terça-feira, 24 de abril de 2012

[Crítica] Smash - 1x11: The Movie Star


Ela tem muitas ideias!


Crítica:
(Abaixo Spoilers)

Episódio maluco. Primeiro porque Uma Thurman é foda e isso não se discute. Estou amando ODIAR Rebecca Duvall. Bitch sem escrúpulos que realmente faz o típico de artistas americanos que por terem um histórico seja no cinema ou na tv, se acham por isso e são daquele jeitinho mesmo. IRRITANTES. Aqui no Brasil não é diferente. Mas vamos a loucura.

Rebecca cantou muito mal Let Me Be Your Star. Quer dizer, mal também não é a palavra. Digamos que sua voz não é tudo aquilo, como a da Karen ou Ivy. E pela primeira vez senti falta dos solos exagerados da Ivy. Sem dúvidas, ela é perfeita pro papel. Comparada a Rebecca. Que pediu mais falas ao invés de tanta música, acho que ela não percebeu ainda que esta em um musical. Mas como o pessoal curte agradá-la fizeram mais falar. Mas vamos ver até quando vai as exigências da "diva".

Júlia só se ferra, impressionante. Agora, o filho ta dando problema e ta sobrando tudo pra ela. Mas ela como é muito humilde, assume a cagada. E o ex também. Afinal, a culpa é dos dois. Ele por não comparecer e ela ter o traído com o primeiro gostoso que apareceu (do passado!). E ela por ter deixado o caso vazar. Porque deixar o lover se declarando em música na frente de todos os vizinhos e dando a deixa pra janela do quarto do filho é muita burrice não?

Next.

Tom é um babaca. Cada dia mais eu tenho certeza disso. Júlia ajeitou um encontro pros dois e fiquei realmente puto. Sou muito mais o advogado, sem dúvidas. Enfim. O encontro não poderia ser mais idiota né? Assim como Tom, o dançarino então, que não lembro o nome (já disse a vocês que guardar nomes é complicado pro titio aqui, mas vocês sempre sabem quem é) nem quero lembrar também, se fez até p último. Ou aqui alguém acredita que exista alguém assim? Nossa, o cara dizer que prefere algo mais reservado, como algo santo. Ai me poupe, bebê. Quero muito que o Tom volte pro advogado. Muito mesmo porque não curti esse dançarino. E não é pré-conceito.

Ivy toda fofa pro lado de Karen não ia durar muito. Nossas estrelas bateram boca porque Ivy realmente é uma pessoa invejosa. E imagine se ela não ia ironizar o fato do namorado de Karen não aparecer na estréia do filme da Thurman. Esse namorado aí também é outro que quer ferver a todo custo. Primeiro ele esconde que as coisas no escritório mudaram. De repente sai só ele e a aquela vaca lá. Sei não viu, penso até hoje que ela devia ter dado tudo pro Derek. Porque o sonho do Derek ainda é tê-la em seus braços (pra não dizer outra coisa!).

A performace de Rebecca para Dig Deep no final do episódio foi incrível mas ainda prefiro Uma como Beatrix Kiddo. Mas isso é com Tarantino né? O episódio teve outros momentos lindinhos como: Eileen apaixonadinha. Karen deixando Derek doidinho com sua performace a la Marilyn. O ex maluco de Rebecca quase levando pimenta no olho de Eileen. E roteiristas e diretor debatendo como deve funcionar com a protagonista. Hilário.

Esperamos uma ótima season finale, porque já sabemos que no próximo ano Smash continua. E o show também.


Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário