quarta-feira, 21 de março de 2012

[Crítica] Once Upon A Time - 1x16: Heart of Darkness


Todo mundo tem um lado negro.

Review:
(Spoilers Abaixo)

Olá, meus queridos historiadores, viciados e adeptos de Storybrooke. Foi um longo caminho até aqui e eu estou todo sentimental, pelo fato de duas das minhas séries estarem acabando esta semana. Isso me fez cair na real o quão perto está de acabar minhas outras séries. Once Upon a Time, por exemplo, está caminhando para sua reta final, faltando pouco mais de cinco episódios. Pelo o que tudo indica, esse desaparecimento da Abigail será a trama chave até a Season Finale. Eu queria que eles solucionassem logo isso e focassem no que realmente importa, mas, vendo o episódio desta semana, parece que teremos muito mais semanas de investigações, porque as coisas acabaram de ficar um pouco mais tensas.

Uma grande surpresa, foi saber que o coração na caixa é realmente da Abigail. Really? Eu esperava que fosse de algum animal qualquer, só para dar aquele suspense especial. Então... Isso quer dizer que a nossa querida Abigail realmente partiu dessa para melhor? Vocês devem estar estranhando a pergunta, afinal, apareceu o coração da mulher, mas temos que lembrar que o Graham também não tinha coração, mas isso não o impediu de andar lindo, leve e livre pelas ruas de Storybrooke. E caso isso também aconteça com Abigail, não temos como negar que a Malvadona está por trás de toda essa história.

E o caso da semana se misturou com o de Storybrooke, como era de se esperar. Uma vez que todos estão duvidando da bondade suprema de Mary Margaret na vida real, ninguém duvida do que a Snow White é capaz em Far far away. Finalmente tivemos a continuação da história dela, depois de ter bebida a poção anti-amor e confesso que as consequências foram apocalípticas. Como já era de esperar, uma pessoa sem amor no coração... É uma pessoa seca, sem nada a perder. E, uma vez que Snow White não quer mais cantar com o passarinho-twitter, estava na hora de colocar em ação um plano mais... Vingativo.

Mas, como tudo em Far far away, todas suas ações têm consequências e sempre acompanhadas de alguma maldição cretina. Dessa vez não foi diferente! Ao invés de simplesmente deixar a Snow White possessa na vingança assassina, o roteiro teve que usar o Doppelganger para colocar um pouco de bondade justiceira em sua cabeça sem amor. Foi até engraçado vê-lo tomando um sacode da nossa princesa, mas estava óbvio que o amor ganharia esta batalha. Não, eu não achei que eles ficariam juntos, mas ÓBVIO que a Malvadona não iria morrer. Apesar disso, foi divertido vê-la tentando. E, por pouco, Malvadona não foi comer churrasco com o capeta.

Já no mundo real, as coisas estão realmente complicadas para Mary Margaret. David começou a lembrar de algumas coisas de Far far away, e isso complicou ainda mais sua situação com ele. Todas as provas apontam para ela e a safada ainda escapou da prisão, com uma daquelas chaves mágicas - abre tudo - da Malvadona. Aliás, Emma finalmente voltou suas atenções à Malvadona. Estava mais do que na hora, né? Só faltava a vilã colocar uma placa piscando para a própria cabeça "Sou malvada, sou cretina. Não nego". Mr. Gold definitivamente tem uma carta embaixo da manga, mas, na minha opinião, ele só não quer que a Malvadona ganhe.

Existe esta batalha interna entre os dois que é muito interessante, até porque, os dois são sujos. Então a briga parece prometer e, até o final da temporada, deverá acontecer. Quero destacar a conversa entre o Henry e o Ex-estranho - que eu esqueci o nome. Finalmente ele abriu o jogo com o garoto, mas, definitivamente, tem muito mais coisas a serem reveladas. Foi ótimo ver a Red fugindo com o Príncipe no começo e dando uma chance para ele escapar, se transformando no lobo. Continua exatamente do episódio que ela fugiu com ele e ainda acrescenta o que descobrimos no episódio passado. Enfim, amo a Red.
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
2 Comentários

Comentário(s)

2 comentários:

  1. No início foi estranho ver a Snow/Mary malvada mais até que gostei desse lado dela,pelo visto a Red/Ruby não está mais usando a maquiagem gótica ainda bem,Nefferson o nome do Ex-estranho é August e pela conversa dele com o Henry ele praticamente disse que foi ele quem escreveu o livro,espero que aconteça com a Abigail/Kathryn o mesmo que o Graham/Caçador e ela esteja viva sem o coração,pela promo do próximo episódio o Chapeleiro Maluco sequestrou a Mary Margaret.

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito desse episódio, ele entrou no meu top de favoritos da série. Agora, quanto a atitude da Emma é compreensível. Explicarei abaixo o que a levou a agir de forma passiva nos últimos episódios.

    É justificável a Emma se recusar a usar todas as armas a seu dispor para combater a Regina. Antes ela fazia isso, mas na época é porque não amava de verdade o Henry. No episódio em que ela vira xerife ela confessa à Mary que quer vencer de maneira honesta para que seu filho fique orgulhoso, por isso ela está andando na linha. Porém, ela percebeu que há algo muito grande a perder se falhar de novo. Por isso se viu obrigada a pedir a ajuda do Mr. Gold.

    E eu também adorei as cenas do início da série (Red se transformando no lobo e Snow White tentando matar um passarinho). Não imaginava ver isso e deu pra rir.

    Quanto a Kathryn, acho que ela não morreu, se não o Frederik não teria aparecido ali. Creio que ele será importante para o desfecho da temporada, assim como a Emma. Torço pra ela passar a agir como protagonista de agora em diante .

    ResponderExcluir