quinta-feira, 18 de outubro de 2012

[Crítica] 90210 - 5x02: The Sea Change

Ok, eu ainda não bebi o suficiente pra isso.

Review:
(Alerta de Review maior que a lista de peguetes de Erin Silver *com Spoilers*)

Já posso começar a fazer meu discurso de arrependimento ou é tarde demais? Bom, eu sei que falar mal de uma série num dia e no outro gostar é meio bipolar, mas acho que dessa vez eu não tenho culpa. Como eu iria imaginar que depois de um episódio de estreia beirando a mediocridade 90210 iria conseguir me deixar de boca aberta? Pois é, acho que estou pagando minha língua, porque as coisas já começaram a pegar FOGO.

Isso só prova que o nível de uma série só cai se ela quiser. Acho que algo parecido está acontecendo com Supernatural, que como todos sabem, é vizinha da série em questão. Ainda não nos recuperamos dos dois anos que passamos na merda, mas as coisas já estão caminhando pro lado digno da força. Ao contrário de 90210, que praticamente já mudou todas as minhas perspectivas.

Enfim, vamos ao que interessa? Se eu bem me lembro, o episódio passado terminou deixando plots vergonhosos, sendo o mais fraco de todos eles o drama de Dixon quanto a ser o novo inválido do pedaço. Sei que não é novidade pra ninguém que eu acho o personagem insuportável, mas é incrível a quantidade de motivos que ele dá toda semana pro público odiá-lo. Ainda não sei o que ele faz na série, e acho que nem os roteiristas sabem, porque o show de apelações já começou.

Pra vocês terem uma ideia, a parte mais legal da sua trama foi ver um cadeirante humilhando a Annie por ela estar mimando demais seu irmãozinho acidentado. Até que enfim apareceu alguém pra colocá-la no seu lugar. Tanta bondade já está enjoando, mesmo que fosse exatamente o que qualquer ser humano faria em seu lugar. Ajudar o irmão que sofreu o acidente de uma forma exagerada era apenas seu jeito de dizer que sem ele ela não vive. O único problema é que ela estava lidando com alguém "diferente". E a pior coisa em lidar com pessoas “diferentes” é que elas só querem e exigem ser tratadas como pessoas normais. Isso até gerou uma briga entre eles dois, que no final terminou em pizza. Se querem mesmo fazer toda essa história emplacar, acho que vão precisar se esforçar mais.

Talvez o que salve tudo isso de ser mesmo um tremendo fiasco seja o triângulo que se formou entre ele, Ade e o novo cara que parece uma versão mais avantajada do Shane West. Cara, torço muito pra que algo aconteça a respeito disso. Sempre achei que a Ade precisava de uma luz no fim do túnel pra finalmente ficar com alguém legal e sabe, seguir em frente. Isso aconteceu em Vegas e agora pode acontecer de novo. Afinal, por quanto tempo ela irá conseguir resistir ao charme de seu ex empregador? Aposto que menos tempo do que Shenae Grimes levaria pra aprender a atuar.

Pra vocês que se perguntam porque meu humor é tão ácido, não se preocupem, tenho uma boa justificativa pra isso. Só estou descontando minha frustração por estar vendo a série cometer os mesmos erros over and over again. Os fãs de 90210 não são lixos, viu? Precisamos que vocês, produtores, atores e roteiristas levem seu trabalho a sério e se esforcem mais. Porque isso já nem é mais uma questão de opinião. Deve ter gente que gosta do Dixon, e acha a Annie ótima, mas do que adianta se nada muda? Eles não são uma Naomi ou interessantes o suficiente pra que façam a diferença. Apesar de falar bastante isso, eu realmente não quero que eles saiam da série. Só quero ser surpreendido, sabe? Ficar com a cara na poeira, vê-los crescer,  evoluir e dessa maneira, ganhar o público. Pois de acordo com as outras reviews que eu li, eles não  são do tipo que têm muitos fãs.

E graças a meu bom Deus que a série não se resume somente a eles. Os outros personagens também ficaram bastante ocupadinhos com seus próprios problemas, que por acaso, tiveram seu desenvolvimento na festa de Naomi. Afinal, tudo pra Senhora Clark – Mulher casada, mais respeito, por favor – tem que terminar com DJ soltando o som na caixa e todo mundo balançando o esqueleto. Comprou um vestido novo? Bora fazer uma festa pra comemorar. Seu priminho distante arrancou um dente? Opa, chama o DJ que hoje tem distribuição de Tequila. Só que dessa vez eu até entendi a situação. Max estava tentando fazer negócio com dois caras importantes e nada melhor do que fazer uma festa pra mostrar a relação estável que eles têm. Porque de alguma forma, abandonar a noiva no altar fez a venda de suas ações caírem.

Foi nessa festa de Estabilidade Conjugal que Silver percebeu ser a maior forever alone do elenco inteiro da CW (Talvez até dos coadjuvantes). Acho que foi o momento em que ela mais brilhou desde seu surto de bipolaridade na terceira temporada. Foi bombardeada pelos ex a torto e a direita e precisou beber um pouquinho pra esquecer que todos estavam seguindo em frente, menos ela. É esse o preço que temos que pagar quando fazemos rodízio com o elenco inteiro, né coração? Já tava até demorando pra ela se sentir um lixo porque pegou todo mundo que tinha cromossomos XY e agora vai ter que realizar seus sonhos graças a um amigo gay. Navid e suas prostitutas, Liam e a loira louca, e até sobrou espaço pra se questionar se Teddy realmente a amava enquanto namoravam ou se tudo era para não admitir que ele era gay. Quem não sentiu pena, gente? Ah, fala sério, Silver é a personagem mais fofa ever, apesar dos ataques de chatice que todo ser humano tem.

E claro, eu não poderia terminar esta review GIGANTE – É que hoje eu to empolgado rs’ – sem falar da trama mais WTF de todas. Liam e a Ex Empreguete Vanessa. E não é que saiu algo de bom no meio de toda essa história psicopata? Já tava quase pesquisando sobre a árvore genealógica dela pra saber se a moça tinha parentesco com o Hannibal Lecter. Porque né... Nem em novela mexicana alguém chantageia uma pessoa pra ficar com ela, é doentio Só não esperava que depois de uma briguinha qualquer a oxigenada despencasse da varanda no maior estilo O Corpo que Cai. Pra mim só isso valeu o episódio inteiro, apesar  de achar que tudo estava caminhando muito bem antes disso.

Provavelmente a jacaroa deve ta lá no covil dela planejando sua próxima vingança toda montada na zumbificação. Porque se ela não conseguiu aceitar numa boa o final de um relacionamento, como vai aceitar essa quase tentativa de homicídio? Aliás, como foi que ela sobreviveu a queda e saiu correndo sem o Liam ver depois daquele banho de mar? Isso eu não sei, só sei que as coisas não vão ficar desse jeito. Na verdade, estou contando com isso.

Promo 5x03 "It's All Fun and Games"
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
1 Comentários

Comentário(s)

1 comentários:

  1. ACABOU DE VAZAR O EPISÓDIO PILOTO DA SÉRIE AMERICAN HORROR STORY: ASYLUM, ANCIOSO PELA SUA CRÍTICA!

    ResponderExcluir