quarta-feira, 4 de abril de 2012

[Crítica] Awake - 1x04: Kate Is Enough


Love me, hate me, say what you want about me but all of the boys and all of the girls are loveing Awake...

Review:
(Spoilers Abaixo)

Uma episódio que merece uma citação da "diva do pop", Madonna Lady Gaga Xuxa Britney Spears não tem como ter sido ruim, né?. Ok. Tem sim, mas nesse caso o episódio foi "bom, muito bom, muito mais do que bom, foi excelente"(alguém lembra de onde é essa música? Ela me veio na cabeça mas não me lembro onde a ouvi). Falando sério agora, Awake conseguiu não me desagradar em nenhum dos quatro episódios. Está tudo tão perfeito na série, então se eu ficar elogiando muito (tenho certeza que vou ficar) não parem de ler a review não se espantem.

A série toda até agora tem sido sobre a perda de pessoas: num lado vemos Rex superando a morte da mãe, no outro vemos Hannah superando a morte do filho. E o melhor é ver o modo como Michael tem que lidar com ambas perdas, sendo que pra ele, nenhum dos dois estão mortos. E nesse episódio essa questão foi mais trabalhada, e muitas coisas são deixadas no ar, para que nós possamos refletir. Eu diria até que a série tenta passar um valor moralista. O que é bacana. Porque não é uma coisa escancarada, é uma mensagem subentendida onde é impossível não traçar um paralelo entre os ocorridos com Kate nas duas realidades e a relação Michael-Rex.

Kate, pra quem se esqueceu ou não viu o episódio, é ex-babá de Rex, que teve que lidar com a morte de sua irmã nas diferentes realidades. Na realidade vermelha a personagem lidou positivamente com a perda da irmã se tornando bem sucedida, graças ao apoio dado pela mãe. Já na realidade azul, o oposto acontece, e a personagem se vicia em drogas e vira a principal suspeita do crime. Nas duas realidades Kate apareceu por causa do crime, só que apenas na realidade de Rex, ela esteve ligada diretamente ao crime.

Aliás, só eu tenho a sensação de que tudo é muito tenso e complicado na realidade azul e já na realidade vermelha é tudo muito fácil e alegre? Essa perfeição da realidade de Hannah me parece suspeito demais. Se eu tivesse que apostar em uma das realidades pra ser o sonho, eu apostaria na da Hannah. Como diria minha vó "quando o presente é muito bom, até santo duvida". O surgimento de Kate gerou mais excelentes discussões nas sessões de terapia. Essas sessões são uma das melhores coisas da série. E nesse episódio, mais do que nunca, eu senti como se estivesse assistindo um jogo de ping-pong onde eu pisquei os olhos no final e não vi quem ganhou a partida. Você presta atenção em tudo que eles falam, em cada teoria, tenta entender tudo, e mesmo assim, você continua sem saber em quem ou em quê acreditar. COMO EU AMO ESSA SENSAÇÃO DE CURIOSIDADE QUE A SÉRIE ME DÁ!!!

Além disso, o surgimento de Kate serviu pra que Michael focasse mais na sua reaproximação com Rex. Eu já ouvi falar em gente bipolar, mas nunca vi ninguém igual a esse garoto. Em um episódio vemos ele tendo um relacionamento melhor com o pai, no outro ele já está revoltado batendo no melhor amigo (aliás uma briga onde ambos envolvidos saem sem lesões só pode ser considerado uma briga em outra realidade mesmo) por causa da raquete e se trancando no quarto para ouvir Simple Plan (eu gosto, que fique claro) enquanto se afoga na banheira? Juro que não entendo ele. No final, ele deixa o pai se aproximar, mas provavelmente no quinto episódio ele já estará montado na rebeldia e na devassidade de novo.

As resoluções dos casos, não foram nada chocantes, foram até clichês. Mas depois que séries como CSI já tem 48643841211213 temporadas inovar deve ser bem complicado. E Awake está longe de ser um procedural comum (Alcatraz manda um “oi”) não é? Pra mim ter uma premissa diferenciada e bem trabalhada já ajuda muito. E sinceramente eu não vejo a série pelos casos, e sim pelo mistério/suspense.

Essa série pode não ser o símbolo da perfeição, mas para alguém que começou a assistir a série por mera curiosidade e se deparou com quatro episódios perfeitos maravilhosos até agora eu estou bem satisfeito. Pra ser sincero, não vejo nada na série que me desagradou até agora. Eu estou até um pouco indignado, porque por mais que eu procure, não acho nada ruim. E todo mundo sabe que não sou rodeios quando é pra "meter o pau" em uma série. Já estou ansioso indo assistir o próximo episódio, até porque já me avisaram que eu vou "ovular"(oi?) assistindo, eu não tenho certeza do que a pessoa quis dizer com isso, mas acho que foi "você vai gostar muito". Que venha o 5° episódio de Alcatraz Awake.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
4 Comentários

Comentário(s)

4 comentários:

  1. Sinceramente, awake está começando a me desagradar, toda semana a mesma ladainha, se duvidar pode dar a nova alcatraz (tabom, exagerei).

    e apenas uma curiosidade que me despertou.... como você quebrou seu pc? porque quando enquanto vc quebrou seu pc eu quebrei meu modem, de tanto dar tapas nele, é sério, qndo a internet caia eu batia e jogava ele no chão, e ainda por cima gritava...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkkkkk morri/
      Na vdd meu cooler já tava com problemas,então o processador queimou,juntamente com o meu HD...Uma coisa levou a outra,minha CPU praticamente pegou fogo!

      Excluir
  2. ei apunhalada cap 4 tinha que ser lançado ontem e até agora não lançou por favor se vocês poderem poste hoje

    ResponderExcluir
  3. Parece que assim como eu o João está com uns problemas com um PC,pedimos desculpas a todos.

    ResponderExcluir