de coerência, falta de acentos sem falar nos erros de português. E tudo isso se estende da sinopse e pela história toda. É melhor você voltar pra aulas de língua portuguesa antes que a polícia te prenda por homicídio qualificado...do português. Pra mim é NÃO.

João: Você não pode assassinar a língua portugesa desse jeito, meu amigo. Eu não faço ideia do que acabei de ler, e acho que nem quero saber, porque não estou afim de ser testemunha ocular desse homicídio.  Aconselho você a fazer um curso de redação e exercitar a leitura, pois acho que é exatamente do que você precisa. Hoje meu voto é NÃO.

Mateus: Isma, querido, você recebeu 4 Não's, então está fora da competição. Se eu fosse você seguiria os conselhos dos jurados, pois isso pode te ajudar no futuro se você quiser ser um bom escritor.

E agora tá na mão de vocês, concordam ou não com a opinião dos jurados? É só comentar aqui embaixo, bebê!

E só pra avisar, a votação para a permanência do participante Gustavo Aguiar está encerrada. Ele recebeu quatro votos positivos dos leitores através dos comentários, então, está na próxima fase. Parabéns Guh!

Um bom sábado pra nós e um Super Bêj.

Opinião de Hatori-Hanzoney Spears:
Passa a espada, J-E-O-V-Á












                 
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
4 Comentários

Comentário(s)

4 comentários:

  1. Pra mim esse texto foi tão ruim que eu não parava de rir. Tudo acontece muito rápido, os erros são vários, e não há nenhum personagem interessante. Eu só li todo porque o texto era curto *-*. Perda de Tempo --'

    ResponderExcluir
  2. Credo usurfruia, boxexa, pelamordedeos

    ResponderExcluir
  3. Meu Deus, que texto foi esse ? Que desgraça kkkkkk

    ResponderExcluir
  4. Gostei da história,mas concordo 100 % com os jurados,a cada erro ortográfico eu soltava uma gargalhada só Jesus salva este individuo rsrs

    ResponderExcluir