sábado, 1 de dezembro de 2012

[Crítica] Supernatural - 8x08: Hunteri Heroici

That’s all, folks!

Review:
(Spoilers Abaixo)

Oito anos de estrada e Supernatural ainda consegue me surpreender. Muitas vezes não de maneira positiva, é claro, mas isso não tira o mérito desses excelentes roteiristas. Do mesmo jeito que podem estragar uma boa ideia e deixar os fãs desapontados – como já fizeram várias vezes -, eles também conseguem transformar uma ideia absurda num roteiro genial. Foi exatamente o que aconteceu essa semana. Supernatural nos tirou dos estúdios da CW e nos levou diretamente ao mundo dos desenhos animados, com mais uma boa dose de humor negro, e agora, com Cas ocupando o banco de trás.

Tudo começa quando inexplicavelmente o coração de um homem voa a três metros de seu corpo enquanto estava em um encontro. Certos de que a esposa o havia enfeitiçado por ter descoberto sua traição, Sam, Dean e Cas pensam ter desvendado o mistério, até que mais mortes começam a acontecer, e todas como se tivessem sido tiradas de um desenho animado. Agora lhes pergunto, havia chances de que esse roteiro insano pudesse dar certo? Eu sei, nenhuma. Mas por incrível que pareça, toda essa loucura acabou nos rendendo mais um ótimo episódio pra essa oitava temporada. E mesmo assim, pra quem já enfrentou um ursinho de pelúcia com depressão (Season 4) e gostou, ver as gags de desenhos animados se tornando realidade não deve ter sido nenhuma tortura.

Bem, eu sei que pra mim não foi. Mas também sei que a série já conseguiu fazer paródias muitos melhores. Lembro dos episódios em que o anjo Gabriel fazia os Winchesters passarem por situações ridículas, como estrelar programas de TV, e até agora não vi nenhum Hunter reclamar deste episódio. Mas com o tempo, as paródias também foram enfraquecendo, e agora não passam de situações bizarras que ridicularizam dois grandes caçadores. Então, o único jeito de tirar algum proveito dessas novas paródias é simplesmente não levá-las a sério. Se você esperar mais que quarenta minutos de diversão, Hunteri Heroic com certeza vai decepcioná-lo.

Mas enfim, vamos ao caso da semana. Não houve nada de tão extraordinário, ou uma reviravolta cretina, como eu esperava. Mas o desfecho acabou por ser interessante. As pessoas estavam morrendo como desenhos animados por causa do Senhor Jones, um velho conhecido de John Winchester que tinha poderes psicocinéticos e vivia num asilo. Como a idade já estava avançada, ele perdeu o controle de seus poderes e acabou fazendo tudo ao seu redor virar um desenho animado, uma vez que assisti-los era a única coisa que fazia. E como já não podia mais responder por si mesmo, ele foi usado pelo homem que administrava seu asilo para roubar bancos usando a famosa “Passagem do buraco negro”, bastante comum em desenhos animados.
Ou seja, além de termos ido pro mundo dos desenhos animados, parece que também demos uma passada por Fringe. Que aliás, é a única série que ganha Supernatural no quesito bizarrice. Parece que foi escrita depois que seus roteiristas fumaram uma droga pesada, e acho que eles estão dividindo a santa erva com os produtores de Supernatural. A cena que prova isso é quando Cas e Sam entram na mente do velhote pra convencê-lo a voltar a realidade, do mesmo jeito que Fringe é acostumada a fazer. Infelizmente a qualidade não chegou nem perto de Fringe, e acabou sendo uma das cenas mais ridículas da série inteira.

O que compensou esse erro grotesco foi a batalha final, do Dean contra o vilão-do-asilo-que-ninguém-vai-lembrar-o-nome. Foi bem criativa, apesar de infantil, e terminou com Dean falando a célebre frase do final dos desenhos: “E Isso é Tudo, Pessoal!”. Hahaha! Nem sei porque eu ri disso, foi a coisa mais idiota do mundo, mas eu simplesmente adorei. Uma grande pena que depois disso o episódio tenha terminado com Cas se despedindo e ficando ao lado do vovô no asilo pra pagar penitência por tudo que fez. Foi um final muito WTF, até mesmo pra um episódio WTF, viu... Provavelmente Cas não vai aparecer nos próximos episódios, mas valeu a pena vê-lo do lado dos Winchester tentando ser um caçador humano. Espero que ele volte o mais rápido possível, porque ele definitivamente é a terceira roda de Sam e Dean.

Também tivemos alguns flashbacks do Sam e sua vidinha perfeita ao lado da veterinária, e adivinhem? Eu gostei disso também. Finalmente esses flashbacks começaram a ficar interessantes e nos apresentaram algo com potencial. Além do sogrinho do Sam ter feito ele comer o pão que o diabo amassou num jantar da família, ainda descobrimos que o ex da garota, que diziam ter morrido em combate, na verdade está vivo(!!). Tipo, oi? Isso é que é sambar na cara do telespectador. E eu acho que vão fazer um carnaval semana que vem, porque é a Mid-Season Finale, e de acordo com a regra, vem chumbo grosso por aí.

Promo 8x09 "Citizen Fang (Mid-Season Finale)" Legendado
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
1 Comentários

Comentário(s)

1 comentários:

  1. Gostei de conhecer seu mundo alternativo. Concordo com a crítica. Esses episódios estão nosense mesmo. Saudades do tempo que supernatural era um seriado de terror sério.

    ResponderExcluir