sábado, 5 de maio de 2012

[Crítica] Hart of Dixie - 1x20: The Race & the Relationship

Quando o coração corre mais rápido do que a razão.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Vocês sabem que eu adoro nossa querida doutora, então foi difícil ver como este episódio terminou. Engraçado que, no mundo das séries, uma hora você pode ter tudo, mas, na outra, não ter nada. Foi exatamente isso o que aconteceu com Zoe Hart esta semana. E a contagem regressiva continua! Restam apenas mais dois episódios para acabar a primeira temporada. Será que dá tempo da Zoe fisgar ou ser fisgada por alguém até lá? Eu espero muito que sim.

E uma fase importante da série chegou ao fim. Estou falando do arco Zoe & George. Depois da bomba da fofoca explodir e o George descobrir sobre o caso da Lemon, todos sabiam que seria a vez dele de brilhar. Tanto que nos últimos episódios, ele ganhou mais destaque do que nunca. Eu até simpatizei mais com o rapaz, porque antes não o tolerava. Eu gosto mesmo é do Wade, que ficou de escanteio nas últimas semanas, guardando seus sentimentos mais profundos pela Zoe e vivendo amargurado. Mas, convenhamos, ele teve o momento dele. Wade ficou em foco durante um longo tempo, até ele mesmo acabar com suas próprias chances.

Mas, com o George fora da jogada de vez (como o Wade mesmo disse "Todos sabem que George ficará com a Lemon. A Zoe é apenas burra demais para ver isso"), talvez o foco volte para o nosso querido Wade. E eu espero muito que ele faça as coisas certas, dessa vez. Estamos em reta final e não há tempo para errar. Ou vai... ou racha. E, pelo o que parece, o Wade vai realmente crescer. Até porque, estamos cansados de ver o personagem caindo da real, só para fazer mais burrices na outra semana. Mesmo assim, ele pisou feio na bola com a Tansy. Gosto da personagem, apesar dele ser nova. Espero que ela fique com o Lavon, porque eu senti um clima entre eles.

Os momentos finais deste episódio foram uma mistura doida de emoções. Um cheiro de esperança queimada e sonhos estraçalhados. Mas não podemos deixar passar a teoria do Sr. Lavon, mandando Tansy escrever em um caderninho tudo o que ela não gostava no Wade. É impressionante como a moça fez sua lista rápido, né? E o mais engraçado ainda foi ver o Wade chegando, pegando outro caderno e fazendo uma lista da Zoe. Agora, toda a graça acabou quando a Zoe entrou no recinto, toda triste e com o coração quebrado e o Lavon praticamente a chutou de lá.

E, se no começo, ela estava disputando o coração do George e tentada feat. dividida com o fato do Wade gostar dela, no final desta semana, ela está sem nada. Zoe não te mais pretendentes, não tem mais amigos e ninguém a quer por perto. O que resta a nossa querida doutora? Bem, para aqueles que já viram a promo, sabem muito bem que ela tentará sair de BlueBell. Vocês acham mesmo que ela vai conseguir? Eu aposto que não. Tomara que tenhamos uma daquelas cenas clichês e emocionantes, onde o mocinho vai atrás da mocinha para não deixá-la ir embora. E é claro que eu estou contando que este mocinho seja o Wade. Todos concordam? Acho bom mesmo.

Dentre outros comentários importantes, devo dizer que o George e a Lemon realmente se merecem. E foi bem sem graça a cena de quase-suicídio amoroso dela. Até uma cobra criada vilã da novela da Globo poderia fazer uma coisa mais artística. Pelo menos deu certo! George está cego de amores novamente. E agora eles não têm mais segredos, então nada deve separá-los. Eu só queria que a Zoe surtasse um pouco. Ela é muito passiva e tudo o que os outros falam, ela abaixa a cabeça. Bem, quando ela tentou ser impulsiva, não deu certo, mas não foi culpa dela. Enfim, vamos ver o que os dois últimos episódios nos reservam. Eu espero muita emoção daqui para frente. OBS: Há boatos de que a série tem boas chances de ser renovada. Será?
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário