segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

[Crítica] Switched at Birth - 1x30: Street Noise Invaded the House (Season Finale)

Ainda não é o fim, só o início de grandes dramas.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Finalmente! Não, não é o finalmente de felicidade, mas quase uma aleluia por eu finalmente assistir e fazer o review da season finale de SaB. Depois de logos e emocionantes trinta e um episódios, eu fiquei me perguntando como que chegaríamos ao fim da primeira temporada da série. E, devo dizer, terminou do jeito que eu gosto. Com a maioria dos problemas resolvidos, e outros a caminho. Então, todo mundo me seguindo, e em silêncio, por que esse review começa no tribunal.

Essa história do julgamento é algo que vem se arrastando desde o início da temporada e fiquei feliz de finalmente chegar ao fim. Chamada ao banco das testemunhas pelo hospital, Kathryn ficou surpresa, e eu também, apesar de já imaginar qual seria a estratégia do hospital. Como eu pensei, eles focaram no por que do processo já que, segundo o livro escrito por ela, a troca trouxe várias bênçãos. Tudo bem, ela perdeu dezesseis anos com a filha Daphne, mas se não fosse a troca, ela queria não ter sido mãe da Bay? Tocou no âmago da questão, já que em casa as coisas não estavam nada bem com a filha.

Depois da discussão com os pais, Bay foi morar com a v1d4 l0k4 Zarra e descobriu que a vida independente não é tão fácil. Principalmente quando se mora clandestinamente em trailers e toda a equipe da Sexta-feira 13 quer sua pele. Estava na cara que toda essa revolta, ida repentina ao México e todas as atitudes dela não passavam de um grito desesperado para ser ouvida e para os pais perceberem que ser artista é parte de quem ela é. Foi preciso que o Emmett tivesse uma conversa com o John para ele perceber isso, ir até a filha e por fim fazer as pazes. Bay nunca foi minha personagem preferida e sempre fui bem crítico em relação a ela. Mas nesse episódio ela conseguiu um pouco da minha compaixão, a reconciliação com o pai foi deveras emocionante. E parece que finalmente a Zarra-fura-olho sumiu para sempre.


Outro que parece ter saído da série é o Jeff. Depois da Daphne se demitir para não prejudicá-lo e poder ficar junto dele, ele pôs fim a qualquer chance de relação entre os dois quebrando mais uma vez o coração da Daphne. É aí que eu me pergunto: quando vão colocar alguém bacana no caminho dela? Até agora ela só conseguiu ser feliz por um tempo no amor, está na hora disso mudar. Mas as coisas não ficaram por isso mesmo. Possuído pelo espírito do pai protetor, Angelo foi até o restaurante e deu um sacode no Jeff. Adorei a valentia e voracidade com que ele disse para ficar longe da filha dele.

Enquanto todos esses pontos se resolviam, o julgamento finalmente chegou ao fim e novos ganchos para a próxima temporada foram lançados. Apesar da tentativa do hospital, o júri decidiu a favor da Kathryn e do Angelo. Para os Kannish, determinou-se a indenização de um dólar. Isso mesmo, UM dólar. Achei válido, até por que o julgamento, ao menos para eles, não foi pelo dinheiro. Já para o Angelo, a indenização foi de nada mais, nada menos que 4 MILHÕES de dólares. Agora sim ele pode chegar na cara da velha azeda, mãe da Regina e gritar: EU SOU RYCA RYCO.

Até aí tudo bem, o que ninguém esperava era uma mulher grávida chegar ao tribunal procurando por ele. Chama o Ratinho pra fazer o DNA Angelo. Quando finalmente o destino parece conspirar a favor dele e da Regina aparece essa. Como ficarão as coisas entre esse casal? Bay finalmente deixará de ser rebelde sem causa para ser a filha modelo? Ela e Emmett voltarão? Daphne encontrará alguém pra ela? E os outros personagens, que dramas ainda aparecerão? É só esperar a próxima temporada com todas as respostas. Até lá eu prometo me organizar e ser mais pontual nas reviews.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
1 Comentários

Comentário(s)

1 comentários:

  1. Por que ''após 31 episódios'', a temporada só tem 30?

    P.S. Quando haverá a crítica da nova temporada?

    ResponderExcluir