segunda-feira, 30 de abril de 2012

[Crítica] Once Upon A Time - 1x19: The Return


Ninguém é feliz para sempre... ou, pelo menos, um pouco.


Review:
(Spoilers Abaixo)

Acho que esta é a série mais procurada por vocês neste blog. Pelo menos, sempre que eu atraso, vocês, queridos leitores, começam a pedir pela crítica alucinadamente. E é por isso mesmo que eu tenho o maior prazer de criticá-la, por vocês. E também não podemos tirar o mérito da própria série, não é verdade? Mas, voltando ao atraso, acho que vocês já estão informados que eu estava sem internet, então agora eu estou correndo contra o tempo para colocar todas as críticas em dia. Parece que não falta muito agora, então vamos que vamos, porque o trabalho não pode parar.

Season Finale está chegando e eu estou ficando inquieto na minha cadeira. Faltam apenas mais 3 episódios para sabermos como a temporada irá acabar e minhas expectativas estão a mil. Sinceramente, devo confessar que antes do Mid-Season Finale, eu não esperava muita coisa da série, porque ela tinha apresentado alguns episódios fracos, que não tinham relação com a trama central da história. É claro que a história não poderia começar a pegar fogo logo nas primeiras semanas, mas eu pensei que seria algo parecido com o seriado Grimm, onde a Emma teria que solucionar um caso de Far far away de cada vez. Graças a Deus, a realidade está bem distante disso. Agora, os episódios se completam e precisa assistir o anterior para conseguir entender o seguinte. Os flashbacks em tão tão distante são fundamentais e, com o passar dos episódios, eles vão se montando perfeitamente, como um quebra-cabeças.

Agora, voltando a focar no episódio desta semana, devo dizer que foi tão bom quanto os anteriores. Eu li alguns comentários citando o filho desaparecido do Rumpels e sabia que teríamos um episódio dedicado a continuar a história dele. Antes mesmo de começar a ver o episódio, eu sabia que terminaria de uma forma trágica. Mas é claro, não existe "felizes para sempre" nesta série. E, não sei se vocês perceberam, mas o Mr. Gold não tem filho, então é óbvio que o garoto seria separado do seu pai... De uma forma, ou de outra. Eu tinha razão! Mas até que foi interessante acompanhar o filho do Rumpels tendo que lidar com o novo tratamento dos moradores de seu vilarejo.

Deu para perceber como a magia negra tomou conta do Rumpels. Aos poucos. Chegando a um ponto dele matar porque uma pessoa espirrou. Certo, isso não aconteceu, mas ele matou por muito menos, com certeza. O importante é que nos deparamos com a certeza de que "nenhuma magia vem sem preço". O filho bem que tentou fazer com que seu pai passasse para o lado bom da força, mas não conseguiu. Ele até recorreu a fada azul, que lhe deu uma solução, mas, como já adiantei, não dá certo. Ou melhor, daria certo, mas o Rumpels ficou com medo de ir. Podemos tirar duas coisas muito importantes deste episódio. Primeiro, o motivo para os Mr. Gold odiar tanto as freiras. E, segundo - e mais importante -, o porquê do Rumpels ter ajudado a Malvadona a criar a maldição. Ele estava querendo reencontrar o seu filho, que estava sozinho no nosso mundo.

O desfecho também foi interessante, com o Rumpels achando que o August era o seu filho. Eu sabia que ele não era, principalmente desde que o mesmo o perdoou. Qual é, a felicidade veio muito fácil para o Rumpels. Temos que crer que não existe felicidade nesta série, pelo menos até o grande final. Então não foi novidade quando a máscara do August caiu. Agora, pensem comigo, ele teve desavenças com o seu pai e precisa de magia para sobreviver. O que vem na mente de vocês? Não sei o que vocês responderam, mas na minha vem Pinóquio. Agora resta o August tentar convencer a Emma sobre Far far away e não temos muito tempo para isso, porque só restam apenas 3 episódios para a Season Finale.

Bem, dentre outras coisas que merecem destaque, quero dizer que foi fofa a cena entre o David e a Abigail. E espero que ela encontre o seu amor ainda nesta temporada, porque ela já sofreu demais. Aquele repórter cretino realmente ama a vadia da Malvadona, né? Até se entregou no lugar dela. Emma já deixou bem claro que não acredita naquela farsa e declarou guerra. Agora só nos resta observar tudo em nossas cadeiras, esperando pelo grande desfecho da temporada, enquanto esperamos por um feliz para sempre que vai demorar a acontecer.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
7 Comentários

Comentário(s)

7 comentários:

  1. "Primeiro, o motivo para os Mr. Gold odiar tanto as freiras" Nossa... Não tinha pensado nisso, faz sentido '-'
    Eu fico em dúvida se eles voltarão para o "conto de fadas" pois, depois de mostrar a adaptação da Emma por lá, o que mais poderia render para história?


    aah, e não fala tão mal de grimm, pq o seriado está ótimo atualmente ok? u.u

    ResponderExcluir
  2. Crítica ótima mas concordo com o Douglas.. GRIMM está ótimo!
    Queria fazer um pedido.. Não tirem Glee das séries que vocês fazem as críticas por favor. gosto muito do site.

    ResponderExcluir
  3. Episódio foi ótimo, mas nem compara ao de domingo passado, foi épico! Adorei a critica =D

    ResponderExcluir
  4. Nem lembrava desse ódio do Rumpels pelas freiras e agora faz total sentido só que a culpa do desaparecimento do Beau foi dele e não das fadas por que quem amarelou foi ele,eu adoro a história do Pinóquio e apesar de entender o lado do Gepeto foi egoísmo dele deixar a Emma sem a mãe e o pior é que o August deixou ela sozinha depois de prometer ao pai dele que cuidaria dela.

    ResponderExcluir
  5. Véi, só eu percebi que a fada Azul\ Madre Superiora é akela mina do Premonição 2 que morre com um cano de PVC na testa? HAUSHAUSHAUS Pronto, esse foi meu comentário inútil.

    ResponderExcluir
  6. SHAUHSAUHSUAHSAUH, acredite, eu adorei o seu comentário.
    Eu já tinha percebido, porque sou viciado na franquia Premonição. Mas nunca falei aqui, hahaha. Gostava da personagem dela no filme...kk

    ResponderExcluir
  7. Eu sabia que ele não era o filho do Rumples pelo simples fato de ter os olhos azuis rsrsrsrsrs

    ResponderExcluir