sexta-feira, 20 de julho de 2012

[Crítica] O Apanhador de Sonhos


Direção: Lawrence Kasdan
Ano: 2003
País: EUA
Duração: 136 minutos
Título original: Dreamcatcher

Crítica:

O mal passa através dele.

Finalmente chegamos a última parte do nosso Especial do Outro Mundo, e não dava para encerrar de uma forma melhor do que com uma adaptação Stephen King. Comecei do pior para o melhor, para ter um motivo e força maior para terminar rapidamente as críticas. Na sequência, tivemos Supernova, Sob o Domínio dos Aliens e Invasores. E agora vocês terão a oportunidade de me acompanhar nesta última jornada, fechando com chave de ouro estas críticas de outro mundo, mas que o Meu Mundo Alternativo curte demais.

A história desse filme gira em torno de quatro amigos que, na infância, protegeram um garoto especial indefeso, que estava sendo vítima de dois valentões da escola. Depois de vários anos, os quatro amigos se reúnem em uma cabana isolada na floresta, mas o que parecia ser um momento de diversão, se torna uma jornada assustadora que poderá comprometer a sobrevivência não só deles, mas como de toda a humanidade. Agora, eles terão que se unir contra um mal que não é deste mundo e tudo pode estar relacionado com o menino que eles ajudaram anos atrás, que lhes deu dons especiais.

Vocês percebem que não há algo muito "extraordinário" na sinopse, né? Muitos dizem que não há como inovar em filmes que começam com "amigos numa cabana isolada na floresta", mas O Apanhador de Sonhos simplesmente está aí para calar a boca de todo mundo. Este é um filme muito especial e o considero umas das melhores adaptações de King. Além da trama sensacional, o diretor faz um excelente trabalho, assim como a adaptação do roteiro, que montou o filme de um jeito inteligente e diferente do senso comum. A trama vai sendo liberada aos poucos, de modo que não saibamos o que está acontecendo até o final, onde somos surpreendidos, mais uma vez.

O elenco é quase que completamente formado por rostos conhecidos, incluindo Damian Lewis (Sua Alteza?), Jason Lee (Alvin e os Esquilos), Thomas Jane (Do Fundo do Mar), Timothy Olyphant (Eu Sou o Número Quatro), Morgan Freeman (Seven - Os Sete Crimes Capitais) e o sensacional, Donnie Wahlberg (Gritos Mortais). Este último nome é o grande destaque. Ele é extremamente carismático e convincente no papel, deu um verdadeiro show de interpretação. E, acredite, o resto do elenco não ficou para trás. Aliás, este filme tem um forte senso de amizade. Amigos que protegem a si mesmos e o menino que estava sendo maltratado. Foi muito legal ver essa união desses cinco personagens, como algo verdadeiro. Esse é um dos grandes diferenciais do filme.

É claro que temos bastante gore e muitas mortes, afinal, não é só de ficção que o filme sobrevive. Temos a parte do "terror" também, é claro. Algumas cenas são nojentas por natureza. O jeito que os alienígenas saem do corpo humano é muito, muito nojento. Tudo bem que a câmera evita mostrar, mas, só de imaginar, é terrível. A história também não poupa os seus personagens. Uma das coisas que eu mais gostei, foi como a história trabalha dentro da cabeça de um determinado personagem. E eu estou dizendo literalmente dentro de sua cabeça.

São todas essas qualidades e esta trama interessante que fazem de O Apanhador de Sonhos, um filme único, que merece ser assistido. Está mais do que recomendado, apesar de que, provavelmente, a maioria de vocês já assistiu. Aos que ainda não viram, estão esperando o que para assistir? Estou falando sério, gente! Vale muito a pena. Além disso, o filme tem mais de 2h de duração, mas acontecem tantas coisas, que quase não dá para sentir. PS: A fotografia do filme e o ambiente, cercado por gelo, é outro mérito do filme. Simplesmente maravilhoso! AMO/SOU.

Trailer:

Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
4 Comentários

Comentário(s)

4 comentários:

  1. Sempre tive curiosidade para assistir esse filme mas estava na dúvida. Depois de ler a sua crítica não tenho mais dúvida quanto a assistir este filme que deve ser ótimo.
    Obrigado por postar a crítica!!

    ResponderExcluir
  2. A cena do banheiro é bem nojenta.

    ResponderExcluir
  3. Não sei porquê, mas, não gosto desses filmes relacionados a ET's (?), quando li a sinopse, nem fazia idéia do que era e, do início, até a parte do banheiro (quando aparece aquele alien*) (?), eu achei o filme muito bom e interessante, porém, depois não consegui ver 'graça' na sequência.
    Terminei de assistir somente por não ter mais nada passando no mesmo horário, e, não assistiria de novo. Achei um filme Ruim/regular.

    ResponderExcluir
  4. Curti muito a sua crítica. Acho que um filme deste gênero que é indispensável nessa lista é O Enigma de Outro Mundo (The Thing) de 1982 dirigido por John Carpenter. Simplesmente fantástico você estar isolado durante o inverno da Antártida e não poder confiar em ninguém ao seu redor.

    ResponderExcluir