Especial

Foto:

[Crítica] Supernatural - 7x23: Survival of the Fittest (Season Finale)

Temos que matar Dick! Mas espera... Acho que precisamos de um gato.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Err, acho que todo mundo esperava mais né? Pelo menos eu, fiz de tudo pra assistir ao episódio o mais rápido que pude porque sou um dos fundadores do Team Meg, que nasceu lá no começo da série, e pensei que ela daria mais um show como tinha feito nos últimos episódios. Bom, com Meg praticamente fora da jogada, Cas tendo problemas ao enfrentar a justiça por causa da sua personalidade esquizofrênica e Bobby pensando que estava estrelando Revenge, a Season Finale deixou muito a desejar.

Primeiramente, gostaria de falar do caso Bobby. Porque ocupou praticamente metade do episódio, quando deveriam nos mostrar ganchos frenéticos na batalha contra o Dick. Bobby se tornou um personagem insuportável depois que virou um fantasma, e ninguém queria ver mais do seu senso ético de vingança quando a história poderia pegar fogo. A cena em que ele se entrega e resolve partir não foi tão emocionante quanto seria se tivesse sido deixada pra outro momento. Não deu tempo pra chorar pelo Bobby quando Dick começou a fazer cópias dele mesmo e complicar tudo. Ótima ideia, acho que foi uma dica do tio Saddam Hussein.

Falando em Dick, alguém aí também notou que o plano mór não fez sentido? Talvez eu tenha perdido alguma coisa, mas acho que matar os magros não valeria o esforço de uma temporada inteira. Pelo que entendi, o que Dick estava tentando comercializar era um líquido que deixava vivos apenas os humanos que tivessem as características que eles queriam reproduzir. Mas, não fez muito sentido, porque isso parece apenas ser o estágio um de um plano maior que não pôde ser concluído pela ação dos Winchester.

Minha Nossa preciosa Meg ficou um pouco apagada no episódio, e nem teve uma luta tão emocionante contra os Leviatãs. Sem falar que seu final foi “trágico”. Ela foi pega pelos homens do Crowley pra ser tostada no inferno para sempre, mas pode muito bem voltar na Season 8 ajudando-o, ou, simplesmente não voltar. Acho que seu destino se tornou incerto, quando na verdade, deveria ter sido feliz. Gente, é claro que queremos mais da Meg, ela deu vida aos últimos episódios. Sua participação na Season Finale deveria no mínimo ter uma boa luta, queria que derrubasse os Leviatãs numa voadera sinistra demoníaca e depois dado um perdido no Crowley.

Também esperava mais da luta contra o Dick. Achei que seria cheia de reviravoltas, mas tivemos apenas uma, que já tínhamos visto milhares de vezes durante a série. Mas, preciso admitir, aquele final foi muito punk. Dick explodindo e levando o Cas e o Dean pro purgatório. Meu Deus! Foi um final muito digno mesmo. Se bem que o purgatório é bem diferente do que eu pensava. Não é como o inferno, é tipo a Terra, mas habitada apenas por criaturas. Agora, é claro que o Dean vai sair de lá, só não sabemos como.

Também não sabemos o que vai acontecer com o resto dos leviatãs, porque apenas Dick morreu, e não é como se ele fosse a mãe de todos e com sua morte todos explodissem gosma preta. Então, creio que a Season 8 vai continuar com eles, o que é uma péssima ideia, já que nós fãs vemos a próxima temporada como a ultima esperança pra série terminar bem e ver mais do mesmo é definitivamente a pior coisa que podem fazer. Ainda não sei o que achar, mas crio muitas expectativas. Supernatural é minha série preferida, sou capaz de orar todas as noites pra ela melhorar e ficar triste com um cancelamento mesmo ela estando na merda. Então, não é como se pudesse controlar. Acho que todo fã é assim. Vejo vocês em Setembro, hunters.


PS: O que Crowley vai fazer com o Profeta, não é da minha conta, mas vai muito além do Sadomasoquismo. Depois da piada gay, me retiro. Com licença.

Agora, momento trilha sonora. Mesmo que não seja tão boa, acho que toda Season Finale vale a pena simplesmente porque toca essa música. Quando tocarem ela no fim da série, prevejo depressão em massa.
Comentário(s)
4 Comentário(s)

4 comentários:

  1. João até que enfim uma opinião sensata p/ a season finale de SPN. Acredita que há quem diga que ele foi épico? Concordo em gênero, número e grau com suas palavras. Exceto que por conta dessa temporada meia boca, nem tive pressa p/ ver o desfecho. Priorizei ver as season finales de outros seriados, que aproveitei melhor meu tempo. Espero que na próxima, c/ um novo show-runner, SPN dê uma guinada!

    ResponderExcluir
  2. Sou Team Meg forever.

    ResponderExcluir
  3. É... mais ou menos. Concordo com a maioria das palavras, mas não iria exagerar no mais ou menos. Acho que explorou muito as partes sem emoção. Realmente, achei que a luta final deixou a desejar e Meg perdeu o destaque, porém a 7 temporada me surpreendeu, principalmente vindo depois da sexta... Mas, de uma forma até coerente, conseguiram encerrar os pontos soltos que não sabia como fariam: O final de bobby, mesmo sendo um pouco rápido,e , pelo o que a fantastica interpretação de misha colins deu a entender, cass retomou seu juízo devido a forma que ele fala com dean no final. Não que não tenha sido hilaria a forma que crowley olhou quando viu a sanidade mental do anjo, mas aquele não era castiel. Também, ele ajudando dean diretamene a matar dick deve ter feito com que o personágem tenha sido completamente redimido. Em fim, a sétima terminou com um brilhante arco aberto para a próxima, e provavelmente ultima, temporada. Gostei muito do jeito q vc compreende a série e concordo com todas suas críticas. Se tivesse espaço, falava mais. kkkk

    ResponderExcluir
  4. Eu tbm concordo com a sua crítica,a cara do Crowley olhando pro Castiel foi impagável,ao contrário de vc João eu chorei na cena do Bobby vou sentir muitas saudades,a cena do Dick foi show,tbm quero saber o que o rei do inferno vai fazer com o Kevin,acho que só saberemos na season 8.Até setembro :D

    ResponderExcluir