sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

[Crítica] Don't Trust the B---- in Apartment 23 - 2x07/08: A Weekend in the Hamptons/Paris


A queda e a ascensão.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Uma das séries que mais tem sofrido com a minha programação atrasada é justamente Don't Trust the B---- in Apartment 23. Pela segunda semana seguida, lhes apresento uma review dupla e espero muito que a partir daqui os meus problemas com a falta de tempo sejam resolvidos. Aliás, temos que aproveitar bastante enquanto a série está sendo exibida, uma vez que o cancelamento é mais do que certo. Como vocês mesmo apontaram nos comentários, todos os episódios só serão exibidos porque a série veretana. Por isso preparem os seus corações e tirem toda a esperança dele, porque esta série já está morta. Pelo menos iremos acompanhar as últimas aventuras da Chloe.

Este sétimo episódio foi simplesmente um dos mais fracos de toda a série, que já vinha apresentando episódios regulares nas últimas semanas. A questão é que este foi disparado um dos mais entediantes. Simplesmente não há limites para a quantidade de bizarrice, e desta vez inventaram um casamento para a Chloe, que definitivamente nunca mais será explorado. Eu gosto quando somos surpreendidos por uma onda criativa do roteiro, mas desta vez não funcionou. O episódio só se salvou devido a algumas cenas memoráveis e criativas. E mesmo estando em baixa, é muito melhor que muita comédia de muita audiência por aí. Enfim, apenas calado.

Dentre os acontecimentos importantes, Chloe percebeu que é apenas uma garota de festas e não tem mais nenhum propósito na vida. Preciso dizer que este plot é simplesmente inútil? Estava esperando por alguma loucura dela ou algum plano louco, mas o máximo que tivemos foi ela tende sexo selvagem com uma celebridade no matinho. Confesso que esta cena foi engraçada, justamente porque a June pensou que ela estava chorando. Mark terminou com a sua namorada e June arrumou um emprego digno, finalmente. É irônico que muitas coisas tenham acontecido neste episódio, que é justamente o pior da série. Também tivemos o retorno da japonesa stalker da primeira temporada. Além disso, só gostaria de dizer que a ex-festeira-atual-mamãe devia ter sido melhor explorada. Muitas piadas podiam ter surgido.

Agora entrando de cabeça na trama do episódio desta semana, o oitavo, devo dizer que a série voltou a sua velha forma, nos apresentando um episódio engraçado que nos surpreende com suas resoluções malucas. Porém, continuo sentindo falta da bitch do 23. Pensei que ela seria uma peça determinante neste episódio, afinal, vingança é simplesmente o seu terreno de ataque, mas ela se resumiu a fazer amizade com o inimigo. E eu pensei que teríamos algum plot no final do episódio, mas tudo encerrou de uma forma aleatória, o que não foi legal. Quero um pouco mais da Chloe da primeira temporada.

Quem brilhou esta semana foi a June. Tudo bem que na primeira metade do episódio ela se comportou como ela doida irritantemente alegre, mas quando ela decide partir para a vingança, as coisas simplesmente esquentam. E eu pensei que teríamos uma boa de uma briga, apoiada pela sua amiga vadia e traiçoeira, mas tudo aconteceu de uma inesperada. Primeiro que a June teve que se livrar dos seus problemas sozinha. E nada que esfaquear alguém pelas costas no meio de uma conferência não resolva. Eu morri de rir nesta cena, de tão inesperado que foi. Igual quando a Chloe empurrou o seu pai na rua, fazendo-o ser atropelado. De qualquer maneira, foi o fim dos problemas de trabalho da June.

Em paralelo a toda esta trama de Nêmeses e esfaqueamento, temos a aproximação do Mark e James. Sempre achei o Mark um inútil e não gostaria de vê-lo junto da June, porém, não posso ficar apenas reclamando, já que é praticamente um fato. Foi engraçado ver os dois atuando um com o outro, com o James interpretando de forma dramática a June. Só achei que voltou mais cenas de vergonha alheia. Tudo bem que tudo foi compensado por aquele momento em que eles ficam juntinhos de cueca, mas poderia ter rolado algo bem pior, considerando as loucuras da série. Enfim, nos vemos na próxima semana, bitches!
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário