quinta-feira, 10 de maio de 2012

[Crítica] Once Upon A Time - 1x21: An Apple Red as Blood


Basta apenas uma mordida.

Review:
(Spoilers Abaixo)

ETA ETA ETA! Depois deste episódio, alguém será forçada a acreditar. Fala sério, né, pessoal? Em plena pré-Season Finale, a Emma ainda se recusa a acreditar. E o pior, o August e o Henry estão esfregando tudo na cara dela, mas a mulher é muito cega para poder ver. Será que é tão difícil assim perceber os pequenos e escancarados detalhes que estão ao seu redor? Henry cansou de falar que a Regina é a Malvadona, ela tem várias árvores de maçã e espelhos por toda a casa. Será que a Emma não parou para pensar nenhum pouco em tanta coincidência? E o que falar da Ruby, que ela sabe ser a chapeuzinho vermelho, só andar de vermelho para cima e pra baixo, sendo que trabalha com sua avó. SUA AVÓ!!!

Eu sei que já comecei a crítica fazendo um verdadeiro barraco e que ela está atrasada, mas eu tive que colocar toda a minha frustração nela. Não é porque o episódio foi ruim ou a Emma deixou de acreditar ainda mais do que ela já não acreditava. Acontece que este deve ser o último episódio em que ela continue dando uma de sonsa, né? Afinal, se essa quenga não acreditar no próximo episódio, eu entro dentro dessa série e mostro para ela quão negra a minha magia é. Mas acredite que não precisarei fazer isso, afinal, o cliffhanger bombástico deve repercutir em seus conceitos. Ou seja, a caça à Malvadona logo, logo será aberta.

E por falar em "Caça à Malvadona", devo destacar o pesadelo dela. Foi muito interessante e sombrio. Principalmente a parte dela ser amarrada em sua própria árvore, com suas maças podres. Foi lindo de ver a Emma apertando a maça estragada e saindo aquela gosma preta. Por um segundo, me senti em um filme trash. Aliás, toda a sequência do sonho foi trash. E foi interessante porque o diretor não tentou insultar nossa inteligência, ao fingir que tudo aquilo poderia estar realmente acontecendo, deixando bem claro, logo nas primeiras cenas, de que se trata de um pesadelo, apenas. Eu quase fiquei com dó da Malvadona quando ela pediu socorro ao Henry, mas o garoto, que mais parecia cria daquele-que-anda-por-trás-das-fileiras, quase tacou fogo na mulher ele mesmo.

Bem, esta semana ficou bem claro que a Malvadona está começando a ficar realmente desesperada. Ela está vendo que as coisas estão mudando, sua árvore está indo servir de alimento do capeta, e as pessoas estão a um passo de encontrarem seus "Felizes para Sempre". Querendo arrumar um jeito de reverter isso, ela recorre ao Mr. Gold, que deixou bem claro que está do lado "quebrativo" da maldição. Por um segundo, eu pensei que ela iria oferecer a Bella, caso ele a ajudasse. Mas ela resistiu, porque, obviamente, a Bella é a sua marca-na-manga-mor, não pode ser gasta logo na primeira temporada. Quem sabe na segunda? Eu só sei que quero que a Bella fique com o Rumpels.

E não é que a Malvadona tinha outra opção? Ela ressuscitou o Jefferson. Sim, o chapeleiro maluco. Sinceramente, eu pensei que ela tinha ido para Far far away quando caiu com o chapéu. Pelo visto, nem isso a Emma fez direito. Fiquei apreensivo quando a Malvadona pensou em enviá-lo para a outra dimensão e matar a Emma lá, mas ainda bem que não deu certo. Então, ela só podia pegar uma coisa pequena, que coubesse na mão. O que poderia ser? A maldita maçã envenenada. É claro que daria muito na vista pedir para a Emma comer uma maça já mordida (afinal, se é bom, temos que reciclar). Então, nada melhor do que uma torta de maçã envenenada.

Henry quase virou os olhos quando viu a torta. Ele pensou algo do tipo "Sua imbecil, eu te disse que ela era a Malvadona e mesmo assim você aceita uma torta de maçã? DE MAAAÇÃAAA?". Então, para não dizer o que estava preso em sua garganta, Henry deu uma mordida na torta, para provar, de uma vez por todas, que tudo o que ele falava era verdade. Por favor, todos acreditam agora? Ah, foi bem legal a continuação da história da Snow no mundo mágico. Eles deram uma atualizada na história da maçã lá também. Afinal, nossa Snow não seria idiota a ponto de comer algo de uma velha imunda, seria? E, só para constar, se a Snow sabia o que estava comendo, porque a Malvadona disfarçou como maça? Não poderia ser um frasquinho de veneno comum? Seria até mais eficiente, afinal, beijo não desperta pessoa envenenada. UI, é isso aí, todos entrando na escolinha de maldades eficientes de Nefferson Ribeiro, por favor.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
4 Comentários

Comentário(s)

4 comentários:

  1. eu acho ótimo a Emma acreditar, pois ficaria mt ruim se ela já acreditasse. Imagine uma criança que não para de falar pra vc que contos de fadas são reais? ou um estranho que chegou apouco tempo e nao para de contar historias?
    Enfim, ótimo episódio, so nao gostei daquela parte das fadas jogando aquelas coisinhas nos "soldados" da rainha. Tá, eu odeio as fadas sempre!

    ResponderExcluir
  2. Eu amei o episódio e estou morrendo pela Season Finale!! *o* E boas notícias!! Once Upon A Time acabou de ser confirmada para uma segunda temporada!! Ansiosíssimo para mais uma temporada dessa série!

    ResponderExcluir
  3. Se tirasse a maçã ficaria totalmente fora da história da Snow white. De resto, concordo com sua crítica.

    ResponderExcluir
  4. Concordo com a sua crítica e quanto a maçã eu concordo com a Lídia,espero que o Henry não morra gosto muito dele,fiquei super feliz com a aparição do Chapeleiro Maluco,amei o sonho da Malvadona bem que poderia ser verdade,tbm achei que a Regina iria oferecer a Bella ao Rumpels acho que ela até considerou isso mais desistiu.Que venha a season finale!


    PS:Fico muito feliz pela renovação de Once Upon a Time,essa série merece :D

    ResponderExcluir