sábado, 23 de junho de 2012

[Crítica] Baby Daddy - 1x01: Pilot (Series Premiere)

Na falta de sabedoria, use fita isolante.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Hey você, que está sem ter o que fazer porque as séries que você acompanha entraram em hiatus. Acabou de estrear a nova sitcon da ABC chamada Baby Daddy que usaremos pra preencher a lacuna que as séries épicas da Fall Season deixaram. Mas calma, a série não é uma Severina da vida, quebrar galho até The Lying Game faz né? O piloto foi mediano e nos mostrou mais um enredo, e eu realmente acho que as coisas podem melhorar daqui pra frente. Então, só continue se você não estiver querendo uma 2 Broke Girls da vida.

Na história acompanhamos Ben, rapaz de 20 anos de idade, solteiro, que ganha a vida como bartender e divide o apartamento com o irmão Bobby junto do amigo Tucker. Um dia Ben encontra um bebê deixado em sua porta pela ex namorada e decide cuidar dele com a ajuda das pessoas ao redor, tentando fazer com que sua inexperiência não estrague tudo para a criança.

A história é bem bestinha, eu sei, temos Raising Hope como capitã das séries sobre criar bebês e não é nenhuma novidade. Mas a série tem seu charme, e me roubou algumas risadas. Não tanto como eu esperava, vamos ser sinceros. Porque tem aquelas sticons que a gente precisa pausar pra poder respirar, cospe a comida que tem na boca, posta no Facebook a frase com um monte de KKKKKKKKKKKKK eike loucura. Mas nada que não possa melhorar daqui pra frente.

Os personagens não são tão engraçados, e nem de longe nos fazem rir com suas expressões faciais. O único problema é que eles têm carisma, e logo no começo dá pra gostar de todos eles. Minha preferida já é a loira que antes era gorda e agora está gostosa e gosta do protagonista e nunca vai dizer isso pra ele e vai sofrer por amor e todos apaixonados vão se identificar. Uma personagem que todos vão torcer pra se dar bem, sem duvidas, e com certeza vai precisar morar com os outros três pra ter mais participação. Precisamos da Riley, roteiristas, por favor.

Desde já as tramas também já foram formadas, é claro, dá pra ter uma noção do que vem pela frente. A paixonite que Bobby tem pela garota ainda vai dar o que falar, considerando que ela está apaixonada pelo irmão dele. Quem quer treta? E também ficou claro que cedo ou tarde a mamãe vai voltar querendo ter direitos sobre a criança e vai dar maior confusão, porque o Ben já se apaixonou pela filha e fez um ótimo trabalho cuidando dela por uma noite. Mas acho muito fácil cuidar de um bebê por uma noite, queria ver criar a vida toda se ele teria a mesma atitude, han.

Quem vai acompanhar a série comigo? Parece que ela não ta muito famosa e a maioria das pessoas vai passar longe. Bom, seja o que Deus quiser, espero não me decepcionar com os próximos episódios ou então terei que ceifa-la e colocá-la no cemitério de séries. Lê-se Banner das séries canceladas.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
4 Comentários

Comentário(s)

4 comentários:

  1. Recomendo Raising Hope que possuia a mesma sinopse mas é bem melhor. Dá uma olhada

    ResponderExcluir
  2. eu gostei e vou continuar assistindo

    ResponderExcluir