quinta-feira, 14 de junho de 2012

[Crítica] The Glee Project - 2x01: Indivituality (Season Premiere)



“Já posso eliminar os dois?”

Review:
(Spoilers Abaixo)

Quem foi o gênio que botou Titio Ryan no poder? Ainda mais em um ~Reality~ Show? Na temporada passada ele mandou as regras – que ele mesmo criou (oi?) – pra puta que pariu pro raio que as parta. No pre-air ele chutou o balde, só pra não perder o costume, e quebrou mais uma regra. E agora no primeiro episódio oficial da temporada ele já quer eliminar dois participantes de uma vez. Ele consegue ser pior e mais bipolar que o Boninho.

Gente, sério, como que ele elimina o Max no primeiro episódio? O que esse cara tem na cabeça? E sabe o que é o pior dessa eliminação? Max estava com o Tyler no bottom 3, a atitude da Nikki não foi nem um pouco exagerada – ela quase botou o ovo teve o bebê quando Ryan insinuou que iria eliminar Tyler e Max – achei uma estupidez sem tamanho o primeiro eliminado ser um dos mais talentosos.

Como eu já falei Tyler, a cadeirante e o cego/negro, estão ali simplesmente pra cumprir cota. Tirando o cego, Mario (?), os outros dois não são cantores excelentes para estarem ali. A voz de ambos é fina e chata. Achei muito bom o Ryan ter sido MUITO sincero, e falado aquelas coisas todas pro Tyler. Foi bom o garoto (?) ter um choque de realidade. Pra mim, os dois podiam sim ter sido eliminados, ambos não fariam falta pra mim.

Ainda não estou torcendo pra ninguém, mas alguns participantes me chamaram bastante atenção no episódio, principalmente a Shanna, o Charlie, a gordinha, Lily (?) e o nerdizinho que me lembra muito o Cameron, ainda não tivemos um nerd na série.

Eu não tinha prestado atenção em Shanna – e só eu acho que ela parece muito a Adalind de Grimm? - no pre-air. Mas nesse episódio, ela não só ganhou a Homework, como também recebeu destaque na apresentação do grupo. Gente, agora me expliquem como ela conseguiu perguntar qualquer coisa pra Lea Michele? O máximo que eu conseguiria era falar uma coisa bem idiota, talvez uma cantada péssima, e ficar com cara de idiota esperando que ela estivesse usando algum decote.

Charlie e Lily chamaram minha atenção pelos mesmos motivos, ambos tem uma determinação, sem falar na liderança nata. Senão fosse pelos dois, a Homework não teria sido o que foi. Sem falar que ambos cantam bem, são carismáticos. Concordei com o que a Lea falou, a Lily não chama atenção por ser gorda, e sim por um outro motivo, sendo a beleza ou não. O nerd, me chamou a atenção simplesmente por ser quem é, acho engrçado o jeito dele de “O que eu estou fazendo aqui? Eu sou um nerd da matemática!”

Agora vamos falar do clipe final do grupo? Gostei bastante, mas ainda tá faltando alguma coisa, acho que tem muita gente e ainda não tá dando pra ninguém ter um destaque maior – tirando o(a) ganhador(a) da homework, no caso, Shanna – em compensação, achei que o clipe de Here I Go Again (que você confere clicando aqui) ficou bem melhor que o de The Edge Of Glory, por isso dei nota: 8,0. 

Como diria o Mateuz, "a loucura começou"...Vocês já tem seus favoritos? Quais suas apostas de quem será "o único ganhador"(tá bom que eu acredito que vai ser só um)?
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
5 Comentários

Comentário(s)

5 comentários:

  1. O Max é horrível com uma cara de doente menta e lerdo. Mereceu isso do titia Ryan Murphy

    ResponderExcluir
  2. como é q tira o max logo no primeiro episódio??
    eu, ein...

    R_

    ResponderExcluir
  3. Eu também não gostei da primeira eliminação.
    Eu estou torcendo muitooo para a Dani Shay, ela sim é muito talentosa!!

    ResponderExcluir
  4. Só eu q torço pelo Michael ??

    ResponderExcluir