sábado, 9 de junho de 2012

[Crítica] Awake - 1x13: Turtles All Way Down (Series Finale)

Hora de falar do que todos queríamos: meu amor incondicional por Awake.

Review:
(Spoilers Abaixo,Muitos Deles)

G-suis! Como viver depois dessa finale? Ou melhor por que viver sabendo que cancelaram uma das melhores coisas no ar em muito tempo? Sim, já considero Awake uma das melhores séries de todos os tempos, eu sei que muitos ainda não viram a série, por isso parem de ler a review aqui e vá correndo atrás dos episódios. É sem dúvida uma das  séries que eu vou armazenar em um pen-drive, porque com essa instabilidade de servers, achar episódios não está fácil não é mesmo? 

Eu ainda estou tentando processar o final desse episódio, eu até poderia tentar não colocar muitas spoilers na review, mas não quero. Já poupei vocês de alguns spoilers semana passada pra poder exagerar aqui. Convenhamos que não teria como criticar esse final sem discutir o final polêmico. Alguns acharam uma merda ruim, outros acharam que ficou ótimo e perfeito, enfim, a minha opinião eu conto pra vocês depois.

O episódio começa basicamente de onde o anterior parou, eu juro que eu estava sem respirar,sem piscar e tenho quase certeza que estava babando enquanto via o episódio. Tudo ia acontecendo tão rápido, era tudo tão eletrizante. As mudanças de realidade nunca foram mais bem-vindas quanto nesse episódio. Principalmente porque em uma das realidades as coisas estavam dando incrivelmente certo e na outra dando incrivelmente errado.

Na realidade vermelha tínhamos um Bird morto, uma Harper e Carl saindo impunes, um Michael preso sendo taxado como louco psicótico. Já na realidade azul - ou verde, já chegou o final da temporada e qual a cor mesmo? - temos um Michael sendo condecorado com sua inocência, um Carl assassinado pelo Harper, um Bird vivo. Eu simplesmente não acreditava, quer dizer, sempre foi ao contrário as coisas ruins aconteciam numa realidade e as boas na outra. Mudança que foi precedida inclusive pelas trocas tons em cada realidade, coisa que só os olhos mais atentos, como os meus, perceberam...Humildade comprou passagem pra Etiópia e deixou um beijo.

Mas, mimimi, não é sobre isso que queremos falar, ou é?

O final mesmo começa quando o Michael da realidade azul/verde vai visitar o Michael da realidade vermelha que estava preso. Eu juro que nessa hora, eu não ousava respirar, tinha medo de perder qualquer coisa. Sério, alguém aí imaginava mesmo que os dois Michael’s pudessem coexistir? Porque eu não. Depois dessa cena Britten-Britten, minha cara foi pro chão, as coisas que aconteceram depois foram simplesmente perfeitas pra fechar a série.

Vemos, o Michael da realidade vermelha indo para a luz, tudo que eu conseguia era “NÃO VÁ PARA LUZ”, aquela caminhada no corredor foi lendária. Quer dizer, uma das coisas que eu mais esperava era um confronto cara a cara entre Dr.Evans e Dr.Lee e foi isso que tivemos. Um de cada lado de Michael – bem no estilo anjo e diabo de desenho animado. Nessa hora eu já estava roxo – sem respirar – afinal as coisas estavam acontecendo, mas até então não tínhamos explicação nenhuma. Tudo que eu queria é que ele não fosse pra luz, mas ele foi. Menino mau esse Jason Isaacs.

Então, eis que o protagonista está com Vega vestido de pinguim – “O que foi? Você já viu um pinguim não já?” – assistindo o assassinato de Carl. Nessa hora, meu cérebro já estava coçando. Como Michael poderia estar assistindo algo que ele nunca tinha presenciado? Eu já não entendia mas nada. Eu já não piscava, respirava, e eu tenho quase certeza que estava babando.

Quando eu já estava bolando teorias, eis que o Michael da realidade vermelha entra por uma porta e se depara em seu quarto e deita em cima do corpo do Michael da realidade azul entrando assim em seu corpo. Isso depois dele se despedir de Hannah, eu simplesmente fiquei em choque, então era isso? A realidade vermelha era o sonho? Simplesmente olhava pra tela do computador e com minha melhor cara de “Ãn?”. Eis que já acordado na realidade verde, Michael prende Harper, eu estava torcendo pra ele matá-la. Ele teve a chance perfeita, mas o senso dele falou mais alto. 

E tudo isso aconteceu em um episódio mesmo minha gente, de 45 minutos, não foi um especial de duas horas não.

Faltavam o que? Uns cinco minutos pro fim do episódio, eu já estava convicto que o final seria aquele, o paralelo de Hannah era o sonho. Isso inclusive poderia ter ficado evidente uma vez que nossos s0nhos começam bons mas tendem a ficarem ruins quando sentimos a necessidade de acordar. Eu já estava aceitando isso, inclusive considerando um final razoável pra série. Como eu ia dizendo, faltavam uns cinco minutos pra Awake acabar de vez, e Michael estava conversando com Dra.Evans.

Eis que no meio dessa conversa surge a teoria de “E se for um sonho dentro do sonho?” e Dra.Evans decide brincar de estátua, isso mesmo, ela simplesmente fica lá estática. Então Michael sai pela porta, e acorda. Simples assim, pra quem não acompanhou: a realidade vermelha era um sonho da realidade azul que por sua vez era um pesadelo da vida real. Nem Freud conseguiria explicar isso muito bem com palavras. O importante é que nesse paralelo verdadeiro, tanto Hannah como Rex estão vivos e bem. Com direito até a a famosa fala clichê “Nossa, como você dormiu!” Final simples, sem nenhuma resolução mirabolante, nem um daqueles finais só pra finalizar. Simples e perfeito, afinal tudo que é exagerado não é bom.

Eu, sinceramente falando, não poderia ter esperado final melhor, algumas coisas realmente foram deixadas no ar, mas acho que foi intencional. Tirando o fato de Hannah e Rex existirem realmente, não sabemos nada dos outros assunto na vida real. Quer dizer, houve mesmo um acidente? Bird, Vega, Harper, Carl, Dr.Lee, Dra. Evans existem de verdade? Tudo foi deixado pra gente imaginar, eu particularmente gosto disso. Só nos resta aplaudir essa série que conseguiu ser melhor que várias outras no ar há muito mais tempo.

Sim, amei Awake, já deixei a série arquivada em um pen-drive, e quem quiser discutir (ou me odiar) sinta-se a vontade pra lotar os comentários com suas opiniões sobre a série (ou sobre minha review).

Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
10 Comentários

Comentário(s)

10 comentários:

  1. Não vejo essa maravilha toda em Awake. Quase desisiti da série mas gosto é gosto

    ResponderExcluir
  2. Sério, considero AWAKE uma sério boa, mas não é AQUEEELAS coisas, se fosse pra eu dar uma nota geral, seria um 8.2 (por causa dos últimos episódios ainda)

    Não sei o que achar do final, pelo lado bom, é um fim pra série, pelo ruim, pelo menos pra mim, parece que é um final "relaxado e simples". Eu simplesmente odeio quando em algum filme ou série certa coisa GENIAL é apenas um sonho, eu me sinto enganado u.u
    Sobre o protagonista estar dormindo, achei MEGA estranho, esse sonho seria muito complexo pra uma noite de sono, concorda? Por mim ficaria melhor o que VOCÊ sugeriu, falando que ele estava em coma '-'

    Para mim acabaria assim: Em vez de aparecer ele acordar, apareceria ele em coma, aí o seu filho e a Hannah estariam do lado da sua cama, e depois de uns segundos ele morre e fica aquele barulhinho que morreu (piiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii) e todo mundo começa a chorar. Aí acaba no enterro do Michael com todo mundo de preto e chorando, e a mulher dele falando coisas do Michael. FIM! \ô
    '-'

    ResponderExcluir
  3. Posso te continuar te chamando de Yiow? Sim? Obrigado.

    Então,Yiow,ficou óbvio que esse final não era nem de longe o que estavam planejando.Inclusive eu li em um site americano que os produtores queriam colocar os últimos dois episódios originais na net,mas a NBC (beijo sua linda!) barrou a ideia.Eu concordo que esse final foi meio WTF,eu acho que precisava de um pouco mais de explicação da "vida-real",que era um sonho dentro de um pesadelo foi bem fácil de entender...

    ResponderExcluir
  4. Pode chamar de Yiow AUSHASHAUHSUHASAHUSA
    E o que você achou do meu final? hein? hein? curtiu né -n
    kkkkkk

    ResponderExcluir
  5. Eu só mudaria uma coisinha no seu final: ao invés de ele estar em coma,ele estaria na verdade sobre um feitiço de Voldemort e se lembraria que na verdade é Lúcio Malfoy.E que seu filho é Draco Malfoy e sua esposa Narcisa Malfoy,que a capitã Harper é na verdade Severo ~Bipolar~ Snape e Carl é ~Lerdo~ Voldemort.

    ResponderExcluir
  6. Rachei com a teoria do Ricardo. Melhor que a do Yiow

    ResponderExcluir
  7. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, sério, daonde você tira estas cosias? você tem umas ideias muito loucas...




    E cade as reviews de SHERLOCK? ausaushauhs

    ResponderExcluir
  8. Yiow ainda cobrando as reviews de sherlock kkkk

    ResponderExcluir
  9. O final foi o melhor possível, já q a série foi cancelada. Pelamordi, além de deixar de ver o lindo do Michael toda semana, ainda ia ter q ficar de luto pela morde dele? Não, neh! Ele podia estar em coma, mas acordar no final, pq realmente, tudo foi muito complexo pra ter sido só um sonho de uma noite.

    R_

    ResponderExcluir