domingo, 1 de abril de 2012

[Crítica] 90210 - 4x20: Blue Ivy

Oh Padre, perdoe-a, pois ela está prestes a pecar.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Odeio quando a série nos mostra esses episódios tanto faz. Se perdem nas próprias situações que criaram, nos próprios dramas prolongados, dando atenção a coisas irrelevantes que não deveriam acontecer. Não, o episódio não foi ruim, mas também foi longe de ser uma obra prima. Volto a dizer que a temporada começou muito bem, mas depois de um tempo, foi perdendo a força, e uma boa prova disso é que as aventuras de Naomi Clark já não são mais tão engraçadas. Saudades de quando ela jantou com um porco e estava em pé de guerra com a Holly (Shit).

Bom, vamos aos acontecimentos? Porque ficar comparando episódios anteriores com os atuais é realmente uma perda de tempo. Ainda mais quando a trama colocou até os personagens esquecidos pra trabalhar. Mas, vamos começar com Naomi? Claro, o grande segredo de Preston que sua irmã descobriu semana passada e não teve tempo de contar. Ela até cogitou a possibilidade dele dar uma de Dexter e matar pessoas por aí, quando o real segredo era que ele perderia tudo se não casasse até os 28. A conclusão disso pôde ser vista nos dedos de Naomi, brilhando como o sol, enquanto o sorriso em seu rosto espelhava claramente que aquela alegria violenta teria fins violentos. Shakespeare aprova, viu?

A pilantra, biscate, falsa e filha de Zezé de Camargo, Vanessa, continuou fazendo um inferninho na vida dos ex moradores de Beverly Hills por causa de seu ciúme. Só não posso dizer que ela teve o que mereceu, porque depois de ser desmascarada, ela fugiu com todo o dinheiro do Liam, levou até as moedas que ele jogava na fonte dos desejos, gente. Gostei disso, pena que ela é psicopata e possivelmente vai voltar querendo se vingar por Liam não ter aceitado que ela é capaz de qualquer coisa pra subir na vida.

Silver e Navid, o recém ressuscitado que só dá as caras quando alguém morre ou quando vai estragar a vida de alguém, tiveram alguns momentos de pura fofura antes que a garota descobrisse que realmente tinha os genes do câncer. Não sei vocês, mas não os quero mais juntos. Nem os roteiristas querem, já que Silver e Liam deram o primeiro passo para o que parece ser um novo relacionamento. Mas foi meio estranho. Tipo, oi eu tenho genes do Câncer. Oi, minha namorada roubou tudo de mim. Depois começam a se pegar freneticamente num quase sexo pra esquecer os problemas onde quase nada foi mostrado, porque a CW é um canal pra família inteira e cenas que ultrapassam o tanquinho perfeitinho dos garotos, não são permitidas.

Ivy, apesar de ter sido mencionada no nome do episódio, não ficou azul, apenas teve uma reação bem diferente do esperado. Raj morreu, e ela estava tentando parecer que nada tinha acontecido, quando estava morrendo de raiva dele por tê-la afastado nos últimos meses de sua vida, quando deveriam ter ficado juntos o tempo todo. Pensei que ela apenas fingiria ser forte e depois teria uma crise de choros, e não sei se a falta deste clichê foi boa ou não pro episódio, já que está presente em quase todas as tramas que envolvem morte.

No lado superstar da trama, o romance entre Dixon e Adrianna começou a ir de mal a pior quando ela descobriu que ele escolheu sua carreira musical ao invés dela. Ade, o que você tem que lembrar, é que você foi uma vadia no passado e é um perigo voltar ao mundo musical. Você roubou as canções de um ex Rebelde morto, não é uma coisa que se esquece. E Dixon, preferiu se focar na musica, é tudo o que ele tem, não dá pra recusar um contrato só porque está namorando com você, ou pode? Só sei que no fim, ele acabou saindo em turnê com uma cantora e deixou Ade ao léu. Eu até gostava dos dois juntos, mas fiquei feliz porque acabou. Só falta a Ade e o Liam ficarem juntos pra eu ser completamente feliz.

Por ultimo, e não menos importante, Annie Wilson sentiu na pele o que era ser uma pecadora mundana quando começou a ter desejos sexuais com um futuro padre. Haha, finalmente né Annie saindo de sua bolha de bondade pra fazer alguma coisa interessante. Legal mesmo foram suas expressões faciais quando ele tirava a camisa e a tratava como se quisesse seu corpo. E eu quero que o romance aconteça, de uma forma ou outra, eles não podem desperdiçar uma ideia hilária dessas. Porque né... Se fosse Naomi apaixonada por um Padre, estava tudo bem. Agora Annie, a Rainha das Santas, Ta doida pra levar uma cutucada do rapaz. No facebook, é claro, seus pervertidos.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
1 Comentários

Comentário(s)

1 comentários:

  1. Desculpa, mas uma review que prioriza as situações ridículas vividas pela Naomi no começo HORRÍVEL da temporada, não merece respeito nenhum.

    ResponderExcluir