quinta-feira, 15 de março de 2012

[Crítica] Desperate Housewives - 8x16: You Take For Granted


Mike Delfino, vai com Deus!

Crítica:
(Abaixo Spoilers)

O episódio dessa semana foi frio. Um pouco morno. Frio. Não sei qual dessas duas coisas eu decido, se juntar fica uma coisa muito ruim, será? Enfim. O episódio com a carga emotiva e peso de texto como esse, foi fraco. Não sei se foi mal produzido. Ou se foi mau mesmo.

Bree enfim voltou para os braços das suas amigas lindas. Já não era tempo.

A maioria já sabia que Mike Delfino ia morrer. Coisa erradíssima de se fazer Marc. Erradíssima sabe porque? Porque a expectativa criada em cima é enorme. Assim como foi a da Edie, assim como foi o dos tornados, assim como foi o do fogo, assim como foi o do avião, e entre outros episódios sensacionais que essa série já proporcionou. Mas o do Mike deixou a desejar.

Primeiro, Mary Alice já narra a expectativa do episódio mostrando Juanita, Mike, McClausky, Bree (nada a ver a Bree entrar aí, achei fail), e Tom e Jane. Começamos por McClausky que foi pedir um favor a Bree: me mate! E Bree obvio, quase o fez. Brinks. Bree ficou chocada com a loucura de  Karen querer tirar sua vida e não viver um dia após o outro como se fosse o ultimo, eu espero que ela consiga sobreviver ao câncer, e se não tenha uma morte digna.

Em seguida, Jane contou a Lynnete que ela e Tom vão morar juntos. A cena em que Lynnete se mete em todas as fotos dela com Penny foi hilária. Jane é o tipo de madrasta irritante. Não má, irritante mesmo, insuportável. Já tive desse tipo. E Lynnete claro, ficou mordida de ódio dela mesma contar que vai morar com Tom. Apesar que Lynnete provocou a situação. Lynnete então que estava com esperanças de um dia voltar pra Tom, viu elas indo pelo ralo. Tadinha. Vendo que a situação ficou cagada, Tom manda Jane ir até Lynnete pedir desculpas. Ela vai. E então as duas discutem um pouco, e Jane resolve comer um pedaço de um folheado, sobra do aniversário, e pimba: ELA SE ENGASGA! Hilário. E Lynnete por um instante (sério mesmo) achei que deixaria ela se afogar. Mas como o bem sempre grita no interior de Lynn, ela salva Jane. E Jane sai puta, porque por um segundo pensou que Lynn a deixaria morrer.  Ok, vamos dizer que isso foi bom. Ou não. Ou sim. Ou não sei.

Juanita Solis, lindinha resolveu ter um gato. E Carlos resolveu dar dinheiro aos pobres, deixando Gaby fula. E então quando Gaby e Carlos estavam discutindo Juanita resolveu buscar seu gato no telhado. E obviamente ela ficou com medo de cair. Carlos, o herói a salvou. E realmente não seria legal matar Juanita. Seria devastador pra Gaby. Ela sempre com sua loucura por dinheiro não deixou Carlos deixar o emprego. Ela como sempre jogou na cara dele que já levou a família nas costas várias vezes e ele teria que retribuir de alguma forma; e me desculpem mas penso como ela. Ela já aguentou ele cego, aguentou uma rehab e fora entre outras coisas, é o mínimo que ele faz.

Bree entrou de gaiato numa historia. Na de Karen. Karen vendo que Bree não ia ajuda-la a morrer, resolveu fazer uma torta. E Roy recebeu Bree naquela bela tarde, e como todo vizinho educado ofereceu um pedaço. E eis que Karen revela que colocou vários comprimidos e venenos. Bree então correu pro hospital, mas antes Karen tirou a ideia absurda da cabeça de se matar e então, prometeu viver feliz e aproveitar ate o fim.

E enfim, Mike Delfino. O nosso delicioso vizinho viu seu fim chegar numa linda tarde. Depois de declarar seu amor a Susan, ele então foi vitima do agiota maldito do Ben. Ben deveria morrer. Orson deveria morrer. Até o Tom deveria morrer, menos Mike. Li que Teri Hacther estava puta da vida com a decisão da cúpula. Também concordo que eles deveriam ficar juntos até o fim. As cenas de “remember” foram lindas. Emocionantes. Derramei algumas lagrimas porque Mike foi a base de Susan desde a primeira temporada. Os dois passaram por tantas coisas, sei que a vida não é um conto de fadas (fadas nem existem!) mas sei lá, ele poderia ter matado um personagem menos importante pra trama.

Foi lindo o misto de cenas, mas não foi linda a morte de Mike. Espero que o próximo episodio seja narrado por James Denton. Espero mesmo.

Beijinhos housewives! 
Compartilhe
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...
Comentários
2 Comentários

Comentário(s)

2 comentários:

  1. Adorei seus comentários, concordo com tudo, a morte de Mike foi o fim, queria matar esse escritor, direitor.

    ResponderExcluir
  2. Gostei de tudo também. Foi uma pena o Mike ter morrido! :( ... Agora sobre a Lynnete, todos estamos com expectativas de que ela irá voltam com Tom, não?
    Enfim, fiquei chateada com esse episódio!

    ResponderExcluir